0

Goiás: extinção da 3ª Classe aumenta remuneração da área de Segurança Pública

Sancionada lei que extingue 3ª Classe na segurança pública do estado

O governador do estado de Goiás, Ronaldo Caiado, sancionou a Lei nº 20.421/2019 que extingue na Carreira de Praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar, a graduação de Soldado de 3ª Classe.

A medida alcança 2.022 soldados da Polícia Militar e 228 do Corpo de Bombeiros. Garante também a reestruturação de carreira de 400 escrivães e agentes da Polícia Civil e 11 agentes de segurança prisional. Os salários passam de R$ 1.500,00 para R$ 5.700,00.

Segundo Caiado, “No total, 2.661 servidores saem da categoria criada por quem não teve respeito pela segurança pública e seus valorosos servidores.”

De acordo com o governador de Goiás, “Nós não temos o direito de criar terceira categoria em nenhum setor, seja na saúde, na educação, na segurança pública e, hoje, nós estamos cumprindo esse nosso compromisso.”

O secretário Rodney Miranda, afirmou que o projeto corrige uma grande injustiça com as forças policiais: “A correção dessa distorção salarial é fundamental para dar mais dignidade aos servidores, que fazem o mesmo trabalho que os demais policiais no combate à criminalidade.”

O presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Goiás, Paulo Sérgio, por sua vez, declarou que essa luta pela dignidade da carreira é antiga, e ressaltou que a expectativa é de que no próximo mês, os policiais já recebam o valor correspondente ao novo salário.

Assinatura Anual Ilimitada*

Prepare-se com o melhor material e com quem mais aprova em Concursos Públicos de todo o país. Assine agora a nossa Assinatura Anual e tenha acesso ilimitado* a todos os nossos cursos.

Assinatura Ilimitada

Posts Relacionados

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *