Boletim CACD #15: as principais notícias da semana relacionadas à Diplomacia (clipping)
Concurso Diplomata

Boletim CACD #15: as principais notícias da semana relacionadas à Diplomacia (clipping)

Índice de Notícias

Sob Bolsonaro e Fernandez, Brasil e Argentina vivem maior afastamento em 35 anos

Selo comemorativo das relações diplomáticas entre o Brasil e a República Tcheca e o Brasil e a Eslováquia

COVID-19 pode afetar disponibilidade e custo de medicamentos antirretrovirais no mundo

Nicolás Maduro expulsa embaixadora da UE

Resistência a acordo com Mercosul cresce na União Europeia

China aprova lei de segurança nacional para Hong Kong

Trump aprova plano para retirar 9.500 soldados da Alemanha

O que são os polêmicos assentamentos de Israel na Cisjordânia, foco de conflito histórico

Russos aprovam reforma que pode manter Putin no poder até 2036

Como Vladimir Putin alcançou 20 anos de poder na Rússia – e agora pode superar a longevidade de Stálin

O que a crise em Hong Kong revela sobre a China e o novo cenário mundial

Trump ataca revolução cultural “de esquerda” no Monte Rushmore

Venezuela retoma quarentena radical para conter coronavírus


Sob Bolsonaro e Fernandez, Brasil e Argentina vivem maior afastamento em 35 anos

(28/06/2020) BBC, por Marcia Carmo  – Leia na íntegra

Estudiosos sobre a relação bilateral ressaltam, porém, que “a retórica agressiva” é uma novidade desde o século 19, quando o Brasil e a Argentina começaram a se aproximar depois de terem deixado de ser colônias de Portugal e da Espanha, respectivamente.

No período atual, Bolsonaro e Fernández trocam alfinetadas públicas desde a campanha presidencial do argentino, no ano passado. Na ocasião, Bolsonaro defendia publicamente a reeleição de Mauricio Macri, opositor de Fernández, e previu que, se este fosse eleito, haveria um êxodo de argentinos rumo ao Brasil, a exemplo do que ocorrera em Roraima, Estado “invadido” por venezuelanos fugindo dos problemas de seu país. Fernández reagiu dizendo comemorar que “um misógino e violento” falasse mal dele.

Leia a notícia completa


Selo comemorativo das relações diplomáticas entre o Brasil e a República Tcheca e o Brasil e a Eslováquia

(29/06/2020) Itamaraty.gov.br  – Leia na íntegra

O Brasil comemora, em 2020, o centenário de suas relações diplomáticas com a República Tcheca e com a Eslováquia, ambas sucessoras da Tchecoslováquia.

Em 29 de junho de 1920, o primeiro legado tchecoslovaco no Brasil, Jan Klecanda Havlasa, entregou suas credenciais ao então presidente brasileiro Epitácio Pessoa. No ano seguinte, Carlos Lemgruber Kropf assumiu suas funções como legado brasileiro na Tchecoslováquia.

O Brasil manteve produtivas relações com a Tchecoslováquia até 1993, quando foram criadas a República Tcheca e a Eslováquia, reconhecidas como estados independentes pelo Brasil naquele mesmo ano.

Leia a notícia completa


COVID-19 pode afetar disponibilidade e custo de medicamentos antirretrovirais no mundo

(29/06/2020) ONU Brasil – Leia na íntegra

Estudo do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS) mostra que o impacto causado pela COVID-19 na produção e logística pode ter um efeito significativo no fornecimento de terapia antirretroviral em todo o mundo, mas medidas tomadas agora podem diminuir os danos causados.

A pesquisa do UNAIDS descobriu que os bloqueios e fechamentos de fronteiras impostos para interromper a COVID-19 estão afetando a produção de medicamentos e sua distribuição, potencialmente levando a aumentos de custos e problemas de suprimento, incluindo falta de estoque nos próximos dois meses.

“É vital que os países façam planos urgentes agora para mitigar a possibilidade e os impactos de custos mais altos e disponibilidade reduzida de medicamentos antirretrovirais”, disse Winnie Byanyima, diretora executiva do UNAIDS.

Leia a notícia completa


Nicolás Maduro expulsa embaixadora da UE

(30/06/2020) DW.com – Leia na íntegra

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, decidiu nesta segunda-feira (29/06) expulsar a embaixadora da União Europeia (UE) no país, após o bloco europeu anunciar sanções contra 11 funcionários do governo venezuelano por agirem contra os representantes eleitos democraticamente para a Assembleia Nacional.

Durante uma cerimônia no Palácio de Miraflores, Maduro afirmou que deu prazo de três dias para que Isabel Brilhante Pedrosa, a representante diplomática da UE, deixe a Venezuela. “Quem são eles para tentarem se impor através de ameaças? Já basta! Por isso, decidi dar 72 horas para que a embaixadora da União Europeia abandone nosso país”, disse Maduro.

Leia a notícia completa


Resistência a acordo com Mercosul cresce na União Europeia

(30/06/2020) DW.com – Leia na íntegra

A Alemanha assume no próximo dia 1º de julho a presidência semestral do Conselho da União Europeia. E associações civis dão sinais de que vão aumentar a pressão contra um acordo comercial com o Mercosul, do qual o país da chanceler federal Angela Merkel é um dos maiores defensores.

Na semana passada, cinco organizações ambientais e de direitos humanos europeias apresentaram um pedido ao ombudsman da União Europeia (UE) para que o processo de ratificação do acordo fosse interrompido. Além disso, mais de 60 ONGs chamaram a um protesto diante da sede do governo em Berlim para esta segunda-feira (29/06). 

A Alemanha não esconde que quer, o mais rápido possível, um acordo comercial com Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai. Merkel tornou isso público em várias ocasiões. O Ministério do Exterior em Berlim espera que o entendimento alcançado em 2019 possa progredir logo para a ratificação.

Leia a notícia completa


China aprova lei de segurança nacional para Hong Kong

((30/06/2020) DW.com – Leia na íntegra

A China confirmou que aprovou nesta terça-feira (30/06) a controversa lei de segurança nacional que permitirá às autoridades chinesas combater o que consideram como atividade “subversiva e secessionista” em Hong Kong, aumentando ainda mais o receio de uma redução das liberdades na região semiautônoma.

Tam Yiu-chung, o único representante de Hong Kong no Comitê Permanente do Congresso Nacional do Povo, o órgão máximo legislativo da China, confirmou que a lei recebeu luz verde.

A legislação já havia sido aprovada no final de maio pelo plenário do Congresso chinês, restando apenas a necessidade do aval do comitê. O jornal South China Morning Post (SCMP) apontou que a lei foi ratificada com o voto unânime dos 162 membros do Comitê Permanente.

Leia a notícia completa


Trump aprova plano para retirar 9.500 soldados da Alemanha

((01/07/2020) DW.com  – Leia na íntegra

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, aprovou um plano para organizar a retirada de 9.500 soldados americanos que estão na Alemanha, um projeto que será apresentado “nas próximas semanas” ao Congresso e depois aos aliados da Otan, informou o Pentágono nesta terça-feira (30/06).

O secretário da Defesa, Mark Esper, e o chefe do Estado-Maior do Exército, Mark Milley, “divulgaram um plano na segunda-feira para remanejar 9.500 soldados para fora da Alemanha”, informou o porta-voz do Pentágono, Jonathan Hoffman.

Leia a notícia completa


O que são os polêmicos assentamentos de Israel na Cisjordânia, foco de conflito histórico

(01/07/2020) BBC – Leia na íntegra

A maioria dos países considera ilegais esses assentamentos na Cisjordânia, mas o governo israelense se fia sobretudo no apoio do presidente americano, Donald Trump.

A seguir, a BBC explica o que são esses assentamentos, onde eles ficam e como eles conseguiram se expandir apesar da oposição palestina.

Leia a notícia completa


Russos aprovam reforma que pode manter Putin no poder até 2036

(02/07/2020) DW.com  – Leia na íntegra

Os eleitores russos abriram caminho para que o presidente Vladimir Putin se mantenha no poder até 2036. Em votação encerrada nesta quarta-feira (01/07), o país aprovou um extenso pacote de reformas constitucionais, que entre outros pontos amplia os poderes do chefe de Estado.

A Comissão Central Eleitoral russa informou que 78% dos eleitores disseram “sim” às medidas propostas pelo governo, segundo resultados parciais do referendo. Com 90% das urnas apuradas, pouco mais de 21% votaram “não”. Moscou, porém, tem sido alvo de uma série de denúncias de manipulação dos resultados.

Leia a notícia completa


Como Vladimir Putin alcançou 20 anos de poder na Rússia – e agora pode superar a longevidade de Stálin

(02/07/2020) BBC, por Norberto Paredes – Leia na íntegra

Quando o polêmico líder, hoje com 67 anos, chegou ao Kremlin, em 1999, não se imaginava que ele permaneceria tanto tempo no poder. Mas, contrariando prognósticos, em 31 de dezembro do ano passado, ele completou duas décadas governando a Rússia — direta ou indiretamente (ele teve de deixar a presidência para ser primeiro-ministro por um período, mas, na prática, continuou a comandar o país), apontam especialistas.

Com mão de ferro, relativo carisma, sob denúncias de coibir a imprensa e seus adversários e um discurso que causa incômodo no resto do mundo, Putin alçou altos níveis de popularidade internamente.

Leia a notícia completa


O que a crise em Hong Kong revela sobre a China e o novo cenário mundial

(03/07/2020) BBC, por Jonathan Marcus – Leia na íntegra

E o que esse drama nos diz sobre o lugar emergente da China na nova ordem mundial? E que luz lança sobre os problemas muito particulares colocados, pós-Brexit, para os esforços do governo britânico de implementar uma política externa nova e otimista sob a bandeira de Global Britain (Grã-Bretanha global)?

Uma pergunta que muito fazem é se essa crise era inevitável. As coisas poderiam ter sido muito diferentes. Por mais de duas décadas, a maioria dos formuladores de políticas no Ocidente esperava que a ascensão da China se desenrolasse de uma maneira muito específica.

Dizia-se que a China se tornaria uma “parte interessada responsável” na comunidade internacional. Em outras palavras, obedeceria a acordos e normas internacionais porque, como parte do sistema, estaria se beneficiando delas tanto quanto qualquer outro.

Leia a notícia completa


Trump ataca revolução cultural “de esquerda” no Monte Rushmore

(04/07/2020) Agência Brasil, por Reuters – Leia na íntegra

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, acusou na sexta-feira (3) “multidões furiosas” de tentar apagar a história com esforços para remover ou repensar monumentos a figuras históricas dos EUA e usou um discurso no Monte Rushmore para se colocar como baluarte contra o extremismo de esquerda.

Na sexta, sete Estados norte-americanos divulgaram número recorde de novos casos de covid-19, e a pandemia avançou ainda mais no círculo interno de Trump. Kimberly Guilfoyle, uma funcionária sênior da campanha e namorada de Donald Trump Jr., testou positivo para a covid-19 em Dakota do Sul antes do evento, de acordo com Sergio Gor, funcionário da campanha de Trump. O teste de Trump Jr. deu negativo, disse Gor.

Leia a notícia completa


Venezuela retoma quarentena radical para conter coronavírus

(04/07/2020) DW.com  – Leia na íntegra

A Venezuela voltará à “quarentena radical” a partir desta segunda-feira (06/07), após uma semana de flexibilização em algumas regiões, informou o ministro da Comunicação Jorge Rodríguez.

Ao apresentar na sexta-feira o balanço diário da pandemia de covid-19 no país – que incluiu duas mortes e 264 novas infecções nas últimas 24 horas, totalizando 6.537 casos confirmados e 59 mortes –, Rodríguez ressaltou ser necessário “manter o cerco epidemiológico” para evitar a propagação da doença, que se multiplicou em junho.

Este retorno à quarentena faz parte do esquema “sete por sete”, segundo o qual é aplicada uma semana de confinamento e outra de flexibilização. Em metade do território, contudo, o governo manteve a proibição de sair e circular, sem a semana de alívio, a fim de “cortar” focos de transmissão em várias regiões.

Leia a notícia completa

Posts Relacionados

Celso Natale

Celso Natale

Analista da carreira de Especialista do Banco Central do Brasil - BCB, ocupa a função de Coordenador de Inquéritos no departamento de Resolução e Ação Sancionadora, da área do Diretor de Organização do Sistema Financeiro. Professor de Economia e Finanças Públicas para concursos desde 2014.

Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados