Concurseiros que já estudam há algum tempo, como se planejar e reformular seus estudos?
Concursos Públicos

Concurseiros que já estudam há algum tempo, como se planejar e reformular seus estudos?

Olá, concurseiro! Como vai?

Após finalizar a Trilha Estratégica 21 da Área Legislativa e confeccionar uma breve análise de rendimento do simulado geral, tive um insight: por que não compartilhar esta análise para além da Trilha?

Sempre que você terminar uma determinada matéria, é importante que você avalie seu desempenho. E o simulado geral é importante para que você vivencie a experiência de um dia de prova. A preparação para um concurso público é teórica, física e mental.

A preparação teórica se refere a como estudar o conteúdo de cada uma das disciplinas. Após ter resolvido o simulado, o primeiro passo é olhar a resolução das questões que você errou. Se você olhou a resolução da questão e houve o entendimento, siga em frente para a resolução da próxima questão. Caso você não tenha entendido ou não lembre mais da teoria, volte no conteúdo teórico antes de partir para a próxima questão errada.
O segundo passo é saber o rendimento em cada uma das matérias, para que você saiba qual metodologia a ser utilizada. Caso você esteja sendo acompanhado por um coach, leve o seu rendimento a ele, para que haja, se necessário, alteração na metodologia. Se você não tem um coach, o que eu sugiro, após a coleta dos rendimentos das disciplinas, é o seguinte:

– Rendimento de 0 até 50%: Reveja o conteúdo teórico das aulas que você estudou. O estudo, como você já deve ter escutado, é por camadas. Assim, é importante que você aprofunde o conteúdo teórico, para que você aumente o rendimento. Aqui, faço uma observação: como você já viu o conteúdo anteriormente, aumente a quantidade de páginas por hora estudadas, sem perder a qualidade no estudo da matéria. Outra observação em relação a este nível de rendimento é a seguinte: você pode ter passado despercebido por alguns tópicos que na hora não os julgou importantes. Se a dificuldade persistir, sugiro uma sequência de ação: primeiro, complementar com os vídeos da aula. Posteriormente, caso não sinta a eficácia da linha de ação anterior, é a mudança do material teórico.

– Rendimento de 50 até 80%: Neste nível de rendimento, sugiro que você estude a teoria apenas dos conteúdos nos quais encontrou bastante dificuldade ou que caíram no simulado e você não havia estudado. O restante, você deverá conjugar a leitura do seu resumo com resoluções de questões.

– Rendimento de acima de 80%: Neste estágio, é válida a leitura do resumo conjugada resolução de questões. Adquira o hábito de cronometrar em quanto tempo você está fazendo um determinado bloco de exercícios. É importante que você adquira rapidez de raciocínio no seu preparo para a prova.

Vamos falar agora da preparação física. Isso mesmo, você ficar sentado bastante tempo, durante cinco, seis horas ou até dois turnos de prova (manhã e tarde), requer que você se acostume com esse tipo de situação. Para isso, vale uma frase que eu escutava na época em que vivia no ambiente militar: a repetição até a exaustão leva a perfeição. Somente o treino, através de simulados, sem interrupção, cronometrando o tempo de prova, repetidamente, levará com que você melhore a sua performance.

Por último, a preparação mental. Manter-se focado para que não caia em pegadinhas, para que não fique tão nervoso e consiga ter o desempenho habitual ou, simplesmente, para que não perca a concentração. Bom, neste sentido, vale o que foi dito na preparação física: simular o dia da prova rotineiramente. Isso fará com que você se sinta mais seguro e habituado ao dia da prova. Além disso, caso você seja uma pessoa que se distraia bastante, sugiro que exercite a meditação que, comprovadamente, é benéfica no aumento da concentração.
Espero que tenha ajudado nos seus estudos!

Igor Lima

@coach_igor_lima

Posts Relacionados

Igor Lima de Freitas

Igor Lima de Freitas

Aprovado no Concurso de Analista Legislativo da Câmara Municipal do Rio de Janeiro - 10° lugar no concurso de 2015. Aprovado no Concurso do Colégio Naval - 12º lugar no concurso de 2003. Desde 2016 trabalhando com a preparação de alunos para os principais concursos do país (alunos aprovados no TRE RJ, TRE SP, TJ MG, CRO SC e CRO PR). Formação pela Companhia Brasileira de Coaching.  Graduado em Ciências Navais pela Escola Naval.

Veja os comentários:

Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados