Educação

Concurso SEMED Nova Iguaçu: veja os recursos contra o gabarito

Após a aplicação das provas do concurso SEMED Nova Iguaçu no último domingo (28), foram divulgados os gabaritos provisórios da etapa.

Com isso, o Instituto Consuplan divulgou os gabaritos provisórios da prova objetiva. Os recursos do concurso SEMED Nova Iguaçu poderão ser interpostos nos dias 30 de abril e 1º de maio.

O Estratégia Concursos esteve presente durante todos os momentos da sua preparação, inclusive, realizou o evento “Gabarito Extraoficial – SEMED Nova Iguaçu – Agente Administrativo III“.

Mesmo após a aplicação das provas, continuamos juntos com nossos alunos. Por isso, nosso time de professores elaborou a sugestão de recursos para te ajudar em mais uma etapa.

Concurso SEMED Nova Iguaçu: sugestão de recursos

PORTUGUÊS

QUESTÃO 5

GABARITO PRELIMINAR DA BANCA: LETRA B

GABARITO PRETENDIDO: LETRA A

FUNDAMENTAÇÃO:

A questão pede a transcrição do texto em que o acento da crase tenha sido empregado por se tratar de uma expressão adverbial. As expressões adverbiais apresentam o mesmo funcionamento da classe dos advérbios, podendo modificar verbos, adjetivos ou outros advérbios.

Seguindo esse entendimento, “à venda” (letra B) não pode ser considerada uma expressão adverbial, pois se liga ao substantivo “corola”, portanto é uma locução adjetiva.

A única possibilidade de resposta seria “à última hora” (letra A), pois está ligada ao verbo “enfeitada”, expressando circunstância de tempo.

Com base nisso, solicita-se a mudança de gabarito.

QUESTÃO 6

GABARITO PRELIMINAR DA BANCA: LETRA B

GABARITO PRETENDIDO: LETRA A

FUNDAMENTAÇÃO:

A banca considerou a letra C como em desacordo com o texto, mas o texto traz o olhar sensível da senhora sobre a beleza da planta trepadeira; um olhar poético sobre o lençol de flores formado. Ao mesmo tempo, a barbaridade se apresenta no texto com a possibilidade de desmoronamento da casa pela decisão da dona de manter a planta, ainda que essa traga uma insegurança estrutural à construção. Logo, essa alternativa encontra amparo no texto e está de acordo com esse.

O gabarito mais adequado seria a letra A, pois o texto não expõe essa indisposição em relação à cidade não saber apreciar a trepadeira. O texto não dá base para isso, caracterizando uma extrapolação textual. Logo, essa é a única alternativa em desacordo com o texto,

Com base nisso, solicita-se a mudança de gabarito.

QUESTÃO 9

GABARITO PRELIMINAR DA BANCA: LETRA B

GABARITO PRETENDIDO: ANULAÇÃO

A questão pede uma citação em que se evidencia uma opinião do articulista do texto. Essa expressão nem seria a mais adequada, já que articulista é a “voz” (o autor) que fala em um artigo de opinião.

Considerando, aqui, o articulista como a voz que fala na narrativa, nenhuma das alternativas traz uma citação do articulista.

Com exceção do discurso transcrito na alternativa D, as outras alternativas trazem citações da senhora, dona da casa, inclusive a B, apontada como gabarito pela banca. A alternativa D traz um discurso que também não é do articulista do texto, e sim do mestre de obras.

Portanto, essa é uma questão sem um gabarito possível. Com base nisso, solicita-se a anulação da questão.

QUESTÃO 13

A prezada banca considerou a opção (C) como gabarito oficial. 

Sem qualquer desprestígio a esta douta banca examinadora e com a devida vênia, percebe-se que a questão mostra-se equivocada pelos seguintes argumentos:

CASO 1: Colocando-se duas pessoas na sala A, uma na sala B e uma sala C, teremos:

C(4,2) x C(2,1) x C(1,1) = 6 x 2 x 1 = 12

Onde C(n,p) é a combinação de n elementos tomados p a p.

CASO 2: Colocando-se duas pessoas na sala B, uma na sala A e uma sala C, teremos:

C(4,1) x C(3,2) x C(1,1) = 4 x 3 x 1 = 12

Onde C(n,p) é a combinação de n elementos tomados p a p.

CASO 3: Colocando-se duas pessoas na sala C, uma na sala A e uma sala B, teremos:

C(4,1) x C(3,1) x C(2,2) = 4 x 3 x 1 = 12

Onde C(n,p) é a combinação de n elementos tomados p a p.

Somando-se os resultados, temos 12 + 12 + 12 = 36.

Diante do exposto, solicita-se a troca de gabarito para a opção B.

QUESTÃO 15

A prezada banca considerou a opção (A) como gabarito oficial. 

Sem qualquer desprestígio a esta douta banca examinadora e com a devida vênia, percebe-se que a questão mostra-se equivocada pelos seguintes argumentos:

Resolvendo o problema, chegamos a conclusão que Raphael irá conseguir um carro do mesmo ano vigente no seu aniversário no ano de 2018 aos 26 anos de idade.  O gabarito oficial indica a idade de Raphael, porém, a pergunta do problema foi em que ano isso aconteceu, ou seja, o gabarito oficial deveria ser 2018 e, não, 26 anos.

Diante do exposto, solicita-se a anulação da questão.

QUESTÃO 37

Gabarito preliminar (provavelmente a banca entendeu ser B).

Questão deveria ser anulada.

Primeira abordagem – correta, porém sem informações suficientes.

A questão mistura financiamento de novos equipamentos com análise de investimentos, o que é possível, desde que tenhamos informação sobre os benefícios financeiros dos novos equipamentos.

Normalmente quando tratamos da compra, financiada ou à vista, de um novo equipamento, ele tem um custo (valor presente do investimento) e um fluxo de benefícios incrementais (ganhos trazidos exclusivamente pela introdução da máquina).

Não é possível usar essa abordagem, que é a abordagem correta, pois o enunciado trata apenas de gastos, sem nenhum benefício financeiro pela aquisição e implementação da máquina.

Segunda abordagem – possível, porém sem lógica nas opções oferecidas.

A banca pode ter considerado que o valor presente dos benefícios da máquina seja R$ 1.200,00, que seria seu valor atual.

Nesse caso teríamos que saber o valor presente dos fluxos de PAGAMENTOS ANUAIS futuros pela máquina:

???????? = 400/(1 + 2%) + 400/(1 + 2%)² + 400/(1 + 2%)³ = 1.153,55

Aqui temos o problema. Esse é um fluxo de INVESTIMENTO, é um fluxo de SAÍDA de caixa, portanto ele precisa entrar com o sinal negativo no ano zero (para onde foi trazido a valor
presente).

Portanto, se o valor dos benefícios futuros for R$ 1.200, o VPL seria:

1.200 – 1.153,55 = + 46,45, positivo e não negativo.

E é fácil entender que isso é bom para a empresa, pois se o item vale 1.200 e pagamos em 3 vezes “sem juros”, obviamente economizamos em valor presente R$ 46,45.

Por essa lógica, o investimento deveria ser feito, pois compramos uma máquina de 1.200 reais por 1.153,55. A lógica do item B estaria invertida.

Outra forma de ver essa vantagem. Em vez de gastarmos hoje 1.200 para comprar a máquina, poderíamos pegar o valor presente dos fluxos (sem arredondamento = 1.153,5533) e aplicar à taxa de 2%. Vejamos:
Ano 1
Teremos 1.153,5533 x 1,02 = 1.176,6244
Pagamos a primeira parcela de 400 reais e sobrariam = 776,6244
Ano 2
Teremos 776,6244 x 1,02 = 792,1569
Pagamos a segunda parcela de 400 reais e sobrariam = 392,1569
Ano 3
Teremos 392,1569 x 1,02 = 400

Pagamos a terceira parcela de 400 reais e quitaríamos a obrigação.

Mostra claramente que temos um benefício e 46,45.

A lógica da banca estaria correta se estivéssemos falando de um investimento de 1.200 hoje que geraria três RECEBIMENTOS de 400 ao longo dos três próximos anos, aí, de fato, o 1.200 seria
negativo e o fluxo futuro trazido a valor presente seria positivo. O que nos daria uma perda de 46,45.

Mas esse exercício é de viabilidade de compra de equipamento, e no caso ele seria pago a prazo, em 3 parcelas, representando saídas de caixa e não entradas.

Sobre as outras opções.

As opções A e C não são possíveis, pois as conclusões são conflitantes (item A não apresentaria atratividade econômica, mas deveria ser realizado o investimento, e o item C apresentaria atratividade econômica, mas não deveria ser realizado o investimento).

A opção D não teria nenhuma possibilidade de cálculo que daria 1.248 de valor presente líquido com juros compostos. Valor presente líquido é “hoje”.

Entendo que a questão deveria ser anulada.

Saiba mais: concurso SEMED Nova Iguaçu

Quer saber tudo sobre concursos previstos?
Confira nossos artigos!

Quer estudar para o concurso SEMED Nova Iguaçu?
Confira nossos cursos a seguir!

Prepare-se com o melhor material e com quem mais aprova em Concursos Públicos em todo o país.

Assinatura Concursos

Assinatura de 1 ano ou 2 anos

Thiago Cavalcante Gomes

Posts recentes

Informativo STJ 817 Comentado

Mais um passo em nossa caminhada... Informativos nº 817 do STJ COMENTADO entra na parada. Simbora!DOWNLOAD…

4 horas atrás

Gabarito extraoficial TJ MA: Oficial de Justiça

As provas objetivas do concurso do concurso TJ MA foram aplicadas neste domingo (14/07) e aqui você…

6 horas atrás

Instrumentos da Política Nacional de Fronteiras

Instrumentos da Política Nacional de Fronteiras

7 horas atrás

Concurso Guarda de Rio Verde GO: gabarito divulgado

Foi divulgado o gabarito das provas do concurso Guarda de Rio Verde, no estado de…

8 horas atrás

Gabarito extraoficial TRF 2: analista sem especialidade

As provas objetivas do concurso do concurso TRF 2 foram aplicadas neste domingo (14/07) e aqui você…

9 horas atrás

Orientações para Elaboração de Recursos de Provas Discursivas.

Veja uma série de dicas para elaboração de recursos de provas discursivas e aumente sua…

13 horas atrás