Artigo

Quantas horas devo estudar para ser aprovado em concurso?

É muito comum entre os concurseiros definir o tempo correto de estudo, que seja suficiente para aprender melhor e ser aprovado nos Concursos Públicos. A seguir, dou algumas dicas para esclarecer estas dúvidas!

Quantas horas devo estudar?

A quantidade de horas que é preciso estudar para um Concurso Público é muito relativa. Vai depender de quanto está adaptado à rotina de estudos, do quanto está por dentro das disciplinas, da sua disponibilidade pessoal e da forma como aprende. Cada indivíduo terá necessidades diferentes. É importante considerar que você não vai deixar de viver só porque está estudando. Você não deixará de trabalhar, ter amigos, ser pai ou mãe e ter outros compromissos só porque está estudando.

concursos públicos

A dica que dou é fazer uma análise do tempo disponível por dia ou por semana e conciliar as horas de estudo com a sua agenda pessoal, fazendo a gestão do tempo da melhor forma. O problema nem sempre é a falta de tempo, mas o modo como se organiza para ter mais tempo de qualidade.

Saber fazer provas de Concursos Públicos

Outro detalhe a ser considerado na hora de definir a quantidade de horas necessárias para estudar e ser aprovado tem a ver com a sua capacidade de fazer provas, algo que muitos ignoram na hora de gerir o seu tempo. Aprender mais sobre como funcionam as seletivas é essencial.

Você está competindo com você mesmo

Uma dica importante é mudar a ideia, caso tenha, de que está competindo com outras pessoas, que estudam “5 ou 10 horas por dia”, por exemplo. Isso geralmente é uma desculpa de quem não está comprometido com o processo de estudo. Não importa o quanto o outro candidato estuda: o que importa é o seu processo, as suas metas, as suas necessidades de aprendizagem. Não perca tempo focando nas outras pessoas e não se compare. Você é o seu maior concorrente.

Ciclo de Estudos – Uma forma de se organizar

E por falar em tempo de qualidade, o que importa também é como utiliza o seu tempo de estudo. Adotar uma estratégia é imprescindível para aproveitar o tempo e estudar mais e melhor. O Ciclo de Estudos, por exemplo, é uma ferramenta de gestão de estudo muito interessante e flexível – você sabe o que estudar em um período determinado, mas não tem horários fixos, podendo flexibilizar a sua rotina e ainda ter ótimos resultados. Saiba mais sobre como criar o seu Ciclo de Estudos nesta matéria. Veja ainda a diferença entre Ciclo de Estudos e Quadro de Horários neste vídeo:

O Coaching para Concursos Públicos é outra saída para quem quer ter 100% de aproveitamento na sua preparação! Saiba mais sobre o Coaching para Concursos Públicos e outras dicas de estudo que podem levá-lo a sua aprovação! Agende já a sua conversa gratuitamente com o Prof. Coach Thiago Cabral e saiba mais: [email protected].

Descanso é essencial

No seu plano de estudo precisa ter intervalos e horários de descanso. Ele é fundamental para a qualidade dos seus estudos e alcance de bons resultados. Não negligencie as horas de sono e nem os momentos de lazer, pois eles fazem parte da sua preparação.

Organizando a sua agenda de estudos

O planejamento é fundamental. Considerando as suas necessidades pessoais, compromissos rotineiros e a necessidade de estudo que possui, poderá estabelecer um plano de estudos flexível e equilibrado. Veja no vídeo abaixo algumas dicas que podem fazer a diferença na definição do tempo de estudo:

Um abraço e bom estudos!!!

YOUTUBEhttps://www.youtube.com/channel/UCh-km30_BE0F0fuIaZW3Gjw

FACEBOOKhttps://www.facebook.com/coach.thiagocabral

INSTAGRAMhttps://www.instagram.com/coach.thiagocabral/

Quer ser meu coachee ou conhecer uma pouco mais a carreira de Auditor Fiscal? É só avisar a equipe do Estratégia quando fizer a matrícula! :)

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja os comentários
  • Caro Rilton....bom dia, blz? Algumas coisas que você tem que levar em consideração: Monte um ciclo de estudos com as disciplinas básicas de acordo com o edital e com o seu tempo disponível para estudos. Não tem uma quantidade de horas exata para estudar. Estude quantas horas puder respeitando o limite do seu corpo. E O MAIS IMPORTANTE: De maior carga horária para as matérias com maior peso na sua nota final e/ou maior número de questões na sua prova. Atente para não passar mais do que 2h estudando uma mesma disciplina. E NÃO DEIXE DE FAZER AS REVISÕES PERIÓDICAS!!! Elas devem ser feitas de acordo com o que fora estudado, por isso, a importância do controle de cada dia de estudos. A medida que você for finalizando alguma disciplina, inicie pelas básicas mais importantes, entre 5 e 8 disciplinas a depender da sua carga de estudos diária, reduza a carga horária delas (sem abandoná-las totalmente, estudando através dos resumos ou marcações e fazendo questões) e adicione outras gradativamente. Ainda assim se continuar sentindo dificuldades, talvez seja interesse buscar o auxílio do serviço de coaching (pelo menos por alguns meses até que se sinta mais confortável e confiante para caminhar sozinho). Voce já conhece o serviço? O meu serviço de coaching é baseado em um acompanhamento totalmente individualizado, com fornecimento de metas diárias de estudo, dicas de marcação de materiais, técnicas de estudos, resumos, e SIMULADOS. Segue em anexo um modelo de meta. O planejamento das metas diárias de estudos é baseado em informações colhidas em uma conversa preliminar como, por exemplo, o seu histórico de estudos, na carga horária disponível que você tenho por dia para estudar e análise do edital do seu concurso foco. Todo o atendimento é feito via whatts, cel, skype, email...da melhor forma para o aluno....SEM LIMITES!!! Fica a convite para conhecer e se inscrever no meu canal do Youtube onde dou dicas de preparação para provas de concurso público: https://www.youtube.com/channel/UCh-km30_BE0F0fuIaZW3Gjw Bons estudos!!!
    Thiago Cabral em 06/03/19 às 09:35
  • Eu, já tenho 49 anos e tenho vontade de fazer concurso pra defensoria, mas ainda não sei como estudar, e ainda mais tem matérias que acho muito chata. Bom, já estou me aposentando na categoria de regime especial e gostaria de continuar. Alguma sugestão??
    RILTON AMANAJAS em 04/03/19 às 12:23