0

Último Concurso do INSS para Técnico e Analista: Análise Completa

Neste artigo será apresentada uma análise detalhada do último concurso do INSS. Desta forma, aqueles que desejam ser aprovados neste visado concurso encontrarão informações importantes. Apresentaremos o cronograma do concurso, quais foram as matérias cobradas, qual foi a concorrência e qual foi a nota dos aprovados.

Ressalta-se que não existe expectativa para um novo concurso do INSS nos próximos meses. De toda forma, a preparação com antecedência é fundamental, pois este é sem dúvidas um dos concursos mais disputados do país.

 Cronograma 

 A prova do último concurso do INSS ocorreu em maio de 2016, e foi elaborada pela banca CESPE. Na ocasião foram oferecidas 800 vagas para Técnico do Seguro Social e 150 vagas para Analista do Seguro Social com formação em Serviço Social. O cronograma completo do concurso é demonstrado abaixo:

cronograma último concurso do INSS

Analisando o cronograma, observa-se que entre a autorização do concurso e a prova passaram-se quase 11 meses. Além disso, entre o edital e a prova decorreram quase 6 meses. Desta forma, houve um tempo hábil para que os concorrentes se preparassem em alta performance para a prova.

Porém, não necessariamente os prazos que vimos irão se repetir no próximo concurso do INSS. O que é fato é que atualmente o Decreto 9.739 de 28/03/19 regulamenta a realização dos concursos no âmbito federal, e tal instrumento normativo exige:

  • Que o edital seja publicado em um prazo não superior a 6 meses após a autorização do concurso;
  • Que o edital seja publicado com antecedência mínima de 4 meses da realização da prova.

Portanto, após a autorização pelo Ministério da Economia para um novo concurso para o INSS, teremos pelo menos 10 meses até a realização da prova.


 Concorrência  

Técnico do Seguro Social

Agora tratando da concorrência, no último concurso do INSS, o número de inscritos para concorrer às 800 vagas de Técnico do Seguro Social foi de 1.043.807. Deste total de inscritos, não foram fazer a prova 25,23%, o que representa 263.353 concorrentes.

Acentuamos que as provas do último concurso do INSS foram feitas de forma regionalizada. Assim, o candidato escolhia para qual Gerência Executiva queria concorrer e disputava as vagas previstas para aquela localidade com os demais candidatos que escolheram a mesma gerência.

A gerência que teve a maior demanda candidato/vaga para o cargo de Técnico do Seguro Social foi a do Rio de Janeiro – Norte, com 24.950 candidatos/vaga. Já a gerência que teve a menor concorrência foi a de Tefé/AM, com 328,83 candidatos/vaga.

Analista do Seguro Social

Analisando agora o cargo de Analista do Seguro Social, o número de inscritos no último concurso do INSS foi de 43.983. O índice de abstenção foi de 24,4%, ou seja, 10.732 concorrentes não foram fazer a prova.


A maior demanda candidato/vaga para o cargo de Analista foi registrada também na gerência Executiva Rio de Janeiro – Norte. Nesta localidade haviam 1.316 candidatos disputando cada vaga oferecida. Já a menor demanda foi em Macapá/AP, com 99 concorrentes por vaga.

Prova do último concurso do INSS

Como já mencionamos, a banca que realizou o último concurso do INSS foi a CESPE. O concurso foi feito em uma única etapa e as provas eram compostas de 120 questões. A cobrança era no estilo certo e errado, em que uma questão errada anulava uma certa.

As disciplinas exigidas foram distribuídas da seguinte forma, todas com peso 1:

Disciplinas cobradas para Técnico do Seguro Social no Último Concurso do INSS
Disciplinas cobradas para Analista do Seguro Social no Último Concurso do INSS

Podemos destacar que, para ambos os cargos, a disciplina de Seguridade Social é a que possui maior peso. Portanto, para que um concorrente chegue competitivo na prova ele deve ter um conhecimento aprofundado desta matéria. Porém, as demais não podem ser negligenciadas, porque como a prova é muito concorrida, cada ponto será decisivo.

Notas dos Aprovados no Último Concurso do INSS 

Passaremos à análise das notas dos aprovados dentro das vagas no cargo de Técnico do Seguro Social no último concurso do INSS. Analisaremos as notas dos técnicos porque é o cargo que apresenta a maior demanda.


Novamente, como o concurso do INSS foi feito por gerência executiva, em cada localidade foi registrada uma nota de corte. Além disso, lembramos que o número máximo de pontos que era possível se fazer no concurso era 120.

No quadro a seguir, é possível conferir a porcentagem de gerências executivas em que cada nota de corte foi observada:

notas aprovados último concurso  do INSS

Observações

  • O gráfico é lido da seguinte forma: em 18% das gerências, a nota de corte foi 101 pontos líquidos. Em 6% das gerências, a nota de corte foi 103 pontos líquidos;
  • As notas analisadas são das vagas para ampla concorrência;
  • A nota de corte mais frequente foi 102, que foi registrada em 25% das localidades;
  • A menor nota de corte, 94, foi registrada em Rio Branco, no Acre;
  • A maior nota de corte, 107, foi na gerência executiva de Juazeiro do Norte;
  • Na gerência executiva Rio de Janeiro-Norte, em que mostramos que a demanda candidato/vaga foi maior, a nota de corte foi 101 pontos;
  • Na gerência de Tefé / AM, em que a demanda candidato/vaga foi a menor, a nota de corte foi 97 pontos;
  • No Estado de São Paulo, a gerência executiva de São Bernardo do Campo oferecia apenas 1 vaga para ampla concorrência, e a nota de corte foi de 95 pontos. Já na gerência executiva de Sorocaba, que oferecia 15 vagas, a nota de corte foi 102 pontos. Ou seja, o candidato deve escolher a região que quer prestar a prova de acordo com as suas necessidades, e não de acordo com o número de vagas oferecidas. Não necessariamente será mais fácil passar em uma gerência que oferece mais vagas.

Considerações

Podemos observar que a maior frequência das notas dos aprovados varia entre 98 e 104 pontos, tendo pequenas exceções a esse caso.

Considerando que a prova é realizada pela banca CESPE, essas notas são altíssimas. Lembro que já estão sendo descontados os pontos das questões erradas. Ou seja, aqueles que querem ser aprovados dentro do número de vagas no concurso do INSS devem ter não só uma porcentagem de acertos alta, mas também poucos erros nas questões, para conseguirem uma nota final líquida alta.

Convocações no Último Concurso do INSS

Por fim, vamos tratar das convocações dos aprovados no último concurso do INSS. No concurso de 2012 haviam sido previstas 1500 vagas imediatas no edital, mas no final foram convocados 5.020 aprovados. Desta forma, a expectativa era que no concurso de 2015 também fossem chamados muitos excedentes. Entretanto, a história não se repetiu.

Durante o prazo de validade do último concurso do INSS, que expirou em agosto de 2018, foram nomeados 800 aprovados para Técnico do Seguro Social e 150 para Analista do Seguro Social. Lembramos que esses números eram exatamente a quantidade de vagas previstas no edital. Não houve convocação de excedentes, a não ser nos casos em que o candidato aprovado dentro das vagas não assumiu.

Considerações Finais 
 

Por fim, após analisarmos detalhadamente o último concurso do INSS, é evidente a visibilidade que o concurso possui. A concorrência é alta e, para ser aprovado nesta prova, há pouco espaço para erros.

Sendo assim, quem deseja ser servidor do INSS não pode esperar melhores notícias para se dedicar à preparação para o concurso. O estudo em alta performance é decisivo e cada ponto faz diferença na prova. 

Confira também o webinário que fizemos sobre o concurso do INSS:
https://www.youtube.com/watch?v=AxPHT9yKGeQ&t=724s

ASSINE AGORA – Assinatura Ilimitada

CURSOS PARA O INSS

CONCURSOS ABERTOS

Posts Relacionados

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *