Notícia

Concurso DPU: plano de cargos é aprovado no Senado. Confira!

Foi aprovado pelo Senado Federal, no dia 17 de maio de 2022, o projeto de lei que cria quadro próprio de servidores, contemplando cargos efetivos e em comissão para atuar na Defensoria Pública da União (concurso DPU)!

A PL n° 1252, de 2022, já havia sido aprovada pela Câmara dos Deputados e na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. A DPU possui como objetivo a criação de carreira administrativa na Defensoria, que hoje atua com servidores cedidos de outros órgãos.

Com a aprovação do Senado, serão criados 410 cargos efetivos de Analista e 401 de Técnico para o quadro de servidores da Defensoria.

O próximo passo para que que se encaminhe a realização do certame é a a condução do plano para o Poder Executivo, que poderá sancionar ou não a medida. A efetuação de um concurso para o órgão depende do andamento deste projeto.

Com a aprovação da PL, os cargos de Analista, de nível superior, poderão obter remuneração que varia entre R$ 7.323,60 e R$ 10.883,03.

Já os cargos de Técnico, de nível intermediário, a remuneração pode variar entre R$ 4.363,94 a R$ 6.633,12!

Historicamente, a DPU conta um elevado déficit de recursos humanos. Com uma força de trabalho de 1.163 servidores, 828 são cedidos de outros órgãos da administração pública.

Em virtude dessa precariedade, a DPU, que conta ainda com cerca de 2 mil estagiários e 637 defensores, precisa de quadros para prestar adequadamente seus relevantes serviços.

Quer ficar por dentro de todas as atualizações sobre os cargos aprovados e o concurso DPU? Preparamos um artigo repleto de informações para você!

Saiba mais: concurso DPU

Quer saber tudo sobre concursos previstos?
Confira nossos artigos!

Quer estudar para Concurso DPU?

Conheça nossos cursos e garanta sua aprovação:

Assinatura Concursos

Assinatura de 1 ano ou 2 anos

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja os comentários
  • Nenhum comentário enviado.