Tecnologia da Informação IADES para a PCDF - dissecando a banca
Celson Carlos Martins Junior

Tecnologia da Informação IADES para a PCDF – dissecando a banca

Tecnologia da Informação IADES para a PCDF – dissecando a banca


 

Salve colegas concurseiros!

Para premiar os concurseiros mais otimistas e preparados, foi publicado hoje o edital do concurso para perito da Polícia Civil do Distrito Federal. Isso demonstra que, a despeito das expectativas mais pessimistas, este será sim mais um ano de grandes concursos.

 

iades_edital

O concurso da Polícia Civil do Distrito Federal é um excelente concurso, e um dos mais concorridos do DF. Para Perito Criminal, área de Ciência da Computação/Informática, são 2 vagas + 10 vagas para cadastro reserva. As provas objetivas e discursivas estão previstas para 19/06/2016.

Como sabemos, a preparação para este concurso exigirá não apenas conhecimento das matérias de prova, mas principalmente conhecer bem a banca que vai aplicar a prova e como ela costuma abordar cada uma das disciplinas que farão parte do concurso.

O foco deste nosso artigo será apresentar um raio-x da banca examinadora. Para um bom aproveitamento, é necessário conhecê-la, traçando um estudo minucioso de suas características,  peculiaridades e preferências. Não basta mais dominar e se ater à teoria, temos que conhecer o perfil da banca organizadora, e se preparar de acordo com ele. Conhecendo bem o adversário, é mais fácil definir nossa estratégia de estudo.

Vamos então falar um pouco sobre a banca selecionada –  IADES – e sua abordagem nas provas de TI.

O Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES) é uma banca que ultimamente vem ganhando força no mundo dos concursos públicos. Ainda não tem muita tradição nos concursos de Tecnologia da Informação, mas organizou concursos relevantes nos últimos anos. O nível de exigência não deixa a desejar às bancas tradicionais.

Teremos 40 questões sobre nosso conteúdo específico de TI. Cada questão valendo 1,25 pontos. Para ser aprovado nesta prova, é necessário acertar, no mínimo, 20 questões. Nos conhecimentos específicos (página 27) do edital, temos quatro macro-tópicos: Des/Eng. de Software, Redes/Segurança, SO/Infraestrutura e Bancos de Dados/BI. É extenso o conteúdo!

A equipe de Tecnologia da Informação do Estratégia Concursos analisou aproximadamente 200 questões de provas de TI aplicadas entre 2013/2014/2015. Abaixo, temos um gráfico da distribuição média por assunto da banca.

Questoes_Iades (1)

Iades_TI

* Governança não cai neste concurso da PCDF.

Vejamos então as características das provas de Tecnologia da Informação da IADES:

As questões são de múltipla escolha, com cinco alternativas, geralmente. Importante: em regra, as questões abordam um conteúdo por vez (monotópicas). O nível de dificuldade das questões é de médio a difícil. A prova é organizada por disciplinas.

Poucas questões da banca são baseadas em bibliografia tradicional/consagrada. As questões são bem distribuídas entre os conteúdos. Algumas poucas questões são controversas. As questões privilegiam o conhecimento teórico do candidato sobre cada disciplina, com poucas questões de cunho prático. Na hora da prova, procure iniciar a resolução pelas questões menores e mais simples.

Por exemplo, em sistemas Operacionais, a abordagem é de, a partir de textos exemplificativos, cobrar um conceito ou definição relacionado. Os textos das questões são longos, mas as alternativas são diretas e objetivas.

Por exemplo, observem esta questão recente do concurso do TRE-PA:

(Cargo 105 – Analista Judiciário – Analista de Sistemas – Prova tipo C) – O LDAP é um serviço de diretório para rede TCP/IP. Um uso comum desse serviço é a autenticação centralizada de usuários; nesse tipo de aplicação, o cliente inicia a comunicação, conectando-se ao servidor LDAP e enviando requisições, ao passo que o servidor responde com as informações contidas em sua base de dados. A respeito das operações que o cliente pode requisitar ao servidor LDAP, assinale a alternativa que corresponde a um pedido de conexão segura (criptografa), implementada a partir do LDAPv3.

a) Extend Operation

b) Init Security

c) StartTLS

d) Bind

e) Unbind

Os temas mais recorrentes em SO são: em Linux, componentes, comandos e protocolos; em Windows, comandos e  protocolos, como o LDAP. Em média, temos de 3 a 5 questões de Sistemas Operacionais, por prova de TI.

Conhecemos então um pouco da banca. Com estas considerações, uma estratégia eficiente de estudos deve aliar o conteúdo teórico (extenso), à resolução de questões de concursos anteriores.  A equipe de Tecnologia da Informação do Estratégia Concursos estará à disposição, elaborando o conteúdo mais adequado para a sua preparação.

Em frente! Bons estudos!

Tecnologia da Informação (parte IV) p/ Perito Criminal – PCDF (com videoaulas)

Posts Relacionados

Compartilhe:

Celson Carlos Martins Junior

Celson Carlos Martins Junior

Celson é servidor público, cargo de Analista em Tecnologia da Informação, lotado no Ministério do Planejamento, onde atua com Normatização de Contratações de TI e com Contratações Conjuntas destinadas ao SISP, Executivo Federal. Sua formação acadêmica é em Redes de Computadores, especialização em Segurança da Informação  e Mestrando em Computação Aplicada pela Universidade de Brasília. Aprovado nos seguintes concursos: SERPRO 2008, ATI MPOG 2009, STM 2010 e CNMP 2015. Experiência profissional em Tecnologia da Informação no serviço público de mais de 10 anos, atuou nas áreas de Infraestrutura, Servidores, Redes e Segurança da Informação.  

Veja os comentários:
Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.

Estamos aqui para ajudar você!
x