Notícia

Concurso TCE BA: FGV divulga resultado definitivo da Objetiva

Com avaliações aplicadas em dezembro do ano passado, os candidatos do concurso do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE BA) já podem conferir o resultado definitivo da prova objetiva. Veja logo abaixo:

Além disso, a FGV também divulgou as convocações para as etapas de entrevista de heteroidentificação (candidatos que se autodeclararam negros) e perícia médica (candidatos que concorrem às vagas destinadas as pessoas com deficiência).

O próximo passo, conforme o cronograma, será a divulgação do resultado preliminar da prova discursiva, prevista para o dia 12 de março.

Ademais, são 3.241 participantes que concorrem a 20 vagas para o cargo de Auditor Estadual de Controle Externo. A concorrência é de 162,05 candidatos por vaga.

Cabe destacar que o cargo exige formação de nível superior em áreas específicas e possui remuneração inicial de R$ 10.325,34, para jornadas de 30 horas semanais.

  • TCE BA – Tribunal de Contas da Bahia
  • Status: em andamento
  • Banca: FGV
  • Vagas: 20
  • Salário inicial: R$ 10.325,34 (30h)
  • Edital: Edital TBA 2023

O prazo de validade do concurso será de apenas 90 dias, contados da data da publicação da homologação do resultado final do concurso.

A fim de te deixar sempre bem informado, elaboramos neste artigo as principais informações e novidades sobre o concurso TCE BA. Acompanhe os tópicos abaixo e não perca nenhum detalhe:

Concurso TCE BA: distribuição das vagas

AmplaNegrosPcDTotal
13 vagas6 vagas1 vaga20 vagas
Quadro de distribuição das vagas

Concurso TCE BA: etapas

O concurso será realizado em duas etapas, conforme descrito a seguir:

  • Primeira Etapa: Provas Objetivas compostas por questões de Conhecimentos Básicos e Conhecimentos Específicos, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Segunda Etapa: Prova Discursiva, compostas por duas questões discursivas relativas aos conteúdos de Conhecimentos Específicos e especializados, de caráter eliminatório e classificatório.

Prova objetiva

A Prova Objetiva totalizou 80 pontos e foi composta por 80 questões de múltipla escolha. As questões foram numeradas sequencialmente, contendo cinco alternativas cada e apenas uma resposta correta.

Além disso, foram 25 questões de Conhecimentos Básicos e 55 questões de Conhecimentos Específicos, conforme abaixo:

Quadro de detalhes da Prova Objetiva do Concurso TCE BA

Foi considerado aprovado na prova objetiva o candidato que, cumulativamente:

  • acertasse, no mínimo, 28 questões de Conhecimentos Específicos; e
  • acertasse, no mínimo, 40 questões do total da Prova Objetiva.

Prova discursiva

A Prova Discursiva totalizou 30 pontos e foi constituída de duas questões dissertativas de Conhecimentos Específicos a serem respondidas em até 20 linhas cada, valendo 15 pontos cada questão.

Somente serão corrigidas as provas discursivas dos candidatos que forem aprovados e classificados na prova objetiva no quantitativo de até oito vezes o número de vagas, respeitados os empates na última posição.

Será considerado aprovado o candidato que obtiver nota igual ou superior a 15 pontos, numa escala de 0 a 30 pontos.

Como é a carreira no TCE BA?

Requisitos do cargo

É requisito de escolaridade para ingresso no cargo de Auditor Estadual de Controle Externo o diploma de conclusão de curso superior em Administração, Ciências Contábeis, Ciências da Computação e Informática, Direito, Economia, Engenharia, Arquitetura ou Estatística.

Remuneração e Benefícios

O cargo de Auditor Estadual de Controle Externo possui 18 níveis, sendo o nível inicial (Classe A, referência I) com remuneração de R$ 10.325,34:

Quadro remuneratório do cargo de Auditor Estadual de Controle Externo

O vencimento possui uma parcela fixa, relativa à remuneração básica, uma remuneração variável, denominada Parcela Variável pelo Exercício do Controle Externo, relativa ao desempenho anual do servidor (em média 67% da parcela fixa).

Os servidores podem perceber também, vantagens pecuniárias, tais como:

  • Adicional de tempo de serviço,
  • Estabilidade econômica,
  • Gratificação por condições especiais de trabalho,
  • Abono permanência e
  • Auxílio alimentação.

Atribuições do cargo de ACE

  • Realizar atividades auditoriais de nível superior,
  • Coordenação, supervisão e execução qualificada de serviços de auditoria,
  • Elaboração de estudos, pesquisas e informações de caráter transdisciplinar,
  • Emissão de pareceres e relatórios conjuntos nas áreas contábil, financeira, econômica, jurídica, operacional, administrativa, de obras, de informática e de planejamento.

Cargos vagos

Dados atualizados no portal da transparência do Tribunal indicam que existem 163 cargos vagos. Desses, 120 são do cargo de Auditor de Controle Externo:

Tabela de cargos vagos no TCE BA

Cursos para o concurso TCE BA

Concursos Públicos

Assinatura de 1 ano ou 2 anos

Quer saber tudo sobre concursos previstos?
Confira nossos artigos!

Informações do concurso TCE BA

♦Informações do concurso TCE BA

  • Data da prova: 10/12/2023
  • Banca: FGV
  • Vagas: 20
  • Cargo: Auditor Estadual de Controle Externo
  • Escolaridade: Nível superior
  • EditalTCE BA 2023

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja os comentários
  • Sou formada em Tecnóloga em Gestão Pública pela UFRB, isso basta para o cargo?
    Larissa em 18/06/20 às 10:10
  • Bom dia, estou num grande dilema: o edital anterior pedia qualquer formação superior para o cargo de auditor de controle externo do tce-ba. No entanto, algumas notícias trazem uma possível exigência de algumas graduações específicas. Eu sei que para auditor da sefaz, necessita dessas formações específicas, mas e para o tce? Comecei a estudar mas estou com muito medo de me frustrar, caso o edital saia com formações específicas e que estarão fora de minha área (química e física). O que vocês me aconselham? Acham que vale a pena eu me aprofundar no estudo desse concurso? Só não comprei o material ainda por causa dessa dúvida que tem me consumido!
    Manoel Machado em 21/06/18 às 11:09
  • Olá Caroline, como o edital ainda não saiu, nós nos baseamos nos parâmetros oferecidos pelo último edital( concurso de 2013). Pode ser que o novo edital ofereça essa possibilidade, assim que tivermos maiores informações atualizaremos a matéria. Fique atenta! Bons estudos ! Att, Equipe Estratégia Concursos
    Fernanda Brito em 17/02/18 às 10:24
  • Uma dúvida... A formação de cências contábeis não é permitida para o cargo de auditor de controle externo ??? Como assim ???
    Caroline em 16/02/18 às 08:26
  • Alguém sabe dizer quais disciplinas podem ser cobradas para o cargo de Auditor Estadual de Infraestrutura?
    Henrique em 30/01/17 às 21:05
  • Uma dúvida: ...formação superior exigida é em Ciências da Computação/Informática. Ele se refere a área de informática ou ao curso de informática? Minha graduação é em Analise e Desenvolvimento de Sistemas (tecnólogo), posso prestar esse concurso? Grato!
    Arivaldo Ribeiro em 10/01/17 às 11:10
  • "Ciências da Computação/ Informática", Sou formado em Gestão da Tecnologia da Informação, gostaria de saber se entra aí como "Informática", podem me ajudar???
    Sergio Cascais em 08/01/17 às 12:11
  • Corrijam a informação do título, pois se trata de concurso para TCM-BA (auditor controle externo) e TCE-BA (auditor de infraestrutura).
    Daniel Sampaio em 07/01/17 às 10:57
  • § 2º - Os cargos de provimento efetivo de Analista de Controle Externo, do Quadro de Pessoal Efetivo do Tribunal de Contas do Estado da Bahia, passam a ser denominados de Auditor Estadual de Controle Externo. § 5º - É requisito de escolaridade para ingresso no cargo de Auditor Estadual de Infraestrutura o diploma de conclusão de curso superior em Engenharia ou Arquitetura, conforme especificações no edital do concurso. Em 2013 foi para analista(agora auditor) e esse possível certame exigirá formação específica!
    Lucena em 07/01/17 às 08:54
  • Raildo... ninguém aqui disse que houve concurso em 2013 para Auditor, essa é uma informação que você está tomando por conta própria. Outra coisa, veja o que diz o Art. 5º, § 4º, da lei da estadual 13.192/14: É requisito de escolaridade para ingresso no cargo de Auditor Estadual de Controle Externo o diploma de conclusão de curso superior em Administração, Ciências Contábeis, Ciências da Computação e Informática, Direito, Economia, Engenharia, Arquitetura ou Estatística, conforme especificações no edital do concurso. Espero ter te ajudado!!
    Wagner em 06/01/17 às 15:41
  • Não encontrei nenhum concurso de 2013 para "Auditor".
    Raildo em 06/01/17 às 11:46
  • Raildo... O último concurso do TCE\BA foi para Analista e não para Auditor.
    Wagner em 06/01/17 às 11:44
  • Que estranho não ter ciências contábeis.
    Carlos Alberto em 06/01/17 às 10:32
  • O último concurso do TCE/BA foi em 2013 e exigiu qualquer formação superior, ou seja, qualquer curso de graduação foi aceito.
    raildo em 06/01/17 às 07:38
  • Formação em ciências contábeis é aceita?
    raildo em 06/01/17 às 07:36