Presa Organização Criminosa que fazia Rateio para Concursos
Coordenação

Presa organização criminosa que fazia rateio para concursos

Foi presa nesta segunda-feira, 11 de dezembro, uma organização criminosa que comercializava de forma ilegal cursos e materiais de estudo para Concursos Públicos (rateio para concurso). A prisão aconteceu na manhã de hoje em Curitiba, Paraná.

Conforme a Delegacia de Crimes Contra a Economia e Proteção ao Consumidor do estado, entre os presos estão três mulheres e um homem.

Os envolvidos responderão pela prática de crimes como: violação de direitos autorais, lavagem de dinheiro, associação criminosa, violação da legislação de consumo.

Entre os crimes estão ainda falsidade ideológica e clonagem de cartões de crédito. A polícia suspeita ainda da organização ter envolvimento com prostituição.

rateio para concurso

Ainda de acordo com informações divulgadas pela Polícia, o grupo de rateio atuava de forma organizada, dividia tarefas e funcionava como uma estrutura empresarial ilícita.

A operação que prendeu os envolvidos foi batizada de Capitão Gancho 3D. Além de uma arma, diversos equipamentos eletrônicos e documentos foram apreendidos no prédio comercial onde funcionava o esquema.

A comercialização dos materiais de estudo para concursos era feita pela internet, em sites de rateio para concursos.

Grupos como esses geralmente se utilizam de cartões de crédito de terceiros e informações sigilosas de clientes para adquirir os cursos e comercializá-los.

concurseiros unidos

Rateio para Concursos é crime e prejudica alunos e professores:

  1. Pirata revenda as aulas protegidas por direitos autorais em flagrante desrespeito à Lei de Direitos Autorais, a Lei 9610/98.
  2. Pirata cria alunos fake, praticando falsidade ideológica, usando dados de terceiros, como o CPF, sem autorização.
  3.  Pirata compra muitas vezes com cartões de crédito clonados e o sistema de anti-fraude não detecta o golpe a tempo.
  4. Pirata fere os termos de uso porque adultera as aulas e retire a identificação dos arquivos PDF justamente porque a prática é ilegal e o pirata não quer ser identificado.
  5. Pirata divulga ilicitamente o produto usando nomes falsos e laranjas, sob pretexto de ser um grupo solidário de concurseiros unidos (grupo de rateio).
  6. Os professores investem seu tempo elaborando cursos de alto nível, mas acabam não ganhar nada. O pirata fica com lucro.
  7. Os cursos de rateios concursos não são atualizadas e muitas vezes incompletas. Ao comprar o curso legítimo o aluno não apenas ganha um curso atualizado, mas também acesso ao forum de dúvidas.

 

 

 

(Fotos: Paraná Portal)

Leia mais :

Rateio de Concursos: Amigo ou Vilão para quem passar em Concursos?

Compartilhe:

Veja os comentários:
Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados
Depoimentos dos Aprovados

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.