Artigo

Técnicas De Memorização Poderosas No Estudo Para Concurso Público

Técnicas de Memorização

Você passa o dia inteiro estudando e tem a impressão que não se recorda de nada ou quase nada no dia seguinte? Ou então chega na hora da prova e você tem aquele famoso “branco”? Já tentou diversos métodos de estudo e nenhum fez com que sua memória tivesse melhores resultados?

Bom, fique tranquilo porque isso é bastante comum entre muitos concurseiros. E o melhor de tudo é que É POSSÍVEL VOCÊ MELHORAR A SUA MEMÓRIA e assim ter um DESEMPENHO MELHOR NOS SEUS ESTUDOS.

Antes de entrar nas dicas, me diga: você já ouviu falar na Curva do Esquecimento? Um estudioso chamado Hermann Ebbinghaus desenvolveu a tese de que o cérebro humano começa a esquecer o conteúdo assim que para de estudar ele. Basta apenas algumas horas para que você esqueça uma grande parte da matéria estudada e vá esquecendo o restante de forma gradativa após alguns dias, semanas e meses. Isso quer dizer que VOCÊ ESQUECE MUITA COISA LOGO APÓS ESTUDAR e ao longo dos dias seguintes vai esquecendo de forma mais lenta.

 

A única maneira de superar a Curva do Esquecimento e conseguir absorver o conteúdo estudado é FAZENDO REVISÕES!  Eu inclusive já falei sobre A IMPORTANCIA DA REVISÃO NO ESTUDO PARA CONCURSOS PÚBLICOS:

Por isso, neste texto você vai conhecer 5 TÉCNICAS DE MEMORIZAÇÃO INFALÍVEIS para você estudar para concursos públicos. Essas técnicas servem para qualquer processo de aprendizado, mas hoje focaremos em aplicá-las para o estudo de concursos públicos.

Técnica da Explicação

UM ERRO COMUM ENTRE OS CONCURSEIROS é simplesmente acreditar que um conteúdo estudado está realmente assimilado e compreendido.

Isso NÃO É NECESSARIAMENTE VERDADE. Muitas vezes acreditamos que sabemos, mas isso é apenas uma ilusão do nosso cérebro.

Albert Einstein dizia que você só entendia realmente um conteúdo se pudesse explica-lo para uma criança de seis anos.  Ou seja, você teria que saber explicar de forma simples e em poucas palavras.

A teoria dele é muito simples e verdadeira: se você não consegue explicar a matéria é porque no mínimo você não sabe o suficiente.

Então PROCURSE SEMPRE TENTAR EXPLICAR A OUTRA PESSOA a matéria que você está estudando. Você também pode explicar para você mesmo e assim vai conseguir ter uma noção do que você realmente sabe.

A TÉCNICA DA EXPLICAÇÃO é uma ótima forma de memorização porque quando você explica algo você está criando novas conexões neurais e isso ajuda o seu cérebro a fixar ainda mais as informações Pois o seu cérebro vai guardar em outros locais da mente aquilo que estava somente em uma parte dele.

Revisões

Tem muita concurseiro que acha que o importante é só estudar, estudar e estudar. ELES NÃO DÃO À IMPORTÂNCIA NECESSÁRIA AS REVISÕES e não levam em consideração um fator muito importante que é a curva do esquecimento.

Criada pelo psicólogo alemão Herman Ebbinghaus, essa teoria nos mostra como trabalha o nosso cérebro com a retenção de informações. À medida que o tempo passa nós vamos deixando de lado muitos conteúdos que vimos E SE VOCÊ NÃO REVISAR o que aprendeu, pode ser que depois de um tempo apenas uma parte ínfima da matéria ainda esteja na sua mente. É por isso que depois de estudar algum assunto especifico você consegue lembrar-se de tudo sobre ele praticamente.

No entanto no dia seguinte se lhe for perguntado novamente É PROVÁVEL que você já não se lembre de muita coisa. Depois de uma semana SE VOCÊ NÃO FIZER NENHUMA REVISÃO é provável que grande parte do conteúdo tenha sido “varrido” do seu cérebro.

Por isso que É TÃO IMPORTANTE QUE VOCÊ REVISE AS MATÉRIAS QUE VOCÊ ESTUDOU. Você pode tanto separar um dia na semana somente para revisar os conteúdos, como pode também fazer isso diariamente.O ideal é que se você estudou um conteúdo na segunda-feira, no dia seguinte, ou seja, 24h depois, você vai, além de estudar uma nova matéria, rever o que aprendeu no dia anterior. Depois, fazer uma segunda revisão 7 dias depois e, para concluir, mais uma revisão após 30 dias. Se quiser saber mais sobre essa técnica, aconselho a conhecer o Curso Estudo Memorização – A Chave da Sua Aprovação, do prof. Renato Alves. Eu também expliquei de forma detalhada sobre COMO FAZER REVISÕES EFICIENTES PARA CONCURSOS PÚBLICOS:

Abaixo você verá duas outras maneiras de revisar que podem ser interessantes.

Fichas com a Ideia Central do Assunto

Você já entendeu a importância da revisão né? Só que UM ERRO QUE MUITA GENTE AINDA COMETE É PENSAR QUE REVISAR É O MESMO QUE ESTUDAR TUDO DE NOVO. Não é bem assim. Dessa forma você não estará otimizando o seu tempo.

Muita gente tem o costume de resumir e isso é muito interessante. Mas tem que ser um resumo mesmo. Se você simplesmente pegar o que está no livro e colocar no caderno você estará somente copiando.

Uma boa maneira de você revisar conteúdos é através de fichas. Nelas você vai colocar as palavras chaves ou o tema central daquilo que você  aprendeu e isso vai te ajudar a relembrar todo o conteúdo da matéria.

Você pode até unir essa à técnica à outra já falada nesse texto. Você pode usar suas fichas com a palavra central para usar como base para fazer suas explicações seja para você mesmo ou para outras pessoas.

Flash Cards

Acontece muito durante uma prova de olharmos a questão, lembrarmos que estudamos aquilo, mas nós simplesmente não sabemos a resposta.

Para acabar com esse problema uma solução simples é você usar flash card que são pequenos cartões usados para estudos e memorização. De um lado do cartão você vai colocar uma pergunta sobre algo que você estudou. Do outro lado você vai colocar a resposta certa. Mas o legal dessa técnica é que você deve responder a pergunta antes de virar o cartão.

Se você acertar a resposta significa que você já tem um bom domínio sobre tal assunto e por isso precisa revisar menos vezes esse cartão. Agora se você errar a resposta significa que amanhã você já deve tentar responder o mesmo cartão. Assim você vai medir o conteúdo que aprendeu e vai melhorando seu desempenho.

Um programa que imita a funcionalidade dos flash cards é o AnkiVocê vai colocar a pergunta e a resposta dentro do software. Ele mesmo vai te dar um limite de perguntas que você deve responder por dia. Dependendo de como você responder você pode colocar o card para ser feito novamente no dia seguinte ou para daqui a três dias, por exemplo.

Depois que você responder o mesmo cartão várias vezes ficará cada vez mais distante o tempo entre uma revisão e outra, pois esse conteúdo já estará na sua mente.

Essa técnica trabalha com método das repetições espaçadas. Dessa forma você respeitará a sua curva do esquecimento e conseguirá reter muitos conteúdos.

Resolva Questões

Quando mais abstrato está um assunto em nosso cérebro, mais complicado é para que possamos retê-lo. Por isso É IMPORTANTE que você deixe o seu conhecimento o mais concreto possível.

Para isso você pode resolver o máximo de simulados e questões possível. Dessa forma o seu cérebro vai guardar de forma muito mais eficiente as informações. Além disso, simulados são uma ótima maneira de você conseguir testar os seus conhecimentos e assim saber como está o seu nível de aprendizado.

Essas foram algumas técnicas para você melhorar sua memória e conseguir resultados incríveis em concursos públicos, aumentando assim as suas chances de conseguir a tão sonhada aprovação!!!

E para finalizar, gostaria de saber a sua opinião. Deixe um comentário logo abaixo sobre o que você mais gostou nesse artigo, ou sobre alguma dica de estudo que você deseja compartilhar.

Um abraço e bom estudos!!!

YOUTUBEhttps://www.youtube.com/channel/UCh-km30_BE0F0fuIaZW3Gjw

FACEBOOKhttps://www.facebook.com/coach.thiagocabral

INSTAGRAMhttps://www.instagram.com/coach.thiagocabral/

PS. Quer ser meu coachee ou conhecer uma pouco mais a carreira de Auditor Fiscal? É só avisar a equipe do Estratégia quando fizer a matrícula! :)

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja os comentários
  • Excelente, obrigado pela Dica.
    Charles em 16/10/20 às 05:52
  • Excelente conteúdo. Estava cansada de o povo falar que precisa revisar mas não explicavam como . Agora sim entendi de uma fez por todas . Gratidão professor .
    Katiuscia em 01/05/20 às 02:57
  • Algumas coisas que você tem que levar em consideração: Monte o ciclo de estudos de acordo com o edital e com o seu tempo disponível para estudos. Não tem uma quantidade de horas exata para estudar. Estude quantas horas puder respeitando o limite do seu corpo. E O MAIS IMPORTANTE: De maior carga horária para as matérias com maior peso na sua nota final e/ou maior número de questões na sua prova. Atente para não passar mais do que 2h estudando uma mesma disciplina. E NÃO DEIXE DE FAZER AS REVISÕES PERIÓDICAS!!! Elas devem ser feitas de acordo com o que fora estudado, por isso, a importância do controle de cada dia de estudos. A medida que você for finalizando alguma disciplina, inicie pelas básicas mais importantes, entre 4 e 7 disciplinas a depender da sua carga de estudos diária, reduza a carga horária delas (sem abandoná-las totalmente, estudando através dos resumos ou marcações e fazendo questões) e adicione outras gradativamente.
    Thiago Cabral em 19/05/19 às 10:16
  • Vlw Bruno… Fica a convite para conhecer e se inscrever no meu canal do Youtube onde dou dicas de preparação para provas de concurso público: https://www.youtube.com/channel/UCh-km30_BE0F0fuIaZW3Gjw Bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 19/05/19 às 10:14
  • Que legal Cayo… Fica a convite para conhecer e se inscrever no meu canal do Youtube onde dou dicas de preparação para provas de concurso público: https://www.youtube.com/channel/UCh-km30_BE0F0fuIaZW3Gjw
    Thiago Cabral em 19/05/19 às 10:14
  • Que legal Pamela… Fica a convite para conhecer e se inscrever no meu canal do Youtube onde dou dicas de preparação para provas de concurso público: https://www.youtube.com/channel/UCh-km30_BE0F0fuIaZW3Gjw
    Thiago Cabral em 19/05/19 às 10:13
  • Estou começando a estudar agora para tentar passar em um concurso, gostei desses vídeos e as dicas. Nesse caso em específico, gostei das dicas sobre a revisão semanal e o cartão com a pergunta e a resposta atrás da folha. Muito bacana!!
    Bruno em 16/08/18 às 11:23
  • Dicas bastante interessantes. Vou colocá-las em prática. Obrigado!
    Cayo em 30/07/18 às 18:21
  • Boa Noite Mas fica a grande questão.. tenho 4 horas para estudar!! Quantas matérias por dia??
    JASON MORAES TEODORO em 10/05/18 às 01:44
  • muito bom ameiiii
    pamela barros em 23/02/18 às 16:09
  • Que legal Luciana... Fica a convite para conhecer e se inscrever no meu canal do Youtube onde dou dicas de preparação para provas de concurso público: https://www.youtube.com/channel/UCh-km30_BE0F0fuIaZW3Gjw
    Thiago Cabral em 29/01/18 às 09:41
  • Adorei as dicas. Sou grata ao Estratégia e sua equipe por sempre ajudarem nós concurseiros. Eu estava completamente sem saber como revisar e essas dicas me ajudaram muito.
    Luciana em 25/01/18 às 08:07
  • Cara Luzia...bom dia! A maior dica que posso te dar é: faça todos os exercícios que encontrar pela frente...sinceramente, não tem mistério. TREINE, TREINE, TREINE...uma hora fica fácil. Bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 28/11/17 às 14:34
  • Bom dia! Já fiz algumas provas e sempre consigo gabaritar as questões de Português, mas sempre que cai raciocínio lógico eu me dou muito mal. Existe alguma técnica e/ou dica e/ou método específico (s) para estudar a matéria? Desde já agradeço
    Luzia em 24/11/17 às 09:18
  • Bom dia Alana. Fica o convite para inscrever-se no meu canal do Youtube para receber mais dicas de estudos: https://www.youtube.com/channel/UCh-km30_BE0F0fuIaZW3Gjw Bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 22/11/17 às 10:16
  • Gostaria de receber mais técnicas.
    alana em 16/11/17 às 08:36
  • Bom dia fabio...obrigado pelos elogios e pela participação. Bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 19/09/17 às 09:50
  • É muito importante termos técnicas que nos ajudem a melhorar cada vez mais nosso desempenho, isso faz com que otimizarmos nosso tempo, ganhando em produção. Excelentes suas técnicas.
    Paulo Romero em 19/09/17 às 05:14
  • Muito obrigado pelos elogios e pela participação. Sucesso nessa jornada. Fica o convite para inscrever-se no meu canal do Youtube para receber mais dicas de estudos: https://www.youtube.com/channel/UCh-km30_BE0F0fuIaZW3Gjw
    Thiago Cabral em 22/08/17 às 10:20
  • Gostei muito das dicas, atitudes como a sua em ensinar faz grande diferença.
    ELADIO DA COSTA CARDOSO em 22/08/17 às 02:03
  • Legal Dumke...muito bom! Bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 22/07/17 às 15:53
  • Eu acrescento os mapas mentais a essas tecnicas
    Dumke em 22/07/17 às 11:38
  • Vlw Leonardo...fica o convite de se inscrever no meu canal onde dou mais dicas de estudos: https://www.youtube.com/channel/UCh-km30_BE0F0fuIaZW3Gjw?view_as=subscriber Forte abraço e bom fds!!!
    Thiago Cabral em 22/07/17 às 09:43
  • Muito bom. Gostei muito das dicas.
    leonardo em 22/07/17 às 09:20
  • Bom dia Hudson! O estudo pós edital é diferente de uma preparação prévia, voltada mais para o longo prazo. Nessa reta final a prioridade é fazer muitas questões. Se realmente vc começou a se preparar tardiamente fica mais complicada a utilização específica dessa técnica.
    Thiago Cabral em 13/07/17 às 08:23
  • Eu tenho apenas duas horas diárias para estudar. Estou lendo os pdf's e assistindo as aulas, mas falta muito ainda para cumprir o conteúdo a ser estudado até setembro, quando quando será aplicada a prova do TJMG. Se não vai dar tempo para estudar tudo, como irei fazer revisões então? Estou aflito, já que não vai dar para estudar apenas uma vez, revisão seria estudar uma segunda vez? Me ajude por favor!
    Hudson Abílio em 12/07/17 às 20:36
  • Caro Samuel, bom dia! Obrigado pelo elogio e pela participação. Legal que as dicas tem sido úteis. Bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 06/07/17 às 09:59
  • Bom dia Thiago! Parabéns pelo artigo. Sensacional! Colaborará e muito para concurseiros e vestibulandos. Sucesso e felicidades.
    Samuel em 02/07/17 às 10:21
  • Bom dia Monique!!! Obrigado e bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 23/05/17 às 11:07
  • Exatamente Juliana, Devemos primeiro analisar o custo x benefício, bem como a possibilidade de resolver nossas limitações através de outras ferramentas economicamente mais em conta e/ou mais rápidas.
    Thiago Cabral em 23/05/17 às 11:06
  • Caro Paulo, Não sou o dono da verdade e qualquer comentário respeitoso, ainda que contrário, é muito bem vindo e sempre será compartilhado. Tenha uma excelente semana!
    Thiago Cabral em 23/05/17 às 11:05
  • Caro Paulo, bom dia! Primeiramente gostaria de agradecê-lo pela participação. Sobre o seu questionamento em relação ao % de memorização de um conteúdo estudado em realmente não tenho como avaliar. De toda forma, a ideia aqui é mesmo ASSUSTAR para que se de a devida importância as revisões.Ademais, essas medidas, como eu já comentei em um outro artigo, não são para TODAS AS PESSOAS. Alguns tem essa retenção maior mesmo...e se você for uma delas, que bom!!! mas ainda assim não deixaria de fazer as revisões periódicas. Um abraço e bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 23/05/17 às 11:05
  • Bom dia Renata!!! Obrigado e bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 23/05/17 às 11:00
  • Olá Juliana....o curso é bem interessante sim mas acho que optaria por outras alternativas primeiro que não demandassem tanto tempo e dinheiro, principalmente. Algumas dessas técnicas que eu comentei devem ser testadas em um primeiro momento e caso nenhuma de certo, daí optaria por algo mais avançado. Obrigado pela participação e bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 23/05/17 às 10:59
  • Oi professor Thiago, tudo bem? Primeiro quero te parabenizar pelas dicas de estudos, achei muito interessante e vou colocar em prática a técnica da pergunta e resposta no cartão, e também fiquei curiosa, o Sr realmente indica que façam esse curso de memorização, já ouvi falar muito no Ricardo
    Juliana de Oliveira Nunes em 22/05/17 às 13:30
  • Oi professor Thiago, tudo bem? Primeiro quero te parabenizar pelas dicas de estudos, achei muito interessante e vou colocar em prática a técnica da pergunta e resposta no cartão, outra coisa fiquei curiosa, o Sr realmente indica que faça esse curso de memorização, já ouvi falar muito no Renato Alves, mas fiquei meio receosa, não pelo valor a ser investido, mas num possível tempo perdido, sabe? Obrigada! Abraço Juliana
    Juliana de Oliveira Nunes em 22/05/17 às 13:23
  • Excelentes dicas professor! Parabéns pelo artigo!
    Renata Luciene de Souza Rezende em 22/05/17 às 12:43
  • Eu postei um comentário sobre essa curva de ebbinhaus, mas o site seleciona para postagem apenas floridos elogios.
    Paulo Cesar Mello em 22/05/17 às 12:36
  • Parabéns muito boa matéria!
    Monique em 22/05/17 às 11:20
  • Desculpe, mas já parou para ler um texto, com atenção, e depois de 24 horas tentou se lembrar dele e viu que somente 20% da informação retida é lembrada? Sério? Ou melhor, ao estudar, digamos, Ativo Intangível, acertando questões no dia (pela primeira vez), você vê que no dia seguinte, ou a partir das 24 horas, somente 20% da informação aprendida sobrou? O que eu quero dizer com isso? Que ao ler o estudo de Ebbinghaus, fica claro que os estudos são voltados para assimilação de cores, associada à figuras ou sequências numéricas aleatórias, que ao serem memorizadas, perdem-se naturalmente com o tempo, por não contarem uma história, não terem sequência lógica ou um enredo que narrem fatos. Já textos lógicos, entendimento de contexto e a capacidade de se aprender cálculos, são bem diferentes. É preciso ter cautela em se propagar, em homenagens a um estudo X, as lógicas de aprendizado e a capacidade individual de retenção de dados. Acredito ser bem difícil alguém que, ao aprender em um dia, esquecer 70% a 80% no dia seguinte. Baita exagero, se pensarmos bem.
    Paulo Cesar Mello em 22/05/17 às 09:50