Aprovado no concurso MPU em 2º lugar para Rondônia no cargo de Analista, Brenno Freire relata as dificuldades durante sua preparação. "Algo me dizia que esse sacrifício valeria a pena... e valeu!"
Coordenação

Aprovado no concurso MPU em 2º lugar para Rondônia no cargo de Analista, Brenno Freire relata as dificuldades durante sua preparação. “Algo me dizia que esse sacrifício valeria a pena… e valeu!”

“Aconselho aos que estão iniciando seus estudos, que mantenham o foco e que sejam fortes. A aprovação é certa para aquele que não desistem”

Confira nossa entrevista com Brenno Freire, aprovado no concurso do Ministério Público da União, em 2º lugar para Rondônia, no cargo de Analista Processual:

Estratégia Concursos: Conte-nos um pouco sobre você, para que nossos leitores possam te conhecer melhor. Qual sua idade? De onde você é? Você é formado em que área?

Brenno Freire: Tenho 24 anos e sou de Aracaju/SE. Estou concluindo o último período da graduação em direito. 

Estratégia: O que te levou a tomar a decisão de começar a estudar para concursos?

Brenno: Desde quando completei a maioridade eu desejava a estabilidade, todavia não estudava da forma correta. Tentei alguns concursos em diversos órgãos, entre os 18 e os 20 anos, mas sem sucesso. Eu não tinha foco e muito menos a preparação correta.

Voltei aos estudos em março do ano passado, quando iniciei o 7º período da graduação. Porém, dessa vez, sabendo o que queria e focando apenas em concursos da área jurídica, em especial os TRT’s (minha grande paixão, onde realizei meu 1º estágio durante 1 ano).

Resumindo: o que me levou a estudar para concursos durante a graduação, foi o desejo de não precisar advogar, nem como profissional autônomo e muito menos como empregado de escritórios.

Estratégia: Durante sua caminhada como concurseiro, você trabalhava e estudava (como conciliava trabalho e estudos?), ou se dedicava inteiramente aos estudos para concurso?

Brenno: Durante o primeiro período de estudos (que citei na resposta acima, entre os 18 e 20 anos), eu trabalhava 44h semanais, só tendo como estudar aos finais de semana. 

Já no segundo período de estudos (a partir do 7º período da graduação), decidi que nunca mais trabalharia de carteira assinada e que alcançaria minha estabilidade. Por isso inicie um estágio no TRT aqui do meu estado, para poder dedicar ao menos 1 turno ininterrupto, todos os dias, para os meus estudos.

Estratégia: Quantos e em quais concursos já foi aprovado? Qual o último? Em qual cargo e em que colocação?

Brenno: Em quantos concursos já fui aprovado ao certo, não me recordo. Lembro das 4 últimas aprovações: Técnico Judiciário do TJ/AL; Técnico Judiciário do TRF da 1º Região; Oficial da Policia Militar de Sergipe (Nível superior em direito, quando ainda cursava o 8º período da graduação); e Analista Processual, em 2º lugar no estado de Rondônia, no concurso do MPU 2018.

Estratégia: Qual foi sua sensação ao ver seu nome na lista dos aprovados/classificados?

Brenno: Nessa última aprovação, no concurso de analista do MPU, a sensação foi indescritível! Confesso que apesar da preparação a algum tempo, fui pego de surpresa devido a colocação, visto que ainda estou concluindo a graduação.

Confesso que, apesar de ser aprovado em algum concurso até minha formatura ser um dos meus objetivos, não esperava esse presente de Deus, dessa maneira tão maravilhosa.

Estratégia: Como era sua vida social durante a preparação para concursos? Você saía com amigos, família, etc? Ou adotou uma postura radical, abdicando do convívio social?

Brenno: Adotei uma postura mais radical. Durante mais de 01 ano abdiquei de incontáveis sábados, domingos e feriados. Algo me dizia que esse sacrifício valeria a pena… e valeu (risos).

Estratégia: Você é casado? Tem filhos? Namora? Mora com seus pais? Sua família entendeu e apoiou sua caminhada como concurseiro? Se sim, de que forma?

Brenno: Sou solteiro, não tenho filhos e moro com minha mãe e irmãos. Minha mãe é maravilhosa e super entendeu minha decisão de ser concurseiro, Me deu todo o apoio que vocês possam imaginar! Não tenho dúvidas que ela é minha maior torcedora.

Estratégia: Você acha que vale a pena fazer outros concursos, com foco diferente daquele concurso que é realmente seu objetivo maior? 

Brenno: Não vale a pena focar em concursos diferentes do seu objetivo maior. Digo e repito a todos que leem essa entrevista: acreditem nos seus sonhos e acreditem que vocês são capazes. Nada é impossível para aquele que crê.

Estou muito feliz e satisfeito com minha aprovação, mas não vou parar por aqui. Sonho com a magistratura trabalhista. Assim que organizar minha vida em Rondônia e descansar um pouco minha cabeça (que ainda está muito cansada), retornarei aos estudos com força total, até lograr êxito e ser empossado juiz do trabalho.

Estratégia: Você estudou por quanto tempo direcionado ao concurso que foi aprovado?

Brenno: Há cerca de 1 ano e 8 meses venho numa preparação intensa para concursos na área jurídica. Mas, estudos exatos para o edital do MPU, foram durante 2 meses e meio, assim que fiz a 2º fase da OAB.

Estratégia: Chegou a estudar sem ter edital na praça? Durante esse tempo, como você fazia para manter a disciplina nos estudos?

Brenno: Por diversos momentos, estudei sem ter edital na praça. Durante todo esse período que citei na resposta anterior, eu fiz apenas 3 concursos do TRT, os concursos do TRF da 1º e 5º Região, o concurso do TJ/AL, o concurso de oficial da PM/SE e o concurso do MPU.

Estratégia: Que materiais você usou em sua preparação para o concurso? Aulas presenciais, telepresenciais, livros, cursos em PDF, videoaulas? Quais foram as principais vantagens e desvantagens de cada um?

Brenno: Estudei apenas pelos PDFs dos cursos de matérias isoladas que adquire no Estratégia Concursos (que digo sem medo de ser feliz, os melhores PDFs para estudos do Brasil, sem dúvidas). Estudei também por todos os materiais gratuitos ofertados pelo Estratégia, sejam pdfs ou videoaulas (inclusive gostaria de agradecer e enaltecer o maravilhoso trabalho gratuito que o Estratégia realiza. Vocês não tem noção do bem que vocês fazem, Parabéns e muito obrigado). Estudei ainda por materiais da graduação e livros de resumos sintéticos específicos para concursos.

De todos os materiais que utilizei não vi nenhuma desvantagem.

Sinceramente, não consigo notar vantagens em cursos presenciais. Acho muito resumidos, fora o tempo que se perde na locomoção de ida e volta. Sinceramente não recomendo.

Estratégia: Como conheceu o Estratégia Concursos?

Brenno: Por indicação de amigos concurseiros. Foi uma das melhores indicações que já recebi na vida, diga-se de passagem.

Estratégia: Uma das principais dificuldades de todo o concursando é a quantidade de assuntos que deve ser memorizada. Como você fez para estudar todo o conteúdo do concurso? Falando de modo mais específico: você estudava várias matérias ao mesmo tempo? Quantas? Costumava fazer resumos? Focava mais em exercícios, ou na leitura e releitura da teoria? Como montou seu plano de estudos? Quantas horas por dia costumava estudar?

Brenno: Não costumava estudar várias matérias ao mesmo tempo, mas no concurso do MPU eram 15 matérias e eu tinha plena consciência que não poderia estudar 1 matéria por dia. Como estudava de domingo a domingo, criei um cronograma onde estudava 2 matérias por dia, procurando sempre estudar assuntos correlatos (exemplo: Penal e processo penal, trabalho e processo do trabalho, etc.).

Costumava fazer resumos das matérias que tinha menos afinidade e as que eram específicas do concurso (exemplo: Legislação específica do órgão).

Focava tanto em exercícios quanto na releitura, porque achava ambos importantes. Somente nos últimos 10 dias antes da prova do MPU, bolei um plano maluco e consegui fazer 5000 questões. 

De segunda a sexta estudava 5 horas por dia. Aos sábados, domingos e feriados 8 horas por dia. Nos 15 últimos dias que precedeu a prova, pedi recesso do estágio e estudava de 10 a 12 horas diárias.

Estratégia: Você tinha mais dificuldades em alguma(s) disciplina(s)? Quais? Como você fez para superar estas dificuldades?

Brenno: Sim. Por incrível que pareça, Português. Quanto mais eu estudava, menos eu entendia (risos)! Confesso que a matéria já me prejudicou em alguns concursos, fazendo com que minha colocação despencasse. Não sei se consegui superar a dificuldade, mas eu fazia minha parte estudando toda a matéria. E, no dia da prova, contava com a sorte. No concurso do MPU, na prova de conhecimentos básicos, respondi todos os itens e errei apenas 3 itens da bendita matéria (português).

Estratégia: A reta final é sempre um período estressante. Como foi sua rotina de estudos na semana que antecedeu a prova? E véspera de prova: foi dia de descanso ou dia de estudo?

Brenno: A semana que antecedeu a prova, como já disse, estudava de 10 a 12 horas diárias, respondendo em média 500 questões por dia. Na véspera da prova foi dia de revisões, assistindo a maravilhosa revisão do Estratégia das 08 da manhã as 08 da noite. Assim que acabou jantei, tomei um banho e desmaiei na cama (risos), acordando apenas no outro dia para fazer a prova.

Estratégia: No seu concurso, tivemos, além das provas objetivas, as provas discursivas. Como foi seu estudo para esta importante parte do certame? O que você aconselha?

Brenno: Como eu já sabia o conteúdo que seria cobrado na questão discursiva, uma vez que se encontrava exposto no edital, tratei de decorar toda a legislação específica do MPU. Graças a Deus e minha preparação, obtive, em minha opinião, uma excelente nota (apesar de ter caído do 1º para o 2º lugar após o resultado da discursiva).

Aconselho que não esqueçam da preparação para a discursiva, uma vez que sua nota muda todo o quadro da classificação final.

Estratégia: Se você tivesse que apontar ERROS em sua preparação (se é que houve), quais seriam? Diga-nos também quais foram os maiores ACERTOS?

Brenno: Meu maior erro foi achar que era possível estudar tanto para o edital de técnico quanto para o de analista judiciário dos concursos de tribunal que realizei. De toda certeza eu falo: não vale a pena! O rendimento acaba sendo prejudicado.

O meu maior acerto foi ter mudado essa estratégia. No concurso do MPU me dediquei apenas ao cargo de Analista. Graças a Deus, minha estratégia deu certo e logrei essa aprovação.

Estratégia: O que foi mais difícil nessa caminhada rumo à aprovação? Chegou a pensar, por algum momento, em desistir? Se sim, como fez para seguir em frente?

Brenno: Enfrentei vários momentos difíceis durante esses 1 ano e 8 meses de preparação. O principal deles foi a doença do meu pai durante 01 ano e, a seguir, o seu falecimento. Só Deus sabe o que passou na minha cabeça e no meu coração. Mas Ele me deu forças para continuar na luta, até que eu almejasse essa grande vitória.

Em nenhum momento pensei em desistir, algo me dizia que minha insistência valeria a pena. Afinal, não existe vitória sem luta.

Estratégia: Qual foi sua principal motivação?

Brenno: Na verdade tive 02 grandes motivações: poder proporcionar a minha mãe uma vida mais digna e menos sacrificada; e alcançar a estabilidade que, para mim, era crucial em meio a esse mundo de crises o qual enfrentamos.

Estratégia: Por fim, o que você aconselharia a alguém que está iniciando seus estudos para concurso. Deixe-nos sua mensagem para todos aqueles que um dia almejam chegar aonde você chegou!

Brenno: Aconselho aos que estão iniciando seus estudos, que mantenham o foco e que sejam fortes. A aprovação é certa para aquele que não desistem.

A todos que leram minha entrevista até aqui, muito obrigado pela atenção e digo a vocês mais uma vez: Não desistam, acreditem em seus sonhos e persistam! A vitória chegará! Sucesso a todos.

Muito obrigado a equipe do Estratégia pelo convite! É uma honra para mim dividir a minha trajetória com todos vocês.

Estratégia: Nós que agradecemos pela confiança e, mais uma vez, parabéns pela aprovação!

Confira outras entrevistas em:

Depoimentos de Aprovados
Cursos Online para Concursos

Foi aprovado e deseja dividir com a gente e com outros concurseiros como foi sua trajetória até a aprovação?! Me mande um e-mail! [email protected]

Grande abraço!

Thaís Mendes

Compartilhe:

Veja os comentários:
Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados
Depoimentos dos Aprovados

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.