0

Carreiras jurídicas: como investir no aperfeiçoamento profissional?

Conheça as melhores oportunidades para que você possa impulsionar a sua carreira na área jurídica

As carreiras jurídicas atraem a atenção de muitas pessoas: seja por causa dos altos salários ou do grande impacto da profissão na sociedade, o setor do Direito é sempre um dos mais desejados por aqueles que buscam um futuro profissional promissor. 

O Direito abre possibilidades em múltiplos segmentos de atuação, tanto no setor público quanto no setor privado. No caso dos órgãos públicos, carreiras para cargos como Delegado, Procurador, Juiz e Promotor, por exemplo, são alguns exemplos das mais procuradas. No setor privado, grandes escritórios de advocacia buscam ativamente novos talentos para investir nas suas equipes e projetos. 

No artigo de hoje, vamos conversar sobre o contexto das carreiras jurídicas e entender como você pode impulsionar a sua jornada profissional nesse segmento. 

1) Os principais desafios para a consolidação de uma carreira na área jurídica

Em primeiro lugar, é importante entendermos o cenário profissional apresentado para os alunos formados em Direito no Brasil: atualmente, a OAB registra mais de 1 milhão e 200 mil advogados no nosso país. Veja que estamos considerando apenas os profissionais que já foram aprovados no Exame da Ordem: se olharmos para os bacharéis em Direito que ainda vão prestar a prova, esse número é ainda maior.

Um dos principais atrativos da carreira no Direito é a possibilidade de prestar concursos públicos para altos cargos da Administração Pública. Os salários vantajosos, a estabilidade e os demais direitos oferecidos pelos estatutos específicos de cada carreira são bons atrativos para quem decide pela área profissional. 

O Direito, por ser um setor muito amplo, também permite uma grande diversidade de oportunidades para os profissionais: eles podem atuar tanto em áreas empresariais como também trabalhar em questões que envolvem relações internacionais com outros países, por exemplo. Dessa forma, ao concluir uma graduação em Direito, um grande leque de possibilidades é aberto para o novo profissional.

Isso também significa, no entanto, que o Direito exige um alto foco nos estudos e no aperfeiçoamento constante. De acordo com dados apresentados pelo Ministério da Educação em 2015, 1 em cada dez alunos de graduação cursa Direito. Dessa forma, vemos que o curso superior já não é mais suficiente para ser visto como um diferencial entre os profissionais da área quando eles buscam desenvolver as suas carreiras no mercado de trabalho. 

2) Concursos públicos: as oportunidades para carreiras jurídicas

É muito comum ouvirmos o discurso de que “quem faz Direito, faz concurso”. Há bons motivos para essa afirmação ser tão comum na nossa sociedade: os concursos públicos realmente apresentam oportunidades vantajosas para profissionais formados na área. 

Mesmo que o foco do candidato não seja uma carreira de natureza estritamente jurídica – como Procuradorias ou Defensorias – é verdade que o mundo dos concursos é mais propício os candidatos formados em Direito. Pela própria natureza da Administração Pública, vemos a necessidade da cobrança nas provas de assuntos como Direito Administrativo e Direito Constitucional, por exemplo. 

Dessa forma, percebemos como o conhecimento jurídico é essencial para todos os servidores públicos, independentemente do cargo ou da área de atuação. Por isso, ao desenvolverem certames para cargos de carreiras jurídicas, é esperado que as bancas examinadoras aumentem consideravelmente os níveis de cobrança dos conteúdos apresentados

É por isso que nós vemos alunos que, muitas vezes, precisam de um grande período de tempo para serem aprovados em concursos de alto nível, como para a Magistratura ou para carreiras de Delta, por exemplo. Isso acontece não por incompetência do aluno, mas sim por causa da imensa quantidade de conteúdos que precisam ser estudados para obter sucesso no certame. 

Além da diversidade de disciplinas, os concursos para área jurídica têm uma peculiaridade: também exigem aprofundamento nos assuntos apresentados. Ou seja, não basta conhecer os temas de maneira superficial: os alunos também precisam efetivamente dominar o conteúdo. Esse conhecimento, portanto, será cobrado de forma incisiva em fases como as provas orais e as provas discursivas, dependendo das características e regras estabelecidas para cada certame. 

3) Como ser um profissional diferenciado em uma carreira jurídica? 

Uma das principais tendências no mercado profissional do Direito é o aperfeiçoamento profissional constante: essa estratégia é essencial para quem quer se diferenciar em um segmento cada vez mais concorrido. 

O mercado exige profissionais especializados, ou seja, que têm uma “visão do todo”, mas que também têm o seu foco direcionado para uma área específica de atuação. Oferecer um atendimento e desenvolver um trabalho específico, focado nas necessidades de cada cliente, é o mínimo esperado para um profissional de alto nível e que deseja ser reconhecido na sua carreira. 

No caso do setor público, o cenário não é muito diferente: para ingressar em uma carreira jurídica e ser bem-sucedido nela, é indispensável investir no aprofundamento dos conhecimentos em uma ou mais áreas específicas do Direito. 

É importante, dessa forma, que o profissional faça uma avaliação dos seus próximos passos na carreira: qual é a área do Direito que desperta o meu interesse? Quais são os cargos e/ou posições profissionais que eu desejo ocupar no futuro? Como desejo ser reconhecido pelo mercado e pelos meus colegas de profissão? 

Uma análise pessoal a respeito das respostas para essas perguntas e um olhar crítico e direcionado para o mercado do Direito podem ajudar na tomada de decisão!

Ao buscar pelo aperfeiçoamento profissional, a nossa recomendação é realizar uma pós-graduação direcionada para carreiras jurídicas. O programa do curso precisa ser desenvolvido com o foco específico nesses profissionais e nos seus objetivos, para que o curso efetivamente traga uma preparação de alto nível. 

Em parceria com a Faculdade Unyleya, o Estratégia lançou, em 2020, os programas de pós-graduação para Carreiras Jurídicas: são cursos com duração de 14 meses direcionados para bacharéis em Direito que desejam focar em uma área específica e renovar os seus conhecimentos jurídicos. 

Todos os cursos são reconhecidos pelo MEC e possuem a carga horária total de 585h. Cada programa é formado por 13 disciplinas ministradas em vídeo e em livros digitais completos. 

Conheça os cursos de pós-graduação para carreiras jurídicas:

Deixo aqui também um convite para que você nos acompanhe no Instagram da pós-graduação! Estamos produzindo conteúdos incríveis para te auxiliar na sua jornada de estudos e no seu aprimoramento profissional!

Posts Relacionados

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *