0

Como montar cadernos de questões mais eficazes para sua preparação

Fala, pessoal! Neste artigo, abordaremos um assunto muito importante para aqueles que pretendem se preparar em alto nível para concursos: como utilizar da melhor forma as ferramentas do Sistema de Questões para montar cadernos de questões mais eficazes e úteis em sua preparação.

Ao longo do artigo, serão fornecidas algumas dicas que se encaixam tanto para os alunos em fase mais avançada de estudos quanto para os alunos iniciantes. Obviamente, a depender do nível em que se encontra o aluno, os cadernos de questões cumprirão objetivos diferentes. Mas, nossa intenção será fornecer dicas válidas para toda a sua caminhada rumo à aprovação.   

cadernos de questões estratégia

Monte cadernos de questões mais recentes

Pessoal, quando estamos estudando em alto nível, é importantíssimo perceber quais são as particularidades das bancas que poderão elaborar nossa prova. No entanto, com um pouco mais de experiência, começamos a entender que as bancas também mudam suas metodologias ao longo do tempo.

Para que você possa se preparar com mais segurança e de acordo com o perfil mais atual da banca, é fundamental que sejam filtradas as questões mais recentes. Normalmente, recomendamos aos alunos que utilizem, no máximo, questões dos últimos 5 anos.

Dentro desse tópico, cabe ainda uma pequena divisão para que as dicas de estudo fiquem ainda mais direcionadas:

Questões da área de Direito

Quando você estiver usando o Sistema de Questões para estudar disciplinas da área de Direito, a dica desse tópico se torna ainda mais importante. Isso porque o direito é extremamente volátil, ou seja, os entendimentos, as jurisprudências e até mesmo as leis mudam com muita frequência.

Por isso, ao estudar essas matérias, dê preferência para questões ainda mais recentes. Apenas dessa forma você poderá ter a segurança de que está tendo contato com as interpretações mais atualizadas do direito.

Questões da área de Exatas

Diferente do que foi abordado acima, se o aluno está estudando matérias da área de Exatas, a dica sobre montar cadernos de questões mais recentes pode ser relativizada. Isso porque, ao contrário do direito, as matérias exatas são menos voláteis, havendo menor risco de ser prejudicado ao estudar por questões mais antigas.

No caso das exatas, a realização de questões mais recentes se torna útil apenas para traçar um perfil de cobrança mais fidedigno da banca, não sendo comuns mudanças de entendimento como acontece na área de direito.

De todo modo, caso haja muitas questões disponíveis, a dica ainda é válida. Isso porque algumas bancas, como a Fundação Carlos Chagas (FCC), possuem um “esqueleto” de cobrança até mesmo nas matérias exatas. Por isso, normalmente o aluno que realiza muitas questões recentes da banca é premiado na hora da prova.

Tente realizar o máximo de questões da sua banca

Aqui nesse tópico, é importante que façamos outra pequena divisão:

Alunos cujo concurso já possui banca definida ou prevista

Se o concurso para o qual você está estudando já possui banca definida, ou se há uma certa previsibilidade de banca por conta do histórico de contratações do órgão, não tenha dúvidas: filtre seus cadernos pela sua banca no Sistema de Questões.

Explicamos o motivo: toda banca ao criar questões de concursos monta um grande banco de dados que dará origem às provas. Como o universo de assuntos é finito assim como as formas de cobrança, é razoável que algumas questões se repitam ou sejam alteradas apenas em pequenos detalhes.

Além disso, o entendimento dos membros da banca sobre determinados assuntos polêmicos deve ser uniforme, de forma que apenas realizando muitas questões da banca escolhida você poderá ter a percepção desses entendimentos.

Alunos cujo concurso NÃO possui banca definida

Agora, se você está estudando para um concurso ainda sem banca definida e sem nenhuma previsibilidade quanto ao processo de escolha, a recomendação é a seguinte: tente observar quais foram as bancas que realizaram as últimas edições de seu concurso e foque nesse universo de questões.

Isso é recomendado para que o aluno evite ao máximo montar cadernos de questões genéricos, ou seja, de TODAS as bancas. Limitando-se a algumas bancas que costumam ser contratadas pelo seu órgão, a chance de você estar mais direcionado quando a banca for definida será muito maior.

Elabore cadernos de questões com todo o conteúdo

Esse tópico é direcionado para os concurseiros mais avançados, que já tiveram a oportunidade de ter contato com todo o conteúdo de uma disciplina. Caso esse ainda não seja se caso, guarde as dicas para um futuro próximo.

No entanto, se você já viu todo o conteúdo programático de uma disciplina, monte seus cadernos de revisão selecionando todo os assuntos da matéria. Isso fará com que você se aproxime de uma situação de prova. Do contrário, ao filtrar apenas um assunto, sua “busca mental” fica mais fácil, mas você se afasta de uma melhor simulação de momento de prova.

Além disso, outra dica importante: evite olhar o nome do assunto antes de realizar a questão. Lembre-se que em uma situação real de prova não haverá nenhum indício sobre qual assunto dentro da matéria a questão irá tratar, cabendo ao aluno identificar isso e realizar uma rápida pesquisa mental.

Um bom exemplo de cadernos de questões elaborados dessa forma são nossos Guias de Estudos. Para os alunos que não conhecem, os Guias de Estudos são listas de exercícios no Sistema de Questões de acordo com o conteúdo programático de determinado edital. É uma ferramenta brilhante e que poupa um tempo precioso do aluno, já que basta clicar e realizar as questões, com a segurança de estar estudando de acordo com o edital do seu concurso. Não deixe de conferir e utilizá-los no seu planejamento de estudos.

GUIA DE ESTUDOS: https://www.estrategiaconcursos.com.br/blog/guia-de-estudos/

Deixe seu rastro” no caderno de questões

Bom pessoal, essa talvez seja a parte mais importante do nosso artigo. Quando se estuda para concursos, é natural que haja muitos erros na hora de realizar questões de alto nível. No entanto, as questões com erros ou dúvidas devem jogar ao seu favor futuramente. Ou seja, você não pode passar para questão seguinte sem entender o real motivo que fez com que você marcasse a alternativa errada naquela questão.

É comum ouvirmos que os erros em questões são ótimas ferramentas de aprendizagem. Isso porque, ao cometer um erro e descobrir sua causa através do comentário da questão, nossa mente tratará aquela leitura com mais profundidade e fixação.

Além de ler de forma atenta os comentários, é muito importante que você deixe seu rastro nas questões que realizar. Mas o que isso significa?

Ao realizar um caderno de questões, sempre deixe marcadas as questões que errar ou tiver dúvidas e faça seus comentários nessas questões. Se possível, copie essas questões para um documento separado, dando ênfase para suas resoluções futuramente. Lembre-se que os cadernos de questões realizados serão uma de suas ferramentas mais importantes de revisão.

Em resumo, ao realizar um caderno de questões, coloque-se no lugar de “você no futuro”, numa véspera de prova, e faça o possível para facilitar a sua própria revisão.

Considerações Finais

Galera, espero que essas dicas de estudo sejam úteis para vocês. Sem dúvidas, a resolução de um alto número de questões é algo comum entre os aprovados. Por isso, usem essas dicas ao seu favor na hora de montar seus cadernos de questões.

Um forte abraço,   

Vinícius Peron Fineto.

Instagram: @viniciuspfineto 

Estude com o maior Sistema de Questões

Estude sem limites e seja aprovado #ComEstratégia. Assine já e comece logo a sua preparação! #VENHAPARAOMAIOR   

SISTEMA DE QUESTÕES – Experimente Grátis por 7 dias   

Posts Relacionados

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *