ENTREVISTA: Tais de Souza Alves - Aprovada no XXVII exame da OAB

Entrevista:

ENTREVISTA: Tais de Souza Alves – Aprovada no XXVII exame da OAB

“Dediquem-se, estudem, abram mão de algumas coisas por um tempo e acima de tudo acreditem que são capazes de conquistar tudo aquilo que almejam. Apesar do Exame de Ordem ser difícil, ele não é impossível nem maior do que você, lembre-se que Deus jamais lhe daria um sonho que você não fosse capaz de realizar, por isso continue até conseguir”

Confira nossa entrevista com Taís de Souza Alves, aprovada no XXVII exame da OAB:

Estratégia Concursos: Conte-nos um pouco sobre você, para que nossos leitores possam te conhecer melhor. Qual o seu nome? Qual sua idade? De onde você é? Já concluiu sua graduação?

Taís de Souza Alves: Tais de Souza Alves, 24 anos, Cristalina/Goiás, Sim.

Estratégia: Durante seus estudos para o Exame de Ordem, você trabalhava, fazia faculdade e estudava para o Exame (como conciliava?), ou se dedicava inteiramente aos estudos?

Taís: Durante o exame estava trabalhando. Conciliava o trabalho com os estudos, entretanto, estudava mais no período noturno das 19:00 horas às 23:00 horas, todos os dias e nos finais de semana o dia todo geralmente.

Estratégia: Foi a primeira vez que prestou o Exame de Ordem?

Taís: Sim, foi a primeira vez que prestei o Exame de Ordem.

Estratégia: Qual foi sua sensação ao ver que havia sido aprovada?

Taís: Uma sensação de felicidade, alegria, gratidão e de dever cumprido.

Estratégia: Os seus colegas de faculdade e amigos que também estavam estudando também conseguiram aprovação? Qual você acha que foi seu diferencial para alcançar a aprovação?

Taís: Sim, inclusive meu namorado que estava estudando também, conseguiu a aprovação. Não diria diferencial, cada pessoa tem uma forma de dedicação e estudo, entretanto, acredito que estudar todos os dias, assistir todas as aulas, principalmente as da segunda fase, treinar todas as peças, resolver provas anteriores e abrir mão de muitas coisas, contribuíram de forma significativa para minha aprovação

Estratégia: Como era sua vida social durante a sua preparação? Você saía com amigos, família, etc? Ou adotou uma postura radical, abdicando do convívio social para passar o mais rápido possível?

Taís: A minha vida social praticamente não existia rsrsrs, quase não saía, diminuí muito o convívio com amigos e até mesmo com a minha família, passava horas trancada em um quarto. Perdi festas de família, feriados entre outras coisas ao longo desta preparação para o exame de ordem.

Estratégia: Que materiais você usou em sua preparação para o Exame? Aulas presenciais, tele presenciais, livros, cursos em PDF, videoaulas? Quais foram as principais vantagens e desvantagens de cada um?

Taís: Para a primeira fase estudei através de videoaulas online de um curso que minha amiga me cedeu, através de aulas online gratuitas oferecidas pelo Estratégia OAB, simulados e resolvia muitas questões. Já na segunda fase, resolvi adquirir o curso de direito tributário com o professor Rodrigo Martins, o que foi primordial para a minha aprovação, tendo em vista, a dinâmica de ensino ministrada pelo professor e o modelo de curso oferecido, que eram excelentes, com videoaulas, PDFs e além disso o treino incansável de peças e questões.

Estratégia: Como conheceu o Estratégia Concursos?

Taís: Conheci através do Instagram.

Estratégia: Uma das principais dificuldades de todo o candidato é a quantidade de assuntos que devem ser memorizados. Como você fez para estudar todo o conteúdo? Costumava fazer resumos? Focava mais em exercícios, ou na leitura e releitura da teoria? Como montou seu plano de estudos?

Taís: Na primeira fase não estudei todas as matérias, foquei apenas em algumas, aquelas que possuía mais afinidade e que tinham um peso maior na nota, costumava focar mais na resolução de exercícios. O meu plano de estudo era estudar no mínimo 3 horas por dia, e uma matéria a cada dia da semana, nos finais de semana geralmente fazia simulados. Na segunda fase, foi muito mais fácil, pois o curso já vem com o conteúdo já programado de todos os dias, e graças a Deus consegui acompanhar toda a matéria e ainda consegui revisar e treinar muito, fiz muitas peças, questões e também tirei muitas duvidas com o professor que foram prontamente esclarecidas.

Estratégia: Você tinha mais dificuldades em algumas disciplinas? Quais? Como você fez para superar estas dificuldades?

Taís: Tinha dificuldade em Direito Constitucional, administrativo e direito civil.  Em relação a constitucional, decidi que iria me dedicar a esta matéria e estudei as provas anteriores, assisti muitas videoaulas e resolvi questões, em administrativo fiz algo semelhante. Já em direito civil estudei apenas a parte geral.

Estratégia: A reta final é sempre um período estressante. Como você levou seus estudos neste período? Focava mais na releitura, em resumos, em exercícios, etc?

Taís: Na reta final revisava e fazia exercícios sempre.

Estratégia: Na semana da prova, nós sempre observamos vários candidatos assumindo uma verdadeira maratona de estudos (estudando intensamente dia e noite). Por outro lado, também vemos aqueles que preferem desacelerar um pouco, para chegar no dia da prova com a mente mais descansada. O que você aconselha?

Taís: Eu sou muito acelerada e ansiosa, então estudei até a última hora, entretanto, aconselho a descansar um dia antes da prova. Mas para aqueles que são ansiosos como eu, aconselho então que estudem durante o dia na véspera e descansem a noite.

Estratégia: Para a segunda fase, optou por criar uma peça de qual área do direito? Qual foi sua estratégia na hora de tomar sua decisão?

Taís: Sempre fui apaixonada por direito penal e desde a faculdade acreditava que faria a segunda fase nesta matéria, todavia, uma amiga da faculdade e minha patroa convenceram-me a mudar, resolvi escutá-las, me inscrevi para tributário e foi a melhor decisão que tomei, continuo apaixonada pelo direito penal, mas agora amando o tributário, acho que me converti rsrs.

Estratégia: Se você tivesse que apontar ERROS em sua preparação (se é que houve), quais seriam? Diga-nos também quais foram os maiores ACERTOS?

Taís: Entre os erros, apontaria a minha cobrança comigo mesma, o desespero que tomava conta de mim me atrapalhava no desempenho e também a ilusão de que conseguiria estudar todas as matérias. Não posso precisar os acertos, contudo, acho que a melhor decisão que tomei foi quando me dediquei inteiramente à esta prova e entreguei nas mãos de Deus, para que pudesse ser aprovada.

Estratégia: O que foi mais difícil nessa caminhada rumo à aprovação? E qual foi sua principal motivação?

Taís: Foi abrir mão de momentos com a família, namorado, amigos, colegas e as horas extensas de estudos. A minha principal motivação sempre foi a minha fé em Deus, os meus pais, meus irmãos, minha avó, minha família, meu namorado, meus amigos e meus colegas. Todos que sempre me motivaram e falaram palavras de conforto para mim nos momentos difíceis. Contudo entre todas as pessoas citadas, o meu maior alicerce sempre foram os meus pais Gelson Caetano de Souza e Vanderlei Alves da Cunha, para eles dedico esta aprovação, amo vocês.

Estratégia: Por fim, o que você aconselharia a alguém que está iniciando seus estudos para o Exame da OAB? Deixe-nos sua mensagem para todos aqueles que um dia almejam chegar aonde você chegou!

Taís: Dediquem-se, estudem, abram mão de algumas coisas por um tempo e acima de tudo acreditem que são capazes de conquistar tudo aquilo que almejam. Apesar do Exame de Ordem ser difícil ele não é impossível nem maior do que você, lembre- se que Deus jamais lhe daria um sonho que você não fosse capaz de realizar, por isso continue até conseguir.

Confira outras entrevistas em:

Depoimentos de Aprovados

Cursos Online para Concursos

Foi aprovado e deseja dividir com a gente e com outros concurseiros como foi sua trajetória até a aprovação?! Mande um e-mail para: [email protected]

Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Resultados:

  • Concurso MP-RJ 2018 - Promotor de Justiça Entre os 47 aprovados no concurso 18 são nossos alunos
  • Concurso PRF 2018 - Policial Rodoviário Federal Foram 185 alunos aprovados dentro das 367 vagas da Ampla Concorrência
  • Concurso MP SP (2018) - Analista Jurídico Entre os 2.301 aprovados, 560 são nossos alunos
  • Concurso TJ PR Dos 275 aprovados, 31 são nossos alunos
  • Concurso Banrisul 2018 (Escrituário) Dos 185 aprovados, 46 são nossos alunos

Cadastre-se para receber novidades e ofertas especiais sobre cursos.