Concurso PGM Diadema: inscrições encerradas para Procurador!
Concursos Públicos

Concurso PGM Diadema: inscrições encerradas para Procurador!

As inscrições do concurso PGM Diadema, estão encerradas. Os candidatos tinham até o dia 31 de julho para realizá-las. A prova objetiva ainda não possui data definida, em breve a banca organizadora irá publicar.

Foi encerrado também no dia 31 de julho o período para solicitação de ingresso no certame como Portador de Necessidades Especiais, nome social e demais condições de acesso, assim como o prazo para entrega de títulos.

O edital do concurso PGM Diadema oferta uma vaga imediata para o cargo de Procurador. A organização ficou por conta da empresa Zambini.

Principais datas do concurso PGM Diadema

Inscrição: 27 de abril a 31 de julho
Taxa: R$ 79,90
Prova: a definir

Cargos, vagas e remunerações do concurso PGM Diadema

CARGOSVAGASESCOLARIDADEREMUNERAÇÃO
Procurador1Curso Superior
completo em Direito
e registro na Ordem
dos Advogados do
Brasil
R$ 4.297,53 +
10% Nível
Univ. =
R$ 4.727,28

Etapas de provas do concurso PGM Diadema

  • Prova Objetiva
  • Prova Prática

Prova Objetiva

A prova objetiva do concurso PGM Diadema ainda não possui data definida e tem caráter eliminatório e classificatório. A duração total da Prova Objetiva será de 03 (três) horas, incluindo o tempo para preenchimento da
Folha de Respostas (gabarito).

  • Português: 10 questões
  • Conhecimentos específicos: 30 questões

Prova Prática

A prova prática ao cargo de Procurador serão realizadas na mesma data da prova objetiva, a todos os candidatos, contudo, somente serão corrigidas as provas dos candidatos considerados habilitados (auferindo 50% ou mais do total de pontos atribuíveis à prova objetiva), classificados em até a 60ª
colocação, inclusive os candidatos empatados na última classificação desse limite, sendo os demais excluídos do Concurso Público.

  • Peça Prática: pontuação total = 20 pontos

Somente serão corrigidas as peças práticas dos candidatos que obtiverem nota maior ou igual a 30 (trinta) pontos na prova objetiva. As provas que fugirem do tema proposto, que não apresentarem caligrafia compatível ou forem ilegíveis terão nota ZERO.

A Peça Prática será avaliada segundo os critérios a seguir:

a) a apresentação, a legibilidade, a estrutura argumentativa – textual, o desenvolvimento e o conhecimento do tema, bem como o desenvolvimento da técnica totalizarão a nota relativa ao domínio do conteúdo (NC), cuja
pontuação máxima será limitada ao valor de 20 (vinte) pontos.

b) o domínio da modalidade escrita formal e culta da língua portuguesa onde, para cada erro de concordância verbal ou nominal encontrado na prova, será descontado 1,00 (um ponto) e para cada erro de
ortografia tais como: acentuação, propriedade vocabular, pontuação, divisão silábica, emprego de letras e fonemas, regência, sintaxe de construção ou falta de lógica argumentativa será descontado 0,5 (cinco
décimos), perfazendo o número de erros (NE) cometidos pelo candidato.

c) será desconsiderado, para efeito de avaliação, qualquer fragmento de texto que for escrito fora do local apropriado e/ou que ultrapassar a extensão máxima de linhas estabelecidas no caderno específico.

d) será calculada, então, para cada candidato, a nota da prova (NT), como sendo igual a NC menos o resultado de NE.

Sistema de Questõesconcurso PGM Diadema

Estratégia Questões nasceu maior do que todos os concorrentes, com mais questões cadastradas e mais soluções por professores. Clique no link e aproveite os descontos e bônus imperdíveis!

ASSINE AGORA – Sistema de Questões

Cursos para concursos PGM Diadema

Curso para concurso

Concursos Abertos

Concursos 2020

CONCURSOS 2021

Concursos de Direito

Ficha técnica concurso pgm campo grande

Informações sobre o concurso PGM Diadema

Prova objetiva: a definir
Vagas: 1 vaga
Cargos: Procurador
Banca: Zambini
Escolaridade: Bacharelado em Direito

EditalEdital PGM Diadema – SP

Posts Relacionados

Ricardo Torques

Ricardo Torques

Ricardo Torques é natural de Colombo/PR, formado em Direito pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) em 2009, pós-graduado em Direito Processual Civil pela Faculdade Assis Gurgacz (FAG), em 2012. Em 2009 foi aprovado no concurso de Assistente Técnico Administrativo do Ministério da Fazenda. Foi assessor jurídico em Vara de Infância e Juventude na Comarca de Cascavel/PR. Entre os anos de 2010 a 2015 foi aprovado em concursos de tribunais, TRT da 9ª região, TRT da 4ª Região, TRE-PR, TRT da 1ª Região. Foi assistente de Juiz do TRT da 9ª Região. Foi professor no Concurseiros 24 Horas e Focus Concursos. Atualmente é professor e coordenador do Estratégia Carreira Jurídica nas disciplinas de Direito Processual Civil, Direito Eleitoral, Direitos Humanos e Direito da Criança e do Adolescente.

Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados