Concurso TRE MT: com validade até 2020, órgão possui cargos vagos
Coordenação

Concurso TRE MT: com validade até 2020, órgão possui cargos vagos

O último concurso TRE MT foi iniciado em 2016. Com a prorrogação, a validade expira em junho de 2020. Atualmente, o órgão possui vacância nos cargos de Analista Judiciário e Técnico Judiciário.

Confira neste artigo as principais informações sobre o concurso do Tribunal Regional Eleitoral do Mato Grosso e comece a se preparar desde já! Acompanhe os tópicos abaixo:

Status atual do concurso TRE MT

O concurso TRE MT realizado em 2016 ainda está em vigência e sua validade é até junho de 2020. Sendo assim, os aprovados que estão no cadastro reserva podem ser chamados, conforme a necessidade do órgão, até essa data.

Vale lembrar que em 2017, o Tribunal Superior Eleitoral, por meio de uma portaria, suspendeu os provimentos de vagas e impediu novas nomeações de servidores para cargos efetivos na Justiça Eleitoral. Cumprindo, assim, à Emenda Constitucional nº 95, de dezembro de 2016, que institui o regime fiscal no país.

Porém, em 13 de julho de 2018, com as exceções criadas pela portaria nº 574, os Tribunais voltaram a nomear. Esta exceção se aplica a sempre que um servidor de TRE pedir exoneração, for demitido ou tomar posse em cargo inacumulável. Com sua vaga liberada, ela pode ser ocupada por outra pessoa.

Na mesma portaria, o TSE listou as Unidades da Federação que possuíam, naquela ocasião, cargos vagos que poderiam ser providos. Para o Tribunal Regional Eleitoral do Mato Grosso foi autorizada, até o momento, apenas uma vaga para o cargo de Analista Judiciário.

Concurso TRE MT: Cargos vagos

No Portal da Transparência é possível visualizar informações detalhadas sobre o Tribunal Regional Eleitoral do Mato Grosso. De acordo com os dados disponíveis, com referência no mês de abril de 2019, o órgão possui uma vacância nos cargos de Analista e Técnico.

No total, são 10 vagas, sendo 7 nos cargos de Analista Judiciário e 3 em Técnico Judiciário.

Requisitos dos cargos para o concurso TRE MT

Para ingressar no cargo de Analista Judiciário o candidato precisa possuir formação de nível superior, com diploma reconhecido pelo MEC e especificado na área que deseja atuar.

Já os interessados ao cargo de Técnico Judiciário é necessário que tenham formação completa no ensino médio. Entretanto, caso queiram uma área especial, é exigido o curso técnico equivalente.

Remuneração do concurso TRE MT

Os servidores dos cargos de Analista Judiciário e Técnico Judiciário gozam de um salário farto. Isso porque a remuneração é composta pela soma de dois valores: vencimento inicial+GAJ, seguindo o plano de carreira de cada cargo.

ANALISTA
Inicial: 12.455,3
Final: 18.701,52

TÉCNICO
Inicial: 7.591,37‬
Final: 11.398,39

Além disso, contam com outras possíveis gratificações e benefícios, como:

  • Auxílio alimentação: R$ 910,08
  • Assistência pré escolar: R$ 719,62
  • Assistência médica e odontológica: R$ 215,00
  • Auxílio transporte: de acordo com a necessidade

Último concurso TRE MT

O último concurso TRE MT aconteceu em 2016, com o Cespe sendo responsável pela organização. Foram ofertadas 12 vagas imediatas e formação de cadastro reserva aos cargos:

  • Analista Judiciário – Administrativa: CR
  • Analista Judiciário – Judiciária: 4 vagas
  • Analista Judiciário – Análise de Sistemas: CR
  • Analista Judiciário – Contabilidade: CR
  • Analista Judiciário – Engenharia: CR
  • Técnico Judiciário – Administrativa: 5 vagas
  • Técnico Judiciário – Programação de Sistemas: 3 vagas

Atribuições e remuneração dos cargos no concurso TRE MT

Analista Judiciário – Administrativa: R$ 8.803,97
Executar atividades de nível superior relacionadas com as funções de administração de recursos humanos, materiais e patrimoniais, orçamentários e financeiros, controle interno, bem como as de desenvolvimento organizacional e de suporte técnico e administrativo às unidades organizacionais.

Analista Judiciário – Judiciária: R$ 8.803,97
Executar atividades privativas de bacharel em Direito relacionadas com processamento de feitos, apoio a julgamentos e execução de mandados

Analista Judiciário – Análise de Sistemas: R$ 8.803,97
Realizar atividades de nível superior relacionadas com o desenvolvimento, a implantação e a manutenção de sistemas informatizados.

Analista Judiciário – Contabilidade: R$ 8.803,97
Executar atividades de nível superior relacionadas com análise contábil e auditoria.

Analista Judiciário – Engenharia: R$ 8.803,97
Executar atividades de nível superior relacionadas com projetos de edificação, reforma e manutenção de prédios e edifícios.

Técnico Judiciário – Administrativa: R$ 5.365,92
Executar atividades de nível médio relacionadas com as funções de administração de recursos humanos, materiais e patrimoniais, orçamentários e financeiros, controle interno, bem como as de desenvolvimento organizacional e suporte técnico e administrativo nas unidades organizacionais.

Técnico Judiciário – Programação de Sistemas: R$ 5.365,92
Executar atividades de nível médio relacionadas com a programação de sistemas informatizados.

Etapas do concurso TRE MT

O concurso TRE MT contou com duas fases, sendo elas:

  • 1ª – Prova Objetiva, para todos os cargos
  • 2ª – Prova Discursiva, exceto para Técnico da área Administrativa

As provas objetivas, discursiva e a perícia médica dos candidatos que se declararam com deficiência foram realizadas nas cidades de Barra do Garças/MT, Cuiabá/MT e Sinop/MT.

Provas do concurso TRE MT

A prova objetiva foi composta por questões de múltipla escolha, de conhecimentos Gerais e conhecimentos Específicos, contendo 60 questões, no total. O caráter foi eliminatório e classificatório.

A prova discursiva consistiu de redação de texto dissertativo, de até 30 linhas, a respeito de temas relacionados aos conhecimentos específicos de cada cargo/área/especialidade.

A aplicação das provas ocorreu em dois períodos, separados por cargo:

  • Turno da manhã para o cargo de Analista Judiciário, nível superior, com duração de 4 horas e 30 minutos
  • Turno da tarde para o cargo de Técnico Judiciário, nível médio, com duração de 4 horas e 30 minutos

Disciplinas cobradas no concurso TRE MT

Conhecimentos Gerais – para todos os cargos

  • Língua Portuguesa
  • Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais
  • Noções de Gestão de Projetos e Processos
  • Raciocínio Lógico
  • Noções de Informática (exceto para Analista Judiciário – Análise de Sistemas e Técnico Judiciário – Programação de Sistemas)
  • Língua Inglesa (somente para Analista Judiciário – Análise de Sistemas e Técnico Judiciário – Programação de Sistemas)

Conhecimentos Específicos

Analista Judiciário – Administrativa

  • Noções de Direito Administrativo
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Eleitoral
  • Noções de Administração Geral e Pública
  • Noções de Administração Orçamentária e Financeira e Orçamento Público

Analista Judiciário – Judiciária

  • Direito Administrativo
  • Direito Constitucional
  • Direito Eleitoral
  • Direito Civil
  • Direito Processual Civil
  • Direito Penal
  • Direito Processual Penal

Analista Judiciário – Análise de Sistemas

  • Fundamentos em Ti
  • Governança e Gestão de Ti
  • Processos de Negócio
  • Engenharia de Software
  • Arquitetura de Software
  • Desenvolvimento de Software

Analista Judiciário – Contabilidade

  • Contabilidade Geral
  • Contabilidade Pública
  • Legislação Tributária aplicada às Contratações Públicas

Analista Judiciário – Engenharia

  • Engenharia Civil

Técnico Judiciário – Administrativa

  • Noções de Direito Administrativo
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Eleitoral
  • Noções de Administração Pública
  • Noções de Administração de Recursos Materiais

Técnico Judiciário – Programação de Sistemas

  • Programação de Sistemas

Concurso TRE MT: Concorrência

O último concurso TRE MT recebeu 16.663 inscrições, para a oferta de 12 vagas imediatas em três cargos e cadastro de reserva para quatro. A demanda ficou dessa forma:

  • Analista Judiciário – Judiciária: 2.982 inscritos para 4 vagas, média de 745 x por vaga;
  • Técnico Judiciário – Administrativa: 10.420 inscritos para 5 vagas, média de 2.084 x por vaga;
  • Técnico Judiciário – Programação de Sistemas: 424 inscritos para 3 vagas, média de 141 x por vaga

O quantitativo de inscrições nos demais cargos, que ofertaram cadastro de reserva, foi de:

  • Analista Judiciário – Administrativa: 1.959
  • Analista Judiciário – Análise de Sistemas: 387
  • Analista Judiciário – Contabilidade: 349
  • Analista Judiciário – Engenharia: 142


Quer estudar para o Concurso TRE MT?

Gostou desta oportunidade e deseja começar se preparar agora mesmo? Então, confira os nossos cursos e comece a estudar:

CURSOS

Assinatura Anual Ilimitada*

Prepare-se com o melhor material e com quem mais aprova em Concursos Públicos em todo o país. Assine agora a nossa Assinatura Anual e tenha acesso ilimitado* a todos os nossos cursos.

ASSINE AGORA – Assinatura Ilimitada

Ficha técnica do concurso TRE MT

Informações sobre o concurso TRE MT

Data: 2015
Vagas: 12+CR
Cargos: Analista e Técnico
Banca: Cespe
Escolaridade: Nível médio e superior
Último Edital: Edital TRE MT 2015

Ascom Estratégia
[email protected]

Receba notícias de Concursos no seu WhatsApp e/ou Telegram!

Cadastre-se clicando no ícone abaixo

Notícias de concursos no seu WhatsApp e/ou Telegram

Posts Relacionados

Compartilhe:

Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.

Estamos aqui para ajudar você!
x