Notícia

Concurso TRE MS: inscrições abertas! Ganhe até R$ 13,9 mil

Tribunal Regional Eleitoral do Mato Grosso do Sul (TRE MS) faz parte do concurso TSE Unificado (Tribunal Superior Eleitoral) e oferta 7 vagas imediatas mais formação de cadastro de reserva.

As oportunidades são para os cargos de Técnico e Analista Judiciário, de Nível Superior de escolaridade, com salários iniciais de R$ 8.529,67 a R$ 13.994,78!

Os interessados em participar da seleção devem realizar as inscrições no período de 04 de junho a 18 de julho de 2024, no site da banca organizadora, Cebraspe.

Além disso, é necessário pagar a taxa de participação que varia de R$ 85,00 a R$ 130,00. Já as provas estão previstas para o dia 22 de setembro de 2024.

Confira mais informações no decorrer do artigo!

  • Concurso TRE MS
  • Status: inscrições abertas
  • Banca: Cebraspe
  • Vagas: 7+CR
  • Escolaridade: Superior
  • Salário inicial: R$ 8.529,67 a R$ 13.994,78
  • Edital: TSE Unificado 2024

Prepare-se com o melhor material e com quem mais aprova em Concursos Públicos em todo o país.

Confira neste artigo todas as informações sobre a expectativa de um novo concurso público para o Tribunal Regional Eleitoral MS. Acompanhe os tópicos abaixo:

Concurso TRE MS: Situação atual

Principais datas

  • Inscrições: 04/06 a 18/07/2024
  • Isenção da taxa: 04/04 a 18/07
  • Último dia para pagamento: 09/08
  • Prova: 22/09/2024

Alteração de escolaridade

O Projeto de Lei 3662/21, que altera a escolaridade do cargo de Técnico Judiciário e estabelece o nível superior como requisito aos concursos Tribunais, foi promulgado.

De acordo com a Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Judiciário Federal e Ministério Público da União (Fenajufe) a alteração da escolaridade valoriza a carreira de Técnico Judiciário, uma vez que as atividades desempenhadas pelos técnicos são complexas e sua importância necessitava de reconhecimento.

Desta forma, para assumir o cargo de Técnico Judiciário, os candidatos agora devem possuir como requisito nível superior de escolaridade.

Cargos vagos

De acordo com o último levantamento disponibilizado em dezembro de 2023 o TRE MS possui 07 vacâncias, sendo:

ÓrgãoTÉCNICOANALISTATOTAL
TRE – MS617
Concurso TRE MS: cargos vagos

Concurso TRE MS: Carreira

Requisitos

Todas as áreas do cargo de Analista Judiciário exige formação de nível superior, com diploma de acordo com a área específica. É necessário comprovar com certificação reconhecida pelo MEC.

Agora, para assumir o cargo de Técnico Judiciário, os candidatos agora devem possuir como requisito nível superior de escolaridade. A alteração da escolaridade valoriza a carreira de Técnico Judiciário, uma vez que as atividades desempenhadas pelos técnicos são complexas e sua importância necessitava de reconhecimento.

Salários e Benefícios

De acordo com a edição do dia 10 de janeiro de 2023 do Diário Oficial da União, fica alterada a Lei nº 11.416, de 15 de dezembro de 2006, para reajustar a remuneração das carreiras dos servidores dos quadros de pessoal do Poder Judiciário da União.

Conforme a publicação, “os valores constantes dos Anexos II, III e VIII da Lei nº 11.416, de 15 de dezembro de 2006, e as demais parcelas remuneratórias devidas às carreiras dos servidores dos quadros de pessoal do Poder Judiciário da União serão reajustados em parcelas sucessivas e cumulativas, da seguinte forma:

I – 6% , a partir de 1º de fevereiro de 2023;

II – 6% , a partir de 1º de fevereiro de 2024;

III – 6,13% , a partir de 1º de fevereiro de 2025.

Vale lembrar que os salários dos servidores dos Tribunais são compostos pelo vencimento básico + GAJ (Gratificação de Atividade Judiciária), além de outras gratificações, como o GAE (Gratificação de Atividade Externa) e GAS (Gratificação de Atividade de Segurança), quando aplicável.

Com a mudança, a estrutura remuneratória apresentada pelo Tribunal Superior Eleitoral, órgão que representa os demais TREs, passa a apresentar os seguintes salários iniciais para as carreias de Técnico e Analista:

  • Analista Judiciário (Vencimento básico + GAJ)
    • 2023
      • Inicial: R$ 13.202,62 
      • Final: R$ 19.823,62
    • 2024
      • Inicial: R$ 13.994,78 
      • Final: R$ 21.013,03
    • 2025
      • Inicial: R$ 14.852,66
      • Final: R$ 22.301,14
  • Técnico Judiciário (Vencimento básico + GAJ)
    • 2023
      • Inicial: R$ 8.046,84
      • Final: R$ 12.082,30
    • 2024
      • Inicial: R$ 8.529,67
      • Final: R$ 12.807,24
    • 2025
      • Inicial: R$ 9.052,54
      • Final: R$ 13.592,33

Ressalta-se ainda que a partir de fevereiro de 2024, os Tribunais ainda pagarão auxílio pré-escolar no valor de R$ 1.178,82, e auxílio alimentação no valor de R$ 1.393,10.

Atribuições dos cargos do concurso TRE MS

Analista Judiciário – Judiciária: executa atividades de nível superior de análise processual relacionadas com processamento de feitos, apoio a julgamentos no TRE MS.

Analista Judiciário – Análise de Sistemas: realiza atividades de nível superior relacionadas com desenvolvimento, implantação e manutenção de sistemas informatizados.

Analista Judiciário – Administrativa: executa atividades de nível superior relacionadas com as funções de administração de recursos humanos, materiais e patrimoniais, orçamentários e financeiros, controle interno, bem como as de desenvolvimento organizacional e de suporte técnico e administrativo às unidades organizacionais.

Técnico Judiciário – Contabilidade: executa atividades de nível intermediário com controle contábil, orçamentário e financeiro.

Técnico Judiciário – Administrativa: executa atividades de nível intermediário relacionadas com as funções de administração de recursos humanos, materiais e patrimoniais, orçamentários e financeiros, controle interno, bem como as de desenvolvimento organizacional e suporte técnico e administrativo às unidades organizacionais do TRE MS.

Técnico Judiciário – Programação de Sistemas: executa atividades de nível intermediário relacionadas com a programação de sistemas informatizados.

Concurso TRE MS: vagas no TSE Unificado

CARGOVAGAS
Analista – área administrativaCR
Analista – ContabilidadeCR
Analista – BiblioteconomiaCR
analista – Engenharia CivilCR
Analista – Medicina – Clínica MédicaCR
Analista – T.I1 + CR
Analista – Área Judiciária3 + CR
Técnico – Policial JudicialCR
Técnico – programação de sistemas3 + CR
TOTAL7 + CR
Concurso TSE Unificado: vagas por estado – TRE MS

Concurso TRE MS: etapas e provas

Sob organização da banca Cebraspe, os candidatos inscritos no edital do concurso TSE Unificado serão avaliados por meio da aplicação das seguintes etapas:

  • Prova Objetiva – eliminatório e classificatório, para todos os cargos;
  • Prova Discursiva – eliminatório e classificatório, para os cargos de Analista Judiciário, todas as especialidades;
  • Prova de Capacidade Física (Agente da Polícia Judicial) – eliminatório; e
  • Prova de Títulos – classificatório, somente para os cargos de Analista Judiciário.

As provas objetivas e a prova discursiva para os cargos de Analista Judiciário terão a duração de 4 horas e 30 minutos e serão aplicadas na data provável do dia 22 de setembro de 2024, no turno da manhã.

Já as provas objetivas para os cargos de Técnico Judiciário terão a duração de 3 horas e 30 minutos e serão aplicadas também na data provável do dia 22 de setembro de 2024, no turno da tarde.

Provas Objetivas

A prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, será composta de 120 itens e valerá 190,00 pontos.

Cada prova objetiva será constituída de itens para julgamento, agrupados por comandos que deverão ser respeitados. O julgamento de cada item será CERTO ou ERRADO, de acordo com o(s) comando(s) a que se refere o item.

A etapa versará sobre as seguintes disciplinas

  • Nível Superior:
    • Língua Portuguesa;
    • Noções de Direito Eleitoral (para os cargos de Analista Judiciário – Área Administrativa, e Técnico Judiciário – Área Administrativa);
    • Noções de Direito Administrativo;
    • Noções de Direito Constitucional;
    • Conhecimentos Específicos.

Prova Discursiva

A prova discursiva valerá 50,00 pontos e consistirá da redação de texto dissertativo, de até 30 linhas, a respeito de temas relacionados a conhecimentos específicos do cargo/área/especialidade.

A prova discursiva avaliará o conteúdo (conhecimento do tema), a capacidade de expressão na modalidade escrita e o uso das normas do registro formal culto da Língua Portuguesa. O candidato deverá produzir, conforme o comando formulado pela banca examinadora, texto dissertativo, primando pela coerência e pela coesão.

Prova de Capacidade Física

A prova de Capacidade Física do edital TSE Unificado terá caráter eliminatório, e será aplicada somente aos candidatos par o cargo de Técnico Judiciário – Área Administrativo – Especialidade: Agente da Polícia Judicial .

Segundo o edital, os candidatos serão avaliados por meio dos seguintes testes:

  • flexão de braço na barra fixa (para os candidatos do sexo masculino) ou de barra estática (candidatas do sexo feminino);
  • flexão abdominal;
  • corrida de 12 minutos.

Avaliação de Títulos

De caráter apenas classificatório, a Avaliação de Títulos será aplicada aos cargos de Analista Judiciário. A etapa valerá até 10,00 pontos, ainda que a soma dos valores dos títulos enviados seja superior a esse valor.

Somente serão aceitos os títulos abaixo relacionados, expedidos até a data de envio, observados os limites de pontos do quadro a seguir:

Tabela de pontuação de Títulos.
Tabela de pontuação de Títulos

Último concurso TRE MS

Realizado em 2012, o último concurso TRE MS contou com 12.631 inscrições para disputa de 15 vagas e formação de cadastro de reserva para cargos de Analista e Técnico. A organização do certame ficou por conta da Cespe/Cebraspe. A distribuição das vagas e cargos ofertados foram:

  • Analista Judiciário – Área Judiciária: 1+CR
  • Analista Judiciário – Área Análise de Sistemas: 1+CR
  • Analista Judiciário – Área Administrativa: 2+CR
  • Técnico Judiciário – Área de Contabilidade: 1+CR
  • Técnico Judiciário – Área Administrativa: 9+CR
  • Técnico Judiciário – Área Programação de Sistemas: 1+CR

Para os cargos de Analista, a taxa de inscrição cobrada foi fixada no valor de R$ 75,00 e para Técnico de R$ 55,00.

Etapas do concurso TRE MS

A seleção do concurso TRE MS contou com duas fases, realizadas na cidade de Campo Grande/MS. Foram elas:

  • Prova Objetiva – para todos os cargos
  • Prova Discursiva – somente para o cargo de Analista Judiciário – áreas Judiciária e Administrativa

As provas objetivas para todos os cargos (exceto para Analista das áreas Judiciária e Administrativa) tiveram duração de 3 horas e foram aplicadas no turno da manhã.

As provas objetivas e discursivas para o cargo de Analista das áreas Judiciária e Administrativa foram aplicadas no turno da tarde, com duração de 4 horas.

Provas do concurso TRE MS

A Prova Objetiva foi composta por questões de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório, valendo 70 pontos. Os candidatos foram cobrados por Conhecimentos Básicos (30) e Específicos (40).

A Prova Discursiva, cobrada apenas aos candidatos das áreas Judiciária e Administrativa do cargo de Analista, consistiu na elaboração de texto, de no máximo 30 linhas, valendo 10 pontos.

Foi aprovado nas provas objetivas o candidato que obtivesse:

  • a) nota superior a 18,00 pontos na prova objetiva de Conhecimentos Básicos
  • b) nota superior a 24,00 pontos na prova objetiva de Conhecimentos Específicos
  • c) nota superior a 42,00 pontos no conjunto das provas objetivas

Disciplinas cobradas

Conhecimentos Básicos para todos os cargos de Analista

  • Língua Portuguesa
  • Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais
  • Regimento Interno do TRE MS
  • Noções de Informática (exceto para a Área de Análise de Sistemas)
  • Noções de Direito Constitucional e Eleitoral (somente para Área de Análise de Sistemas)

Conhecimentos Básicos para todos os cargos de Técnico

  • Língua Portuguesa
  • Noções de Informática
  • Noções de Arquivologia (somente para Área Administrativa)
  • Noções de Direito Constitucional e Eleitoral (somente para Área de Contabilidade)

Conhecimentos Básicos para o cargo de Técnico da área de Programação de Sistemas

  • Língua Portuguesa
  • Raciocínio Lógico
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Eleitoral
  • Noções de Direito Administrativo
  • Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais
  • Regimento Interno do TRE MS

Conhecimentos Específicos

  • Analista Judiciário – Área Judiciária
    • Direito Administrativo
    • Direito Civil
    • Direito Processual Civil
    • Direito Penal
    • Direito Processual Penal
    • Direito Constitucional
    • Direito Eleitoral
    • Noções de Administração Pública
  • Analista Judiciário – Área Administrativa
    • Noções de Direito Constitucional e Direito Eleitoral
    • Direito Administrativo
    • Noções de Administração Geral e Pública
    • Administração Financeira e Orçamentária
    • Lei das Licitações
    • Noções de Direito Civil
    • Noções de Direito Processual Civil
    • Noções de Direito Penal
    • Noções de Direito Processual Penal
  • Analista Judiciário – Área Análise de Sistemas
    • Suporte Técnico
    • Desenvolvimento de Sistemas
    • Banco de Dados
    • Segurança da Informação
    • Raciocínio Lógico
  • Técnico Judiciário – Área Administrativa
    • Noções de Direito Constitucional
    • Noções de Direito Eleitoral
    • Noções de Direito Administrativo
    • Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais
    • Regimento Interno do TRE MS
  • Técnico Judiciário – Área de Contabilidade
    • Noções de Contabilidade
    • Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais
    • Regimento Interno do TRE MS
  • Técnico Judiciário – Área Programação de Sistemas
    • Programação de Sistemas

Concurso TRE MS: Nota de corte

CARGONOTA DE CORTE
Analista Judiciário – Judiciária 6.33
Analista Judiciário – Análise de Sistemas6.35
Analista Judiciário – Administrativa 6.65
Técnico Judiciário – Contabilidade 6.44
Técnico Judiciário – Administrativa 6.27
Técnico Judiciário – Programação de Sistemas 6.44


Concorrência do concurso

Com 12.631 candidatos, o concurso TRE MS de 2012 disponibilizou apenas dois cargos com um número maior de vagas, sendo de Técnico Judiciário da área Administrativa, com 9 vagas e Analista Judiciário da área Administrativa, com 2 vagas.

O primeiro teve 9.616 inscritos, levando a uma média de 1.068 candidatos por vaga. Já para o segundo, foram 557 inscrições e uma média de 278 concorrentes por vaga.

Mesmo com apenas uma vaga disponível, os demais cargos também receberam um bom número de inscrições, conforma abaixo:

  • Analista Judiciário da área Judiciária – 1.560
  • Analista Judiciário da área de Análise de Sistemas – 295
  • Técnico Judiciário da área de Contabilidade – 404
  • Técnico Judiciário da área de Programação de Sistemas – 199

Convocações e nomeações

O concurso TRE MS convocou candidatos além das vagas previstas inicialmente no edital, porém, alguns convocados não tomaram posse ou desistiram. Os cargos que ultrapassaram as previsões e tiveram o maior número de nomeações foram:

CARGOSVAGAS PREVISTASCANDIDATOS EMPOSSADOS
Analista – Judiciária111
Analista – Administartiva23
Técnico – Administartiva939
Técnico – Programação de Sistemas12

Quer saber tudo sobre concursos previstos?
Confira nossos artigos!

Quer estudar para Concurso TRE MS?

Prepare-se com o melhor material e com quem mais aprova em Concursos Públicos em todo o país.

Assinatura Concursos

Assinatura de 1 ano ou 2 anos

Informações do último concurso TRE MS 

Vagas: 7+CR
Cargos: Analista e Técnico
Banca: Cebraspe
Escolaridade: Nível Superior
Edital: TSE Unificado 2024

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja os comentários
  • Excelente as informações prestadas. De grande valia. Obrigado e parabéns!
    Rafael Cintra em 25/06/19 às 13:30
  • Hora de acelerar isso e cair pra dentro!
    GUILHERME PIMENTEL PEREIRA em 28/05/19 às 21:36