Executivo (Administrativa)

Concurso MPO: liberado espelho da discursiva!

Acesse agora o Grupo de Estudos do MPO

As provas discursivas do concurso MPO (Ministério do Planejamento e Orçamento) foram oficialmente aplicadas, após adiamento em decorrência das fortes chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul.

Com isso, o espelho da discursiva foi liberado pelo Cebraspe, banca organizadora do concurso, que oferta 100 vagas imediatas. Veja:

Dessa forma, está aberto o prazo para a interposição de recursos, que poderá ser realizado até o dia 10 e 11 de julho.

No total, 12.763 candidatos se inscreveram para participar da seleção, sendo que a especialidade mais buscada foi a Geral, com 9.193 inscrições.

Importante ressaltar que os aprovados no certame terão ganhos pra lá de atrativo, com valores iniciais de R$ 20.924,80, além, claro, dos benefícios que só a carreira pública oferece.

  • Ministério do Planejamento e Orçamento – Analista de Planejamento e Orçamento
  • Status: espelho das provas discursivas divulgado
  • Banca: Cebraspe
  • Vagas: 100
  • Salário inicial: R$ 20.924,80
  • Edital retificado: MPO (APO)-2024

Além deste, outro certame, vinculado ao Concurso Nacional Unificado, também teve suas inscrições encerradas. São 60 vagas para diferentes cargos de nível superior de formação. São eles:

  • Analista Técnico-Administrativo (R$ 5.488,70): 45 vagas; e
  • Economista (R$ 6.804,55): 15 vagas.

Sob organização da Fundação Cesgranrio, todo o procedimento de inscrição pôde ser realizado até o dia 09 de fevereiro, no site do Gov.br. As provas serão aplicadas no dia 18 de agosto.

  • Ministério do Planejamento e Orçamento
  • Status: provas em 18/08
  • Banca: Fundação Cesgranrio
  • Vagas: 60
  • Salário inicial: R$ 5.488,70 a R$ 6.804,55
  • Editais retificados: Bloco 6 (Economista) | Bloco 7 (Analista)

A fim de te deixar sempre bem informado, elaboramos este artigo com as principais informações e novidades sobre o concurso MPO. Acompanhe os tópicos abaixo e não perca nenhum detalhe:

Concurso MPO (APO): cargos, vagas e salário

CargosVagasSalários
Analista de Planejamento e Orçamento (APO)100R$ 20.924,80
Vagas e salários ofertados para APO
Distribuição das vagas do concurso MPO (APO)

Concurso MPO (APO): etapas e provas

A seleção dos candidatos inscritos no concurso MPO para APO se dá mediante aplicação das seguintes etapas:

  • Primeira Etapa, de responsabilidade do Cebraspe:
    • Provas objetivas e discursivas, de caráter eliminatório e classificatório; e
    • Avaliação de Títulos, de caráter classificatório.
  • Segunda Etapa, de responsabilidade do MPO:
    • Curso de formação, de caráter eliminatório e classificatório.

Prova Objetiva

A prova objetiva foi aplicada em 28 de abril, no turno da manhã. Com duração de 3 horas, a avaliação conteve 200 questões do tipo CERTO ou ERRADO, assim distribuídas:

Foi reprovado nas provas objetivas e eliminado do concurso público o candidato que se enquadrasse em pelo menos um dos itens a seguir:

  • obtiver nota inferior a 20,00 pontos na prova objetiva de conhecimentos básicos P1 ;
  • obtiver nota inferior a 40,00 pontos na prova objetiva de conhecimentos específicos P2 ; e
  • obtiver nota inferior a 90,00 pontos no conjunto das provas objetivas.

Prova Discursiva

A prova discursiva P3 teve a duração de 3 horas e foi aplicada na data provável de 7 de julho, no turno da manhã e de tarde para a P4.

  • prova discursiva P3: um parecer a respeito de planejamento e orçamento público, constante do subitem 16.2.3 deste edital, comum a todas as especialidades, a ser respondido em até 60 linhas, com valor de 70,00 pontos; e uma questão a respeito de realidade brasileira, comum a todas as especialidades, a ser respondida em até 30 linhas, com valor de 30,00; e
  • prova discursiva P4: uma dissertação, a ser respondida em até 60 linhas, com valor de 70,00 pontos, e uma questão, a ser respondida em até 30 linhas, com valor de 30,00 pontos acerca de temas relacionados aos conhecimentos específicos para cada cargo/especialidade.

Avaliação de Títulos

De acordo com o edital MPO (APO), somente serão aceitos os títulos abaixo relacionados, expedidos até a data de envio, observados os limites de pontos do quadro a seguir.

Quadro de títulos

Curso de Formação

O curso de formação terá a carga horária mínima de 360 horas e será realizado pela Fundação Escola Nacional de Administração Pública (Enap), em Brasília/DF, em período a ser divulgado em edital de
convocação.

O candidato regularmente matriculado fará jus, a título de auxílio financeiro, a 50% da remuneração da classe/padrão inicial do cargo e, no caso de ser servidor da Administração Pública Federal, ser-lhe-á facultado optar pela percepção do vencimento e das vantagens de seu cargo efetivo.

A nota final no concurso será o somatório da nota final obtida na primeira etapa do concurso e da nota final obtida no curso de formação.


Concurso MPO no CNU: principais datas

  • Período de inscrições: 19 de janeiro a 09 de fevereiro
  • Isenção da taxa: 19 a 26 de janeiro
  • Provas: 18 de agosto

Cargos e vagas do concurso MPO

CargoVagasSalário
Analista Técnico-Administrativo45R$ 5.488,70
Economista15R$ 6.804,55
Vagas e salários ofertados em edital

Etapas e provas do concurso MPO

Os candidatos do concurso MPO serão avaliados mediante aplicação das seguintes etapas abaixo:

  • 1ª etapa, dividida nas seguintes fases:
    • 1ª fase: provas objetivas e dissertativas, de caráter classificatório e eliminatório;
    • 2ª fase: perícia médica (avaliação biopsicossocial) dos candidatos que se declararem com deficiência, de caráter unicamente eliminatório;
    • 3ª fase: procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros, de caráter unicamente eliminatório.
  • 2ª etapa: destinada a avaliação de títulos, de caráter classificatório.

Prova objetiva

A prova objetiva será constituída de 70 questões de múltipla escolha, sendo 20 de conhecimentos gerais e 50 de conhecimentos específicos.

Quadro de provas – Analista-Técnico Administrativo
Quadro de provas – Economista

Será eliminado o candidato que: obtiver aproveitamento inferior a 40% da pontuação nas provas objetivas de Conhecimentos gerais (P1) e de Conhecimentos Específicos (P2), ou obtiver nota zero na Prova discursiva.

Prova discursiva

Será considerado habilitado para a Prova discursiva o candidato que estiver classificado nas Provas objetivas, considerando-se a soma das notas ponderadas das provas objetivas de Conhecimentos Gerais (P1) e de Conhecimentos Específicos (P2), no órgão/cargo/especialidade para o qual se inscreveu, nas primeiras posições, obedecendo-se ao quantitativo previsto no ANEXO I – QUADROS DE ÓRGÃOS/ CARGOS/ ESPECIALIDADE, VAGAS do edital.

Será eliminado o candidato que:
a) obtiver nota zero na Prova discursiva;
b) elaborar uma resposta que for assinada e/ou apresentar qualquer sinal que, de alguma forma, possibilite a sua identificação.

Prova de títulos

A Prova de Títulos, de caráter classificatório, consistirá, conforme os QUADROS DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA A AVALIAÇÃO DE TÍTULOS (Anexo VI), na titulação acadêmica e/ou na experiência profissional do candidato e/ou na produção acadêmica/técnica/cultural, limitada à pontuação máxima de 10,0 pontos.

Quadro de títulos – Economista

Concurso MPO: carreira de APO

Remuneração

Conforme a Tabela de Remuneração do Servidores Federais, é possível notar que os servidores da carreira de Analista recebem salários iniciais de R$ 5.488,70.

No entanto, a carreira possibilita que os aprovados possam chegar a R$ 9.728,38 no final da carreira. As jornadas de trabalho são de 40 horas semanais. Confira abaixo:

  • Economista: R$ 6.804,55.

Requisitos

Analista Técnico-Administrativo: Certificado de conclusão ou diploma, devidamente registrado em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

Economista: Diploma devidamente registrado de conclusão de curso de graduação de nível superior em economia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação.

Atribuições

Analista Técnico-Administrativo: Atribuições voltadas a planejamento, supervisão, coordenação, controle, acompanhamento e à execução de atividades de atendimento ao cidadão e de atividades técnicas e especializadas, de nível superior, necessárias ao exercício das competências constitucionais e legais a cargo dos órgãos e entidades da administração pública federal, bem como à implementação de políticas e à realização de estudos e pesquisas na sua área de atuação, ressalvadas as atividades privativas de Carreiras específicas, fazendo uso de todos os equipamentos e recursos disponíveis para a consecução dessas atividades.

Economista: Desenvolver atividades de planejamento, supervisão, coordenação ou execução em grau maior de complexidade; elaboração de projetos relativos a pesquisas e análises econômicas nacionais e internacionais a respeito de comércio, indústria, finanças, abastecimento, estruturas patrimoniais e investimentos nacionais ou estrangeiros, bem como desenvolver atividades correlatas ao cargo.

Local do exercício

  • Analista Técnico-Administrativo: Brasília/DF;
  • Economista: Brasília/DF.

Sobre o MPO

O Ministério do Planejamento e Orçamento, antigo Ministério do Planejamento, foi extinto durante o governo de Jair Bolsonaro e reaberto pelo atual presidente, Luís Inácio Lula da Silva.

O órgão foi um dos englobados para a criação, juntamente com outros ministérios, do Ministério da Economia.

São atribuições gerais do Ministério do Planejamento e Orçamento:

  • Elaboração de subsídios para o planejamento e a formulação de políticas públicas de longo prazo destinadas ao desenvolvimento nacional;
  • Avaliação dos impactos socioeconômicos das políticas e dos programas do governo federal e elaboração de estudos especiais para a reformulação de políticas;
  • Elaboração de estudos e pesquisas para acompanhamento da conjuntura socioeconômica e gestão dos sistemas cartográficos e estatísticos nacionais;
  • Elaboração, acompanhamento e avaliação do plano plurianual de investimentos e dos orçamentos anuais;
  • Viabilização de novas fontes de recursos para os planos de governo; e
  • Formulação de diretrizes, acompanhamento e avaliação de financiamentos externos de projetos públicos com organismos multilaterais e agências governamentais.

Concurso MPO: carreira de APO

Remuneração

Foi sancionado o reajuste salarial de 9% dos servidores do executivo federal. Com isso, as remunerações da carreira de APO passaram a ser as seguintes com valor inicial de R$ 20.924,80:

Requisitos

Para ingressar no cargo de Analista de Planejamento e Orçamento é necessário possuir curso superior concluído em nível de graduação.

Atribuições do cargo de APO

  • Atividades de nível superior, de complexidade e responsabilidade elevadas, compreendendo direção superior da administração orçamentária e planejamento público, assessoramento especializado, inclusive na área internacional, orientação e supervisão de auxiliares, abrangendo estudo, pesquisa, análise e interpretação da legislação econômico-fiscal, orçamentária, de planejamento, de pessoal e encargos sociais, com vistas à adequação da política de planejamento e orçamento ao desenvolvimento econômico;
  • Supervisão, coordenação e execução dos trabalhos referentes à elaboração, acompanhamento e revisão dos instrumentos legais de planejamento e orçamento (PPA, LDO e LOA);
  • Desenvolvimento dos trabalhos de articulação entre o planejamento e os orçamentos governamentais, modernização e informatização dos sistemas de planejamento e orçamento da União.

Quer estudar para o concurso MPO?

Assinatura Concursos

Assinatura de 1 ano ou 2 anos

Quer saber tudo sobre concursos previstos?
Confira nossos artigos!

Informações do concurso MPO – CNU

  • Prova: 18/08/2024
  • Vagas: 60
  • Cargos: Analista Técnico-Administrativo e Economista
  • Banca: Fundação Cesgranrio
  • Escolaridade: Nível superior
  • Editais retificados: Bloco 6 (Economista) | Bloco 7 (Analista)

Informações do concurso MPO – APO

  • Prova: 28/04 e 07/07/2024
  • Vagas: 100
  • Cargos: Analista de Planejamento e Orçamento
  • Banca: Cebraspe
  • Escolaridade: Nível superior
  • Edital retificado: MPO (APO)-2024
Coordenação

Posts recentes

Concursos Abertos de Prefeituras: mais de 90 editais!

Estamos em ano de eleições municipais, o que contribui ainda mais para a publicação de…

32 minutos atrás

Concurso Feliz Natal MT: inscrições prorrogadas para 138 vagas

Foram prorrogadas as inscrições para o edital de concurso público da Prefeitura de Feliz Natal,…

43 minutos atrás

Concurso Polícia Penal CE retifica critérios de aprovação. Veja!

Atenção, candidatos! Foi divulgada nesta quinta-feira, 18 de julho, uma nova e importante retificação do…

51 minutos atrás

Atribuições e vedações ao agente público em licitações

Atribuições e vedações ao agente público em licitações

58 minutos atrás

Concurso SAAE Aparecida: inscrições encerradas; até R$ 5 mil

Está na praça um novo edital de concurso público para o Serviço Autônomo de Água,…

2 horas atrás

Concurso Prefeitura de Soledade PB tem gabaritos divulgados

Foram divulgados os gabaritos das provas do concurso público para a Prefeitura de Soledade, na…

2 horas atrás