0

Concurso IFCE: inscrições prorrogadas!

Foram prorrogadas as inscrições do concurso IFCE até o dia 10/11/2021. As provas serão realizadas nos dias 11 e 12/12/2021. O certame é organizado pela banca Idecan.

São ofertadas 49 vagas para Técnico Administrativo de níveis médio/técnico e superior e 132 vagas para Docentes. Os salários iniciais para Técnico vão de R$ 1.945,07 a R$ 4.180,67. Já para Professor, o salário é de R$ 4.472,64.

  • Concurso IFCE
  • Status: edital retificado/ inscrições prorrogadas
  • Banca: IDECAN
  • Vagas: 49 para Técnico Administrativo / 132 para Docente
  • Salário: R$ 1.945,07 / R$ 4.180,67 / R$ 4.472,64
  • Link do edital: Técnico 2021 / Docente 2021

O edital do concurso IFCE para o cargo de Técnico-Administrativos em Educação foi retificado. Confira aqui! Foram modificados requisitos exigidos e o conteúdo programático.

Prepare-se com o melhor material e com quem mais aprova em Concursos Públicos em todo o país.

Concurso IFCE: situação atual

  • Inscrição Técnico: até 10/11/2021
  • Inscrição Docente: até 10/11/2021
  • Prova para Técnico Administrativo – 11 e 12/12/2021
  • Prova para Docente – 11/12/2021
  • Taxas: R$80,00 / R$ 100,00 / R$ 150,00

Análise de Edital – Docentes

Análise de edital – Técnico

Concurso IFCE: cargos e vagas

Técnico Administrativo

Docentes

São ofertadas 132 vagas para Docentes. Confira aqui cada especialidade.

Concurso IFCE: remuneração

A remuneração do concurso IFCE para o cargo de Técnico Administrativo é de R$ 1.945,07 / R$ 4.180,67.

Para o cargo de Docente é de R$ 4.472,64. Além do valor remuneratório, os candidatos ainda fazem jus aos valores R$ 458,00 (Auxílio-Alimentação) e R$ 321,00 (Auxílio Pré-Escolar).

Concurso IFCE: requisitos

Técnico Administrativo

  • ADMINISTRADOR – Curso superior completo em Administração + registro no conselho competente
  • ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO – Curso superior completo na área
  • ASSISTENTE DE ALUNOS – Ensino Médio Completo
  • ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO – Médio Profissionalizante ou Médio completo
  • ASSISTENTE SOCIAL – Curso Superior em Serviço Social + Registro no Conselho Competente
  • AUDITOR – Curso Superior em Economia ou Direito ou Ciências Contábeis Registro no Conselho Competente
  • BIBLIOTECÁRIO-DOCUMENTALISTA – Curso Superior em Biblioteconomia ou Ciências da Informação + Registro no Conselho Competente
  • CONTADOR – Curso Superior em Ciências Contábeis + registro no conselho competente
  • ENFERMEIRO – Curso Superior em Enfermagem + registro no conselho competente
  • FISIOTERAPEUTA – Curso Superior em Fisioterapia + registro no conselho competente
  • MÉDICO – Curso Superior em Medicina + registro no conselho competente
  • NUTRICIONISTA – Curso Superior em Nutrição + registro no conselho competente
  • PEDAGOGO – Curso Superior em Pedagogia
  • TÉCNICO DE LABORATÓRIO ÁREA / AQUICULTURA – Médio Profissionalizante na Área de Construção Naval ou Médio completo + curso Técnico em Pesca, Construção Naval ou Recursos Pesqueiros
  • TÉCNICO DE LABORATÓRIO ÁREA / BIOLOGIA – Médio Profissionalizante na Área ou Médio completo + curso Técnico em Laboratório de Ciência da Natureza ou Agropecuária ou Zootecnia ou Agricultura
  • TÉCNICO DE LABORATÓRIO ÁREA / CONSTRUÇÃO NAVAL – Médio Profissionalizante na Área de Construção Naval ou Médio completo + curso Técnico em Pesca, Construção Naval ou Recursos Pesqueiros
  • TÉCNICO DE LABORATÓRIO ÁREA / EVENTOS – Médio Profissionalizante na Área ou Médio completo + curso Técnico em Eventos
  • TÉCNICO DE LABORATÓRIO ÁREA / INFORMÁTICA – Médio Profissionalizante na Área ou Médio completo + curso Técnico em Informática ou Técnico em Informática para Internet ou Técnico em Manutenção e Suporte em Informática ou Técnico em Redes de Computadores ou Técnico em Telecomunicações
  • TÉCNICO DE LABORATÓRIO ÁREA / MECÂNICA – Médio Profissionalizante na Área de Mecânica ou Médio completo + curso Técnico em Mecânica
  • TÉCNICO DE LABORATÓRIO ÁREA / QUÍMICA – Médio Profissionalizante na Área de Química ou Médio completo + curso Técnico em Química
  • TÉCNICO EM ASSUNTOS EDUCACIONAIS – Curso Superior em Pedagogia ou Licenciaturas
  • TÉCNICO EM CONTABILIDADE – Ensino Médio Profissionalizante ou Ensino Médio Completo + Curso Técnico em Contabilidade e registro no conselho Competente
  • TÉCNICO EM ENFERMAGEM – Ensino Médio Profissionalizante ou Médio completo com curso Técnico em Enfermagem + registro no conselho competente
  • TÉCNICO EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO – Médio Profissionalizante na Área ou Médio completo + curso técnico em eletrônica com ênfase em sistemas computacionais

Docentes

  • a) ter sido aprovado e classificado no concurso público, na forma estabelecida neste Edital, em seus anexos e eventuais retificações;
  • b) ter nacionalidade brasileira ou portuguesa e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo Estatuto de Igualdade entre brasileiros e portugueses;
  • c) ter idade mínima de 18 anos completos, na data da investidura;
  • d) estar em pleno gozo dos direitos políticos;
  • e) estar quite com as obrigações eleitorais e, em caso de candidato do sexo masculino, também com as militares;
  • f) firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público ou entidade da esfera federal, estadual ou municipal;
  • g) possuir os requisitos exigidos para o cargo;
  • i) ser considerado apto em todos os exames médicos pré-admissionais, devendo o candidato apresentar os exames clínicos e laboratoriais solicitados, os quais correrão às suas expensas;
  • j) não acumular cargos, empregos ou funções públicas, exceto aqueles permitidos na constituição;
  • k) não receber, no ato da nomeação, proventos de aposentadoria oriundos de cargo, emprego ou função exercidos perante a União, Território, Estado, Distrito Federal, Município e suas Autarquias, Empresas ou Fundações, conforme preceitua a constituição;
  • l) não ter sofrido, no exercício de função ou cargo público, penalidade incompatível com a nova investidura em cargo público federal;
  • m) cumprir as demais determinações deste Edital.

Concurso IFCE: etapas

Técnico Administrativo

Prova Objetiva

  • Língua Portuguesa – 10 questões
  • Decreto nº 1.171/94 /Lei 8.112/90 /Lei n° 9.784/99 /Lei n° 11.892/08/ Lei 11.091/06 – 10 questões
  • Conhecimentos Específicos concernentes ao cargo 40 questões

Prova Objetiva – Docente

As provas objetivas do concurso IFCE terão 60 questões, com peso distinto a depender da disciplina:

Prova de Desempenho Didático

A prova terá caráter classificatório e eliminatório, valerá de 0 a 100 pontos. O candidato para ser considerado habilitado deverá obter no mínimo 60 pontos.

O exame consistirá em uma aula ministrada em nível de graduação, sobre o tema indicado para cada subárea objeto da seleção, perante a banca examinadora, e terá duração de 60 minutos.

Prova de Títulos

TITULAÇÃO – PONTUAÇÃO – DOCUMENTAÇÃO COMPROBATÓRIA NECESSÁRIA:

Doutorado – 24 – Diploma de Curso de Doutorado reconhecido pela CAPES e reconhecidos pelo Conselho Nacional de Educação – CNE/MEC, na subárea de conhecimento em que esteja concorrendo, ministrado por Instituição de Ensino Superior e, quando estrangeiro, devidamente revalidado; ou Declaração expedida pelo órgão competente da instituição de ensino superior, informando que o candidato cumpriu todos os requisitos para a obtenção do grau de Doutor, e que o Diploma se encontra em processo de confecção.

Doutorado – 20 – Diploma de Curso de Doutorado reconhecido pela CAPES e reconhecidos pelo Conselho Nacional de Educação – CNE/MEC, em qualquer área de conhecimento, ministrado por Instituição de Ensino Superior e, quando estrangeiro, devidamente revalidado; ou Declaração expedida pelo órgão competente da instituição de ensino superior, informando que o candidato cumpriu todos os requisitos para a obtenção do grau de Doutor, e que o Diploma se encontra em processo de confecção.

Mestrado – 18 – Diploma de Curso de Mestrado reconhecido pela CAPES e reconhecidos pelo Conselho Nacional de Educação – CNE/MEC, na subárea de conhecimento em que esteja concorrendo, ministrado por Instituição de Ensino Superior e, quando estrangeiro, devidamente revalidado; ou Declaração expedida pelo órgão competente da instituição de ensino superior, informando que o candidato cumpriu todos os requisitos para a obtenção do grau de Mestre, e que o Diploma se encontra em processo de confecção.

Mestrado – 14 – Diploma de Curso de Mestrado reconhecido pela CAPES e reconhecidos pelo Conselho Nacional de Educação – CNE/MEC, em qualquer área de conhecimento, ministrado por Instituição de Ensino Superior e, quando estrangeiro, devidamente revalidado; ou Declaração expedida pelo órgão competente da instituição de ensino superior, informando que o candidato cumpriu todos os requisitos para a obtenção do grau de Mestre, e que o Diploma se encontra em processo de confecção.

Especialização – 8 – Certificado de Curso de Especialização, em nível de Pós-Graduação lato sensu, na subárea de conhecimento em que esteja concorrendo, ministrado por Instituição de Ensino Superior; ou Declaração expedida pelo órgão competente da instituição de ensino superior, informando que o candidato cumpriu todos os requisitos para a obtenção do grau de Especialista, e que o Certificado se encontra em processo de confecção.

Especialização – 4 – Certificado de Curso de Especialização, em nível de Pós-Graduação lato sensu, em qualquer área de conhecimento, ministrado por Instituição de Ensino; ou Declaração expedida pelo órgão competente da instituição de ensino superior, informando que o candidato cumpriu todos os requisitos para a obtenção do grau de Especialista, e que o Certificado se encontra em processo de confecção.

Exercício do Magistério – 3 pontos por ano (até o limite de 30 pontos) – Documentos que comprovem o exercício do magistério em instituições de ensino público ou privado, por ano ou fração superior a 6 (seis) meses, contados a partir da data da graduação: a) Cópia da Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) incluída a folha de identificação, onde conste número e série, a folha de contrato de trabalho, informando a função e o período (dia, mês e ano) e discriminando o início e o fim do contrato; b) Cópia de certidão ou declaração, no caso de órgão público, que informe o período (dia, mês e ano) discriminando o início e o fim; c) Cópia do contrato de prestação de serviços voluntário ou remunerado (demonstrando expressamente o período de validade do contrato, com dia, mês e ano) e acompanhada de documento atualizado que comprove a vigência do citado contrato.

Exercício Técnico Profissional – 2 pontos por ano (até o limite de 20 pontos) – Documentos que comprovem o exercício especificamente técnico-profissional na área de conhecimento, objeto do concurso, por ano ou fração superior a 6 (seis) meses, contados a partir da data da graduação: a) Cópia da Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) incluída a folha de identificação, onde conste número e série, a folha de contrato de trabalho, informando a função e o período (dia, mês e ano) e discriminando o início e o fim do contrato; b) Cópia de certidão ou declaração, no caso de órgão público, que informe o período (dia, mês e ano) discriminando o início e o fim; c) Cópia do contrato de prestação de serviços voluntário ou remunerado (demonstrando expressamente o período de validade do contrato, com dia, mês e ano) e acompanhada de documento atualizado que comprove a vigência do citado contrato.

Quer saber tudo sobre concursos previstos?
Confira nossos artigos!

Quer estudar para o concurso IFCE?

Gostou desta oportunidade e deseja começar se preparar agora mesmo? Então, confira os nossos cursos e comece a estudar para IFCE:

Prepare-se com o melhor material e com quem mais aprova em Concursos Públicos em todo o país.

Assinatura Concursos

Assinatura de 1 ano ou 2 anos

Informações do concurso

Data: 11 e 12/12/2021
Banca: Idecan
Vagas: 49 / 132
Escolaridade: nível médio e superior
Termo de Referência
Edital: IFCE Técnico-2021 / Edital IFCE – Docente
Edital do último concurso: Edital IFCE 2016

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *