Minha aprovação no ICMS-SP!
Área Fiscal

Minha aprovação no ICMS-SP!

Olá concurseiros!

 

     Meu nome é Leandro Raposo e atualmente exerço o cargo de Agente Fiscal de Rendas do Estado de São Paulo, o famoso ICMS/SP. Também sou coach do Estratégia Concursos e venho hoje contar como foi meu caminho até a tão sonhada aprovação. Vamos lá!

 

   Me formei na Escola Naval em 2007, quando me tornei segundo-tenente do Corpo de Fuzileiros Navais. Era um grande sonho realizado, todo aspirante deseja este momento. Passada a euforia, logo no meu primeiro ano como oficial, comecei a perceber que meu futuro não seria no militarismo. Vários amigos estudavam e passavam em concursos, passando a ter uma vida bem mais tranquila e melhor remunerada que a minha. Eu observava de longe, desejando também uma mudança de vida. Mas minha carreira na Marinha era gratificante e desafiante, o que me prendeu durante muito tempo no militarismo. É o conhecido binômio “acomodado x incomodado”, tão importante para encontramos nossa motivação. Em breve escreverei um artigo sobre isso. :) Mas enfim, a realidade é que eu estava acomodado e as oportunidades de concursos públicos estavam passando pela janela. Ao mesmo tempo, muitas oportunidades na carreira apareciam para mim. Cursos no Exército Brasileiro, na Força Aérea, até curso no Exército dos EUA eu fui fazer. Eu realmente não tinha do que reclamar. Sempre que a desmotivação começava a aparecer, surgia uma novidade. E foi numa dessas novidades que tudo mudou. Fui designado para compor o XV Contingente Militar Brasileiro no Haiti, missão do qual me orgulho muito de ter participado. Passei nove árduos meses lá, participando de uma experiência única em minha vida. Ao mesmo tempo em que vivia o auge de minha carreira militar, o que seria um forte sinal de acomodação, eu percebia que aquele não era o meu futuro. Eu não queria ser militar para o resto da vida. O incômodo finalmente chegara. Dali em diante, a motivação de estudar e passar em um concurso público crescia cada vez mais. Já estava cansado de ver a galera passar e ficar para trás. Tomei vergonha na cara, mandei a preguiça embora e comecei a estudar.

     Mesmo motivado, eu ainda estava no Haiti. Não existiam muitas opções de cursos e materiais. Até porque eu estava sozinho nessa empreitada. Fiquei mais ou menos um mês tentando me organizar e procurando um material bom para estudar. Em dezembro de 2011 tive meu primeiro contato com a atividade de coaching. Um conhecido estava trabalhando com preparação de candidatos para concursos públicos, e graças a alguns amigos em comum, consegui uma vaga para ser coachee dele. Esse foi o grande ponto de inflexão para mim. Iniciei meus estudos em janeiro de 2012, já visando o concurso ICMS/SP, que teoricamente era o mais próximo de acontecer. Eu não tinha muito tempo disponível para estudar no Haiti, mas procurava aproveitar cada segundo livre. Pelo menos uma hora por dia, para manter o pensamento voltado para o objetivo. Quando voltei ao Brasil, em meados de abril de 2012, aí sim o bicho começou a pegar. Eu estudava todo dia de 19:00 as 23:00, no mínimo. Nos finais de semana, de seis a oito horas de estudo por dia. A confiança foi crescendo, o conhecimento aumentando, e me sentia cada vez mais preparado. Não foram poucas as dificuldades na vida militar. Muito serviço, muitas missões, formaturas, cursos. Fica bem complicado arrumar um tempinho para estudar. Às vezes eu passava 10, 15, 20 dias longe dos livros por causa de exercícios militares pelo Brasil. Mas eu não desanimava, e cada vez que eu saía em missão, voltava com mais vontade ainda de estudar e passar na prova. E assim foi até o final de 2012.

     Em janeiro de 2013 saiu o edital do ICMS/SP. E, junto com o edital, viria um obstáculo a mais. 2013 era o ano do meu curso de aperfeiçoamento como oficial da Marinha. Eu não podia simplesmente ignorá-lo e só estudar para o fisco, pois se não passasse na prova do ICMS/SP, continuaria na Marinha, e você não é bem visto se começa a tirar notas baixas nas provas. Tive que levar os dois estudos em paralelo, equilibrando estudos militares com estudos fiscais. Foi um período pré-edital bem desgastante. Piorando um pouco mais, eu tinha prova no aperfeiçoamento exatamente na segunda-feira pós prova do ICMS/SP. Complicado!!! Mas fui levando da melhor maneira possível. No final de semana da prova, eu estava bem confiante, mas devido ao pouco tempo de estudo, estava preparado para um possível “fracasso”. Voltei para o Rio de Janeiro feliz com meu desempenho, mas ainda restavam dúvidas quanto à aprovação. Principalmente em ter tirado a nota mínima na temida P1. Ver meu nome na relação de aprovados foi uma sensação indescritível! Terminava ali meu ciclo de estudos para concursos públicos, pelo menos temporariamente. Tinha sido um ano bem puxado, e o que eu mais queria mesmo era descansar e aproveitar um pouco a vida. Muitas comemorações, família feliz e um futuro promissor numa das melhores carreiras do Brasil. 

 

     Bem pessoal, por enquanto é só. Se vocês tiverem alguma pergunta, comentário, sugestão, qualquer coisa, não se esqueçam de deixar um recado aí embaixo.

Forte abraço a todos e até a próxima!

E-mail: [email protected]

  • Was this Helpful ?
  • YesNo

Posts Relacionados

Leandro Raposo

Leandro Raposo

Coach no Estratégia Concursos e Agente Fiscal de Rendas do Estado de São Paulo (ICMS-SP), aprovado no concurso de 2013. Aprovado no concurso para a Escola Naval em 2003. Bacharel em Ciências Navais pela Escola Naval. Pós-graduado em Ciências Militares pela EsACosAAe, escola militar pertencente ao Exército Brasileiro. Graduando em Economia pela Universidade Paulista.  

Veja os comentários:

Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados