Como estudar para concursos de Serviço Social? As referências bibliográficas mais usadas em provas de concurso.
Concursos Públicos

Como estudar para concursos de Serviço Social? As referências bibliográficas mais usadas em provas de concurso.

Quando estudamos legislação, temos a segurança de que tudo o que será cobrado está na letra da lei. A Banca Examinadora só pode formular questões de assuntos que estão expressamente dispostos nos artigos das legislações indicadas no conteúdo programático do Edital.

Mas e quando o assunto é teoria? E quando não há indicação de bibliografias no edital? Por onde começar? Quais autores de basear?

O conteúdo teórico do Serviço Social é extenso, envolve assuntos como: fundamentos históricos, teórico-metodológicos do Serviço Social, questão social, política social, dimensão técnico-operativa, dimensão investigativa, entre outros.

Com base nas questões de provas dos últimos anos, aplicadas ao cargo de assistente social, identifiquei um apanhado de livros, artigos e autores que mais são utilizados para a elaboração das assertivas. Algumas das referências encontram-se disponíveis na internet!

A seguir, disponibilizarei por assunto cada uma dessas indicações:

Fundamentos históricos, teórico-metodológicos do Serviço Social:

  • AGUIAR, A. G. Serviço Social e filosofia: das origens a Araxá. 5. ed. São Paulo: Cortez, 1995
  • IAMAMOTO, M. V e CARVALHO, R. Relações Sociais e Serviço Social no Brasil: esboço de uma interpretação histórico-metodológica. 13ª ed., São Paulo: Cortez, 2000.
  • MONTAÑO, C. A natureza do Serviço Social: um ensaio sobre sua gênese, a especificidade e a sua reprodução. São Paulo: Cortez, 2007.
  • MARTINELLI, M. L. Serviço social: identidade e alienação. São Paulo: Cortez, 1997.
  • CASTRO, M. M. História do Serviço Social na América Latina. 8ª edição, São Paulo: Cortez/CELATS, 2007.
  • NETTO, J. P. Ditadura e Serviço Social. São Paulo: Cortez, 1990.
  • _. Capitalismo monopolista e serviço social. São Paulo: Cortez, 2001.
  • _. O movimento de reconceituação –40 anos depois. In: Revista Serviço Social & Sociedade, nº 84, São Paulo: Cortez, 2005. Disponível em: http://www.unirio.br/cchs/ess/Members/rafaela.ribeiro/servico-social-i-2018.2/omovimento-de-reconceituacao-40-anos-depois-j-p-netto/view
  • Yazbek, M. C. Os fundamentos históricos e teórico-metodológicos do Serviço Social brasileiro na contemporaneidade. In: Serviço Social: direitos sociais e competências profissionais. Brasília: CFESS; ABEPSS; CEAD, 2009. Disponível em: http://cressrn.org.br/files/arquivos/ZxJ9du2bNS66joo4oU0y.pdf

Projeto ético-político:

Trabalho na contemporaneidade:

  • ANTUNES. R. Adeus ao trabalho? São Paulo: Cortez, 2000.
  • IAMAMOTO, M. V. O Serviço Social na contemporaneidade: trabalho e formação profissional. S. Paulo, Cortez, 1998.
  • ____. As dimensões Ético-Políticas e Teórico-Metodológicas no Serviço Social Contemporâneo. In: MOTA, Ana Elizabete et al. (orgs.). Serviço Social e saúde: formação e trabalho profissional. São Paulo: Cortez/ABEPSS, 2006. Disponível em: http://www.fnepas.org.br/pdf/servico_social_saude/texto2-2.pdf
  • RAICHELIS, R. O assistente social como trabalhador assalariado: desafios frente às violações de seus direitos. Serviço Social e Sociedade, São Paulo: Cortez, n. 107, 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/sssoc/n107/03.pdf

Questão Social:

Política Social:

  • BEHRING, E. R. & BOSCHETTI, I. Política social: fundamentos e história. São Paulo: Cortez, 2006.
  • PEREIRA, P. A. Política social: temas e questões. São Paulo, Cortez, 2008.
  • BEHRING, Elaine R. Brasil em contra reforma: desestruturação do Estado e perda de direitos. São Paulo: Cortez, 2005.
  • COUTO, Berenice R. O direito social e a assistência social na sociedade brasileira: uma equação possível? São Paulo: Cortez, 2004.
  • FALEIROS, V. P. A política social do estado capitalista. 8.ed. São Paulo: Cortez, 2000.
  • NETTO, José Paulo. Crise do socialismo e ofensiva neoliberal. (Coleção Questões de Nossa Época, vol. 20), 3ª edição, São Paulo: Cortez, 2001.
  • __. Estado, Regulação Social e Controle Democrático. In: BRAVO, Maria Inês Souza; PEREIRA, Potyara A. P. Política Social e Democracia. 2. ed. – São Paulo: Cortez; Rio de Janeiro: UERRJ, 2002.

Dimensão técnico-operativa:

Dimensão investigativa:

  • BAPTISTA, M. V. A investigação em serviço social. São Paulo: Veras Editora, 2006.
  • GUERRA, Y. A dimensão investigativa no exercício profissional. In: Serviço Social: direitos sociais e competências profissionais. Brasília: CFESS; ABEPSS; CEAD, 2009. Disponível em: http://www.cressrn.org.br/files/arquivos/C8pQHQOyl68c9Bc41x5Y.pdf

Pesquisa social:

  • MINAYO, Maria Cecília de Souza (org.). Pesquisa Social. Teoria, método e criatividade. Petrópolis, Vozes, 1994.
  • GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Editora Atlas, 1989.
  • ____. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2002.
  • SETUBAL, Aglair A. Pesquisa em Serviço Social: Utopia e Realidade. 3ª edição. São Paulo: Cortez, 2001.

Planejamento Social:

  • BAPTISTA, Myrian Veras. Planejamento Social: intencionalidade e instrumentação. São Paulo: Veras, 2002.

Assessoria e consultoria:

  • BRAVO, Maria Inês Souza; MATOS, Maurílio Castro. Assessoria, consultoria e Serviço Social. São Paulo: Cortez, 2010.
  • MATOS, Maurílio Castro. Assessoria, consultoria, auditoria e supervisão técnica. In: Serviço Social: direitos sociais e competências profissionais. Brasília: CFESS; ABEPSS; CEAD, 2009. Disponível em: http://www.cressrn.org.br/files/arquivos/ZK2736DP7w8MI96Qb63f.pdf

Avaliação de projetos sociais e de políticas sociais:

  • TEIXEIRA, Joaquina Barata. Formulação, administração e execução de políticas públicas. In: Serviço Social: direitos sociais e competências profissionais. Brasília: CFESS; ABEPSS; CEAD, 2009. Disponível em: http://cressrn.org.br/files/arquivos/5x595ziU0wuEf5yA63Zw.pdf
  • JANNUZZI, Paulo de Martino. Indicadores Sociais no Brasil. 2ª ed. Campinas: Alínea, 2003.
  • POCHMANN, Márcio & AMORIM, Ricardo (orgs). Atlas da exclusão social no Brasil. vol 1, São Paulo: Cortez, 2002.

O livro de Serviço Social mais utilizado em provas de concursos públicos:

Nilza Ciciliati

Nilza Ciciliati

Assistente social, servidora pública federal há 10 anos e professora de Serviço Social para concursos públicos. Graduada em Serviço Social pela UNIGRAN - MS, pós-graduada em Direito Previdenciário pela Faculdade Internacional Signorelli - RJ , pós-graduada em Políticas Públicas e Desenvolvimento Social pela PUC-PR. Atualmente exerce o cargo de Analista do Seguro Social com formação em Serviço Social no Instituto Nacional do Seguro Social - INSS.

Veja os comentários:

Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados