Como estudar Leis para Concursos? Dicas de estudo...
Paulo Guimarães

Como estudar Leis para Concursos? Dicas de estudo…

Como estudar leis para concursos

Olá amigos!

como-estudar-leis-para-concursosMeu nome é Paulo Guimarães, sou professor de Legislação Especial e coordenador da carreira jurídica aqui no Estratégia, e hoje quero conversar com vocês sobre como estudar leis especiais para concursos.

Vou trazer algumas dicas preciosas que vão ajudar você a aumentar sua produtividade e a vencer a dificuldade de compreender as normas específicas que aparecem nos editais dos certames.

COMECE PELO INÍCIO

Minha primeira dica, e talvez a mais importante de todas, é começar pelo início. Pode parecer óbvio, mas você precisa entender que uma lei, decreto ou outras normas são fruto de intensas e algumas vezes conturbadas discussões.

Não é raro que uma lei seja debatida e fique em trâmite nas casas legislativas por anos e anos antes de se concretizar. Obviamente você não precisa estudar a história de cada norma, mas algumas vezes entender esses fatores pode ser de grande ajuda.

Algumas vezes uma simples busca na internet nos leva a um ou dois parágrafos que nos explicam do que se trata aquela lei e de onde ela surgiu. Quer um exemplo? Dê uma olhadinha numa pequena explicação sobre a famosa Lei de Acesso à Informação, que tem aparecido em vários concursos! Você poderia ter encontrado essa explicação por meio de uma simples busca no Google, e é muito útil gastar esses poucos minutos antes de começar a ler a lei.

ATENÇÃO À DATA DE PUBLICAÇÃO DO EDITAL

Em geral, o edital do concurso “tira um retrato” da legislação no momento em que é publicado. O que quero dizer com isso é que as versões das normas que vão ser cobradas no concurso são, em regra, aquelas que estão em vigor na data da em que o edital é publicado.

Se seu edital foi publicado em 26 de agosto de 2016 e determinada lei foi modificada no dia 30, esta modificação, em regra, não será cobrada na sua prova, e a grande maioria dos editais de concurso já traz uma regra explícita nesse sentido.

PROCURE A LEI NO LUGAR CERTO

Encontrar as leis para estudar é outro problema comum para o concurseiro. É fundamental ter em mãos o texto da lei, e você precisa ter certeza de que ele está atualizado. Se estivermos falando de uma lei federal, a fonte realmente confiável é o site do Planalto. Se for uma lei estadual, em geral você vai encontrar as leis nos sites do Governo do Estado e da Assembleia Legislativa, e, se for uma lei municipal, nos sites da Prefeitura e da Câmara Municipal. Mas tome cuidado, pois em cada estado e em cada município as coisas funcionam de um jeito, e você precisa se certificar de que está estudando pelo texto atualizado!

Algumas vezes a norma que você precisa estudar não é uma lei, mas sim um regimento, um regulamento, uma portaria ou outros tipos normativos. Nesse caso você deve procurar o site do órgão responsável pela expedição da norma. Em geral há um item “legislação” no menu do site, e lá você poderá buscar a norma que precisa estudar.

Uma prática recente das bancas examinadoras, e que espero que se torne mais comum, é a de colocar no edital ou na página do concurso os links para a legislação atualizada. Infelizmente apenas bancas pequenas vêm fazendo isso, mas esperamos que as grandes sigam o exemplo e facilitem a vida do concurseiro! ;)

E ESSA TAL JURISPRUDÊNCIA?

A jurisprudência nada mais é do que o entendimento dos Tribunais a respeito da aplicação da lei. Dependendo do tipo de concurso que você vai fazer, é preciso ir além do que está escrito na lei, buscando entender também como o Poder Judiciário a tem aplicado.

“Mas professor, eu sempre preciso estudar a jurisprudência?”

Nem sempre! Isso depende de dois fatores: o tipo de concurso que você está prestando e o tipo de norma que você está estudando. Em geral, quanto mais “complexo” for o concurso, mais a banca tende a cobrar jurisprudência. Quando falo sobre concursos sempre coloco a palavra “complexo” entre aspas, pois o fato de um concurso ser de nível médio, por exemplo, não significa que ele é simples. Concursos para técnico judiciário, por exemplo, geralmente são bastante concorridos e exigem dos candidatos alto nível de preparação. Em concursos para cargos de nível superior geralmente o estudo da jurisprudência é essencial.

Aproveito para convidá-lo a conhecer o  Informativo Estratégico, onde você pode encontrar os principais julgados dos Tribunais Superiores comentados pelos professores do Estratégia. Confira os informativos comentados para saber como os tribunais funcionam!

como estudar leis para concursos
Você quer receber diretamente no seu e-mail dicas para estudar legislação? Inscreva-se na nossa Lista VIP – Estudando Legislação para Concursos.

Compartilhe:

Paulo Guimarães

Paulo Guimarães

Graduado em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco, especialista em Direito Constitucional. Atualmente é Auditor Federal de Finanças e Controle da Controladoria-Geral da União, aprovado no concurso de 2012 em 2° lugar na área de Prevenção da Corrupção e Ouvidoria . Atuou também como Técnico do Banco Central (2010-2012) e empregado público do Banco do Brasil (2004-2010), tendo sido aprovado no concurso de 2003 aos dezessete anos de idade. 

Veja os comentários:
Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Artigos Relacionados

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.

Vídeos Relacionados
Depoimentos dos Aprovados

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.