Artigo

Você conhece o famoso teste “meio sugado” do TAF?

Também conhecido como “burpee test” o meio sugado é utilizado desde a década de 1930 nos processos de avaliação física.

Tem quase um século.

Teste antigo, hein!?

Vamos lá.

Arthur Wendler, Ph.D Instructor Internacional Physical Education State University of Iwoa (EUA), publicou em 1938 um excelente artigo.

Ele fez uma análise crítica dos elementos de testes usados na Educação Física e já citava o ‘burpee test“.

Naquela época, a ideia do autor era associar os testes físicos a alguns fatores como a força, coordenação, agilidade, velocidade e outros.

Foi um dos primeiros autores a tentar estabelecer correlação entre um teste e as capacidades físicas ou aptidão física.

Nesse período esses termos ainda não existiam.

Pois bem, o tal do meio sugado associava-se em  diferentes níveis com a coordenação motora, agilidade, velocidade e o que ele chamou de Motor Educability.

Ademais, uma junção ou uma combinação dos fatores, por exemplo, coordenação com velocidade de execução, pois o teste normalmente é realizado em um tempo pré determinado, um minuto.

Até hoje esse teste provoca uma temor nos candidatos/alunos.

Muitos apresentam extrema dificuldade de realizar as 5 fases,conforme a figura lá no início do artigo.

Portanto, o treinamento físico para esse teste deve contemplar tanto exercícios para melhorar uma capacidade física isolada como integrar ou conectar duas ou mais.

Do simples para o complexo.

Estruturar a sessão de treino é fundamental para o sucesso.

Domine o TAF!!!

Até logo.

Eduardo Schneider

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja os comentários
  • O meio sugado pode ser realizado de punho fechado?
    Maria em 14/07/20 às 09:46
  • Durante a execução do meio sugado é necessário que a mão esteja totalmente espalmada ? ela toda deve estar encostada no chão ?
    Daniel em 03/09/19 às 21:31