Revisão de Véspera
Rafael Barbosa

Revisão de Véspera

Você consegue organizar sua Revisão de Véspera com tranquilidade? Esse é um momento muito importante na preparação de qualquer concurseiro.

Uma boa Revisão de Véspera pode durar até 30 dias, dependendo da quantidade de disciplinas a serem estudadas (não confunda Revisão de Véspera com aulões ou outros eventos no dia imediatamente anterior à prova).

Por isso, não deixe de considerar essa pausa na sua preparação, mesmo que o concurso em questão não seja o seu “objetivo final”.

Todos sabem que eu levanto a bandeira do estudo contínuo (“batendo o edital” do concurso almejado sem ser imediatista), inclusive utilizando o Método 4.2 de Revisão (https://www.estrategiaconcursos.com.br/blog/metodo-4-2-de-revisao/).

No entanto, não é recomendado ir para a prova sem ter feito sua respectiva Revisão de Véspera, que, a depender do seu desenvolvimento no conteúdo programático, pode ser mais ou menos abrangente.

Seguindo a lógica do estudo contínuo, você só vai revisar aquilo que estudou até a parada para a sua Revisão de Véspera. É isso mesmo! Se você está no começo da caminhada, não tem porque se desesperar pra fechar o edital, vá para a prova com as armas que você tem.

Dessa forma, seguem os principais pontos para a sua Revisão de Véspera:

  • Faça um ciclo de estudos de modo a contemplar todas as disciplinas do edital;
  • Leve em consideração o peso de cada disciplina na sua prova (coloque mais tempo para as disciplinas mais importantes);
  • Faça a leitura dos grifos e anotações feitas durante a leitura da teoria;
  • Não deixe de fazer muitas questões, filtrando pela banca examinadora;
  • Fique à vontade para utilizar estatísticas nesse momento, revisando primeiro o que mais cai;
  • Inclua simulados dentro da sua Revisão de Véspera;
  • Por fim, tente deixar pelo menos uma tarde/noite livre antes da prova, pra descansar a sua cabeça.

Seguindo esses passos, você tem mais chances de trazer à memória os assuntos mais relevantes e assim fazer uma excelente prova.

É isso, amigos. Espero que esse artigo os ajude nessa gloriosa caminhada.

Bons estudos!

 

Rafael Barbosa

Coach para Concursos

Compartilhe:

Rafael Barbosa

Rafael Barbosa

Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade de Brasília-UnB; Pós graduação em Auditoria e Perícia Contábil; foi professor na Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN. É autor do livro Contabilidade Geral de Bolso (ed. Método). Atualmente é Auditor Fiscal do Tesouro Estadual de Pernambuco  (SEFAZ-PE); foi aprovado nos seguintes concursos de nível superior (ordem cronológica): SEPLAG-PE  (Analista), SAD-PE (Analista), DPU (Analista), MTUR (Analista), TRT-RN (Analista), CGE-CE (Auditor), CGE-MA (Auditor), TCE-BA (Auditor) e SEFAZ-PE (Auditor).

Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados
Depoimentos dos Aprovados

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.