Notícia

Concurso TRT 15 (Campinas): resultados preliminares disponíveis

Vagas para nível superior de escolaridade

Os resultados preliminares das provas objetivas do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região (TRT 15), que abrange a região de Campinas, estão disponíveís.

O edital oferta vagas em cadastro de reserva para os cargos de Técnico e Analista Judiciário, de nível superior de escolaridade. O resultado preliminar pode ser conferido através do link abaixo:

Confira mais informações no decorrer do artigo!

  • Concurso TRT 15 (Campinas)
  • Status: resultados disponíveis
  • Banca: FCC
  • Vagas: CR
  • Salário inicial: R$ 8.529,67 a R$ 13.994,78 [a partir de fevereiro de 2024]
  • Edital TRT 15 2023

Prepare-se com o melhor material e com quem mais aprova em Concursos Públicos em todo o país.

Ao longo deste artigo você confere mais detalhes sobre o Concurso TRT 15 como remuneração, requisitos, último concurso, entre outras informações.

Concurso TRT 15: situação atual

Principais datas

Inscrições: 11/09 a 11/10/2023
Isenção da taxa: 11 a 15/09
Último dia para pagamento: 06/10
Prova: 03/12/2023

Cargos e vagas

As vagas do edital se dividem entre as carreiras de técnico e analista, de nível superior. De acordo com o documento, as oportunidades se distribuem da seguinte forma:

Nível superior

CARGOSVAGASSALÁRIO
Técnico Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: Enfermagem do TrabalhoCRR$ 8.046,84
Técnico Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: Tecnologia da InformaçãoCRR$ 8.046,84
Analista Judiciário – Área Administrativa – Especialidade: ContabilidadeCRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: EstatísticaCRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: ArquivologiaCRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: Comunicação SocialCRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: EngenhariaCRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: Engenharia (Civil)CRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: Engenharia (Elétrica)CRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: Engenharia (Mecânica)CRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: Engenharia (Segurança do Trabalho)CRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: MedicinaCRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: Medicina (do Trabalho)CRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: FisioterapiaCRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: Serviço SocialCRR$ 13.202,62
Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade: Tecnologia da InformaçãoCRR$ 13.202,62
Cargos de nível superior concurso TRT 15.

Requisitos

Técnico

  • Técnico Judiciário – Enfermagem do Trabalho: Diploma de Graduação e de curso técnico de enfermagem do trabalho devidamente registrados, fornecidos por instituições de ensino reconhecidas pelo Ministério da Educação e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Técnico Judiciário – Tecnologia da Informação: Diploma de Graduação acrescido de um curso de programação que tenha, no mínimo, 120 (cento e vinte) horas/aula ou certificado de conclusão de curso técnico na área de informática devidamente registrados e expedidos por Instituição de Ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.

Analista

  • Analista Judiciário – Contabilidade: Diploma de Graduação em Contabilidade, devidamente registrado, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Estatística: Diploma de Graduação em Estatística, devidamente registrado, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Arquivologia: Diploma de Graduação em Arquivologia, devidamente registrado, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC e registro no Ministério do Trabalho.
  • Analista Judiciário – Comunicação Social: Diploma de Graduação em Comunicação Social, devidamente registrado, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.
  • Analista Judiciário – Engenharia: Diploma de Graduação em Engenharia Civil, Mecânica ou Elétrica, devidamente registrado, reconhecido pelo Ministério da Educação e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Engenharia (Civil): Diploma de Graduação em Engenharia Civil, devidamente registrado, reconhecido pelo Ministério da Educação e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Engenharia (Elétrica): Diploma de Graduação em Engenharia Elétrica, devidamente registrado, reconhecido pelo Ministério da Educação e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Engenharia (Mecânica): Diploma de Graduação em Engenharia Mecânica devidamente registrado, reconhecido pelo Ministério da Educação e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Engenharia (Segurança do Trabalho): Diploma de Graduação em Arquitetura ou Engenharia, acrescido de pós-graduação em Engenharia de Segurança do Trabalho, devidamente registrados, reconhecidos pelo Ministério da Educação, e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Medicina: Diploma de Graduação em Medicina, devidamente registrado, reconhecido pelo Ministério da Educação, e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Medicina (do Trabalho): Diploma de Graduação em Medicina e pós-graduação em Medicina do Trabalho, devidamente registrados, reconhecidos pelo Ministério da Educação, e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Fisioterapia: Diploma de Graduação em Fisioterapia, devidamente registrado, reconhecido pelo Ministério da Educação, e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Serviço Social: Diploma de Graduação em Serviço Social, devidamente registrado, reconhecido pelo Ministério da Educação, e registro no respectivo Órgão de Classe.
  • Analista Judiciário – Tecnologia da Informação: Diploma de curso superior em Informática, ou de qualquer outro curso superior acrescido de curso de Pós-Graduação na área de Informática, devidamente registrados e fornecidos por Instituição de Ensino Superior reconhecida pelo Ministério da Educação.

Salários e benefícios

De acordo com o edital, os salários iniciais dos aprovados serão os seguintes:

  • Analista (nível superior): R$ 13.202,62
  • Técnico (nível superior): R$ 8.046,84

Ressalta-se ainda que a partir de fevereiro de 2024, os Tribunais ainda pagarão auxílio pré-escolar no valor de R$ 1.178,82, e auxílio alimentação no valor de R$ 1.393,10.

Etapas e provas

Os candidatos do concurso TRT 15 serão avaliados por meio de prova objetiva e discursiva. As provas serão aplicadas na data provável do dia 03 de dezembro de 2023, sendo:

  • Período da manhã para os candidatos ao cargo de Analisa, com duração máxima de 4h:30;
  • Período da tarde para os candidatos ao cargo de Técnico, com duração máxima de 4h.

Provas Objetivas

A prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, será composta por 60 questões de múltipla escolha, com 05 alternativas e apenas uma correta.

Confira abaixo a estrutura das provas!

Conhecimentos gerais:

  • 20 questões
    • Língua Portuguesa;
    • Raciocínio Lógico-Matemático;
    • Noções de Administração Pública e Legislação;
    • Código de Ética E Regimento Interno do TRT15
    • Noções de Informática

Conhecimentos específicos:

  • 40 questões.

Prova Discursiva

A prova discursiva/ estudo de caso, de caráter eliminatório e classificatório, será composta da seguinte maneira:

  • Para o cargo de Analisa: o Estudo de Caso constará de 02 (duas) questões práticas, para as quais o candidato deverá apresentar, por escrito, as soluções. A etapa terá limite máximo de 15 (quinze) linhas para cada questão, sob pena de perda de pontos a serem atribuídos ao Estudo de Caso.
  • Para o cargo de Técnico: o Estudo de Caso constará de 01 (uma) questão prática, para a qual o candidato deverá apresentar, por escrito, as soluções. A etapa terá limite máximo de 15 (quinze) linhas para cada questão, sob pena de perda de pontos a serem atribuídos ao Estudo de Caso.

A etapa será aplicada no mesmo dia e horário que a prova objetiva.

Cargos vagos

Segundo o último levantamento disponibilizado no Portal de Transparência do órgão, realizado em fevereiro de 2023, o TRT 15 possui 373 cargos vagos, sendo:

  • Técnico Judiciário: 143 cargos vagos;
  • Analista Judiciário: 248 cargos vagos;

Concurso TRT 15: Carreira

Salários e Benefícios

A remuneração dos TRTs é composta pelo vencimento básico mais uma Gratificação de Atividade Judiciária (GAJ). Ainda podem ser adicionadas outras gratificações de acordo com o cargo e leis vigentes.

No dia 10 de janeiro de 2023 foi sancionada a lei que reajusta os salários dos servidores em 18% pago em 3 parcelas de 6% a partir de fevereiro de 2023.

Sendo assim, os vencimentos passarão a ser de:

  • Analista Judiciário (Vencimento básico + GAJ)
    • 2023
      • Inicial: R$ 13.202,62 
      • Final: R$ 19.823,62
    • 2024
      • Inicial: R$ 13.994,78 
      • Final: R$ 21.013,03
    • 2025
      • Inicial: R$ 14.852,66
      • Final: R$ 22.301,14
  • Técnico Judiciário (Vencimento básico + GAJ)
    • 2023
      • Inicial: R$ 8.046,84
      • Final: R$ 12.082,30
    • 2024
      • Inicial: R$ 8.529,67
      • Final: R$ 12.807,24
    • 2025
      • Inicial: R$ 9.052,54
      • Final: R$ 13.592,33

Além do vencimento, os servidores também podem receber os seguintes benefícios assistenciais:

  • Auxílio-alimentação;
  • Assistência pré-escolar;
  • Assistência médica e odontológica;
  • Auxilio-transporte;
  • Auxílio-farmácia.

Alteração de escolaridade para Técnico Judiciário

Foi promulgado em 2022 o Projeto de Lei 3662/21, que altera a escolaridade do cargo de Técnico Judiciário e estabelece o nível superior como requisito aos concursos Tribunais.

Segundo a Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Judiciário Federal e Ministério Público da União (Fenajufe) a alteração da escolaridade valoriza a carreira de Técnico Judiciário, visto que as atividades desempenhadas pelos técnicos são complexas e sua importância necessitava de reconhecimento.

Sendo assim, para assumir o cargo de Técnico Judiciário, os candidatos agora devem possuir como requisito nível superior de escolaridade.

Requisitos

Analista Judiciário do TRT 15 – Área Judiciária – Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal
Curso superior completo em Direito.

Analista Judiciário do TRT 15 – Área Judiciária
Curso superior completo em Direito.

Analista Judiciário do TRT 15 – Área Administrativa
Curso superior completo.

Analista Judiciário do TRT 15 – Área Apoio Especializado – Especialidade Arquitetura
Curso superior completo em Arquitetura e registro no Conselho de Arquitetura e Urbanismo dos Estados e do DF.

Analista Judiciário do TRT 15 – Área Apoio Especializado – Especialidade História
Curso superior completo em História.

Analista Judiciário do TRT 15 – Área Apoio Especializado – Especialidade Medicina
Curso superior completo em Medicina e registro no Conselho Regional de Medicina.

Analista Judiciário do TRT 15 – Área Apoio Especializado – Especialidade Medicina (Psiquiatria)
Curso superior completo em Medicina, pós-graduação em Psiquiatria e registro no Conselho Regional de Medicina.

Analista Judiciário do TRT 15 – Área Apoio Especializado – Especialidade Odontologia
Curso superior completo em Odontologia e registro no Conselho Regional de Odontologia.

Analista Judiciário do TRT 15 – Área Apoio Especializado – Especialidade Psicologia
Curso superior completo em Psicologia e registro no Conselho Regional de Psicologia.

Técnico Judiciário do TRT 15 – Área Administrativa
Ensino superior completo.

Técnico Judiciário do TRT 15 – Área Administrativa – Especialidade Segurança
Ensino superior completo e Carteira Nacional de Habilitação Categoria “D” ou “E”.

Técnico Judiciário do TRT 15 – Área Apoio Especializado – Especialidade Enfermagem
Ensino superior e registro no Conselho Regional de Enfermagem.

Último concurso TRT 15

Validade prorrogada

Foi divulgada na edição do dia 13 de março de 2023 no Diário Oficial da União a prorrogação do prazo de validade do último concurso TRT 15.

O certame foi realizado em 2018, e teria sua validade vencida em 2023. Agora, as seleção valerá por mais 02 anos. Confira abaixo o documento!

Validade prorrogada concurso TRT 15.
Validade prorrogada concurso TRT 15.

Resultado homologado

A última seleção do TRT 15, realizada em 2018, teve seu resultado final divulgado em janeiro de 2019 para o cargo de Técnico Judiciário – Área Administrativa – Especialidade Segurança e em maio para os demais. O certame foi homologado pelo Órgão Especial em março de 2021.

O último concurso TRT 15 foi realizado em 2018, sob organização da Fundação Carlos Chagas, a FCC. Na ocasião foram ofertadas 02 vagas imediatas mais cadastro de reserva para os cargos de Analista e Técnico Judiciário.

Os polos de classificação e realização da prova neste concurso foram:

  • Bauru,
  • Campinas,
  • Jundiaí,
  • Piracicaba,
  • Ribeirão Preto,
  • São José do Rio Preto,
  • São José dos Campos e
  • Sorocaba.

Analista Judiciário

  • Área Judiciária – Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal
  • Área Judiciária
  • Área Administrativa
  • Área Apoio Especializado – Especialidade Arquitetura
  • Área Apoio Especializado – Especialidade História
  • Área Apoio Especializado – Especialidade Medicina
  • Área Apoio Especializado – Especialidade Medicina (Psiquiatria)
  • Área Apoio Especializado – Especialidade Odontologia
  • Área Apoio Especializado – Especialidade Psicologia

Técnico Judiciário

  • Área Administrativa
  • Área Administrativa – Especialidade Segurança
  • Área Apoio Especializado – Especialidade Enfermagem

Etapas do concurso

No concurso do TRT 15, os candidatos aos cargos de Analista realizaram uma Prova Objetiva de conhecimentos gerais e específicos, além de um Estudo de Caso ou Redação conforme o cargo.

Os candidatos aos cargos de Técnico realizaram a Prova Objetiva e uma Redação. A especialidade de Segurança também contou com uma Prova de Aptidão Física e o Curso de Formação Inicial.

A prova objetiva foi composta por 20 questões de conhecimentos gerais, peso 1 e 40 questões de conhecimentos específico, peso 3. As disciplinas cobradas em conhecimentos gerais variavam conforme o cargo:

OJAF, AJAJ, TJAA

  • Língua Portuguesa
  • Regimento Interno
  • Noções sobre Direitos das Pessoas com deficiência
  • Raciocínio lógico-matemático

AJAA, Arquitetura, Segurança

  • Língua Portuguesa
  • Regimento Interno
  • Noções sobre Direitos das Pessoas com deficiência
  • Raciocínio lógico-matemático
  • Lei nº 8.112/1990

História, Medicina, Medicina (Psiquiatria), Odontologia, Psicologia, Enfermagem

  • Língua Portuguesa
  • Regimento Interno
  • Noções sobre Direitos das Pessoas com deficiência
  • Lei nº 8.112/1990

Prova de capacidade física

Realizada somente para o cargo de Técnico Judiciário – Especialidade Segurança, a prova de capacidade física do TRT 15 contou com três testes:

  • A) Teste abdominal
  • B) Teste de flexão com o cotovelo em 90º
  • C) Teste de corrida de 12 minutos

Quantitativo de inscritos

Foram registrados 70.339 candidatos inscritos no concurso TRT 15. O cargo com maior procura foi o de Técnico Judiciário – área Administrativa, com 36.121‬ inscritos o que representa 51% do total de inscrições.

  • 3.314 inscritos: An. Jud. – OJAF
  • 16.385‬ inscritos: An. Jud. – AJAJ
  • 7.915 inscritos: An. Jud. – AJAA
  • 752 inscritos: An. Jud. – Arquitetura
  • 789 inscritos: An. Jud. – História
  • 134 inscritos: An. Jud. – Medicina
  • 56 inscritos: An. Jud. – Medicina (Psiquiatria)
  • 1.043 inscritos: An. Jud. – Odontologia
  • 999 inscritos: An. Jud. – Psicologia
  • 36.121‬ inscritos: Téc. Jud. – TJAA
  • 2.330 inscritos: Téc. Jud. – Segurança
  • 501 inscritos: Téc. Jud. – Enfermagem

Linha do tempo dos últimos concursos

Concurso TRT 15 2018:

  • FCC
  • Analista e Técnico Judiciário
  • 02 + CR

Concurso TRT 15 2015:

  • FCC
  • Analista e Técnico Judiciário
  • 63 + CR

Concurso TRT 15 2013:

  • FCC
  • Analista e Técnico Judiciário
  • CR

Concurso TRT 15 2009:

  • FCC
  • Analista e Técnico Judiciário
  • 11 + CR

Concurso TRT 15 2005:

  • FCC
  • Analista e Técnico judiciário
  • 03 vagas

Concurso TRT 15 2004:

  • FCC
  • Analista e Técnico Judiciário
  • 14 + CR

Quer saber tudo sobre concursos previstos?
Confira nossos artigos!

Cursos para o concurso TRT 15

Gostou desta oportunidade e deseja começar se preparar agora mesmo? Então, confira os nossos cursos e comece a estudar para TRT 15:

Prepare-se com o melhor material e com quem mais aprova em Concursos Públicos em todo o país.

Assinatura Concursos

Assinatura de 1 ano ou 2 anos

Informações do concurso TRT 15

  • Inscrições: 11/09 a 05/10/2023
  • Provas: 03/12/2023
  • Vagas: CR
  • Cargos: Analista e Técnico Judiciário
  • Banca: FCC
  • Escolaridade: Nível superior
  • Edital TRT 15 2023

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja os comentários
  • Olá Eliane. Para participar dos aulões gratuitos basta clicar no banner disponível no artigo e se inscrever no formulário. Bons estudos! Att. Equipe Estratégia Concursos
    Camila Leite em 04/04/18 às 18:15
  • quero participar das aulas gratuitas...
    ELIANE DE SOUZA MORAES em 04/04/18 às 06:26
  • OBRIGADO
    LEANDRO DANTAS MUNIZ em 26/03/18 às 12:29
  • muito obrigado
    FRITZ ANDRE em 16/03/18 às 23:26
  • Alguem já conseguiu se inscrever? Não há link no site da FCC para se inscrever?
    JEFTER em 14/03/18 às 11:46
  • Infelizmente será a FCC, eu preferiria Cespe ou FGV. De uns tempos pra cá a FCC transformou a redação em uma verdadeira loteria!
    Rennan em 11/02/18 às 19:35
  • Boa noite aos futuros colegas. Valfrido
    Valfrido França em 17/01/18 às 22:40
  • Vou começar no dia 22 de janeiro e, mesmo assim, conquistarei uma vaga. Anotem aí. Modo concurseiro ativado novamente. Rumo à segunda aprovação!!!
    João Pedro Gonçalves Rocha em 16/01/18 às 09:09
  • Andréa, sugerimos que você analise o conteúdo programático dos dois editais. Algumas disciplinas podem ter conteúdos semelhantes e, assim, pode aproveitá-los durante a sua preparação. Abraço!
    Fernando Brito em 09/01/18 às 08:43
  • Ótima notícia estarei dentro!
    Benvinda Maria Feitosa Ramalho em 02/01/18 às 15:26
  • Eu acresito em Deus de que o melhor Ele fara por mim se eu for o merecedor desta vaga.
    Julio Cesar de Albuquerque em 28/12/17 às 09:04
  • TRT uma vaga É MINHA! NINGUÉM TIRA DE MIM. É uma promessa que fiz a mim mesmo Boa sorte
    Rogério em 04/12/17 às 11:25
  • Nossa então o Edital só sairá mesmo em 2018? Foco total neste Edital
    Viviane em 27/11/17 às 20:51
  • valeu!
    Daniel em 19/11/17 às 12:59
  • Quero me ma ter informada sobre concursos de ensino superior na área de Direito....o TRT 15a região interessa e muto... aguardo atualizações. Abraços, Siléia.
    Sileia R. de Castro em 17/11/17 às 23:43
  • Oi pessoal, legal o AULÃO. Sou de Jundiaí - SP Estou firme para conquistar esta VAGA. Abraços !
    Valdir Bispo em 23/10/17 às 07:02
  • to dentro, vamos la!!!!!!!!!!!!
    DONIZETE LOUREIRO DE BARROS em 08/10/17 às 13:27
  • Professor, pode ser aproveitado o curso do TST????
    Andréa Damico em 19/09/17 às 18:48
  • Notícia boa! Curti!
    Karina em 03/09/17 às 12:17
  • Ótima notícia, Estratégia !!! Rumo aos TRTs !!!
    Fabiano em 18/08/17 às 09:48
  • Esse concurso é "na porta de casa" !! E ainda pela FCC...que notícia boa :D
    Lígia em 18/08/17 às 08:48
  • Pessoal, bom dia! O último concurso para o TRT-15 foi em 2015 (Técnico e Analista Judiciário - Apoio especializado) na cidade de Campinas - SP. Eu participei deste concurso.
    Eduardo Borges em 07/07/17 às 08:11