Recurso Português Guarda Municipal de Belo Horizonte
Décio Terror Filho

Recurso Português Guarda Municipal de Belo Horizonte

Olá, pessoal!

Analisei a prova de Português da Guarda Municipal de Belo Horizonte e percebi possibilidade de recurso na questão 9:

Não vou comentar toda a questão, porque a ideia é mostrar o erro na digitação do gabarito, e isso fica patente porque a afirmação I está correta. Vejamos a questão:

QUESTÃO 09
Considerando o emprego do “A” acentuado/craseado, avalie as alterações propostas em cada dupla de frases.
I. “Tanto assim que até seu inventor apresentava restrições àquelas inovações.”
“Tanto assim que até seu inventor apresentava restrições a estas inovações.”
II. “Gera alterações químicas no cérebro que levam a reações idênticas às da síndrome de abstinência.”
“Gera alterações químicas no cérebro que levam as reações idênticas às da síndrome de abstinência.”
III. “Os gadgets modernos e as redes sociais podem ser danosos e, por esse motivo, é indicado o acesso a eles.”
“Os gadgets modernos e as redes sociais podem ser danosos e, por esse motivo, é indicado o acesso deles.”
IV. “E a outras similares às que decorrem da dependência de drogas.”
“E a outras similares das que decorrem da dependência de drogas.”
É CORRETO afirmar que o sentido original ficou comprometido em:
(A) I e IV.
(B) II, III e IV.
(C) II e III.
(D) I, II e III.

A banca deu como gabarito a alternativa (C), levando em consideração que somente as reescritas II e III fazem mudar o sentido, porém há de se observar que, além dessas, a reescrita I também mudou o sentido do trecho original.

Vejamos:

“Tanto assim que até seu inventor apresentava restrições àquelas inovações.”
“Tanto assim que até seu inventor apresentava restrições a estas inovações.”

Como a banca não tirou as frases de um texto, não há um contexto, por isso mesmo ela deve observar a possibilidade de mudança de sentido, pois o emprego do pronome demonstrativo “aquelas” ocorre quando se quer posicionar algo distante no texto, isto é, aquelas inovações faladas primeiramente no texto; diferente do uso de “estas”, que marcaria as últimas inovações colocadas anteriormente no texto.

Assim, a mudança de sentido ocorre e com isso a alternativa (D) é que deveria ter sido colocada como o gabarito da questão.

Dessa forma, deve-se pedir a troca do gabarito de (C) para (D).

Espero ter ajudado, meus amigos!

Décio Terror

Posts Relacionados

Compartilhe:

Décio Terror Filho

Décio Terror Filho

Décio Terror Filho é formado em Letras pela Universidade Federal de Juiz de Fora-MG. Professor concursado na área federal, com especialização na didática, no ensino a distância e na produção de texto. Atua no ensino da Língua Portuguesa para concurso público desde 2000. Tem vários artigos publicados em revistas direcionadas para concurso público, portais de ensino, além de seus dois livros: Resoluções de Provas de Português - banca ESAF  e Resoluções de Provas de Português + breve teoria - banca FCC, ambos lançados pela Editora Ímpetus.

Veja os comentários:
Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.

Estamos aqui para ajudar você!
x