Concurso PGDF Procurador: comissão formada! R$ 22.589,59
Carreiras Jurídicas

Concurso PGDF Procurador: comissão formada! R$ 22.589,59

São ofertadas no concurso 65 vagas para Procurador!

A composição da comissão do concurso PGDF Procurador foi divulgada. A comissão irá acompanhar, promover e produzir estudos para a realização do certame, além de escolher a banca examinadora que será responsável pelo concurso. Confira na aba “situação atual” os servidores designados.

O edital terá 65 vagas imediatas para a classe inicial da carreira, com remuneração inicial de R$ 22.589,59, além de honorários.

O certame encontra-se autorizado desde maio e o órgão recebeu autorização para contratar a empresa que será responsável por organizar e realizar as etapas do concurso PGDF.

Para ingressar na carreira é necessário ser bacharel em Direito e estar regularmente inscrito na OAB como advogado. Não é exigida comprovação de prática forense.

Concurso Procurador DF: Situação atual

O concurso PGDF Procurador está com a lista da equipe de planejamento para contratação da banca organizadora formada. Os designados para compor a equipe foram:

I– IZABELA FROTA MELO, Subprocuradora-Geral do Distrito Federal, matrícula nº 96.936-2;
II– CLÁUDIO FERNANDO EIRA DE AQUINO, Subprocurador-Geral do Distrito Federal, matrícula nº 96.929-X;
III- RENATA ANDRÉA CARVALHO DE MELO ESPINDOLA, Subprocuradora-Geral do Distrito Federal, matrícula nº 96.947-8;
IV– RENATA MARINHO O’RIELLY LIMA, Procuradora do Distrito Federal, matrícula 114.781-1;
V– MARCELO RASO DE PAIVA, Subsecretário-Geral de Administração, matrícula 217.711-0;
VI– MEIRIELLEN BORGES ALVES, Analista Jurídico, matrícula 223.894-2;
VII– NAYARA BRITO CORADO DE SOUZA, Técnico Jurídico, matrícula 226.100-6;
VIII– VANDICLEIDE GENUÍNO DE OLIVEIRA, Diretora de Logística e Documentação, matrícula 33.556-8.

A Procuradoria-Geral do Distrito Federal divulgou alterações na composição da comissão organizadora do concurso para Procuradores, com 65 vagas. A portaria foi publicada em 23 de julho de 2020.

Autorizado em maio deste ano, o concurso deve ser lançado ainda em 2020. A Secretaria de Economia do Distrito Federal já autorizou a Procuradoria a dar início aos procedimentos para a escolha da banca organizadora do certame.

De acordo com a Portaria n.º 158 de 04 de maio de 2020, publicada no dia 05 de maio, no Diário Oficial do Distrito Federal, O provimento dos cargos deve ocorrer em fevereiro de 2021, sendo condicionado à disponibilidade orçamentária e financeira do órgão no próximo exercício.

A Procuradoria Geral do Distrito Federal trabalhava desde o ano passado para obter a autorização do novo concurso de ingresso na carreira de Procurador. O órgão vinha buscando negociação na Câmara Legislativa do DF a autorização orçamentária para realizar sua realização.

O órgão tem hoje 80 cargos vagos na carreira, o que tem trazido transtornos para o importante papel do órgão na gestão da dívida ativa do Distrito Federal.

A comissão especial do concurso

IZABELA FROTA MELO, Subprocuradora-Geral do Distrito Federal;
RENATA ANDRÉA CARVALHO DE MELO ESPINDOLA, Subprocuradora-Geral do Distrito Federal;
CLÁUDIO FERNANDO EIRA DE AQUINO, SubprocuradorGeral do Distrito Federal;
RODRIGO DE BITTENCOURT MUDROVITSCH, Advogado, OAB/DF;
CRISTIANY FERREIRA BORGES, Analista Jurídico da
Procuradoria-Geral do Distrito Federal;
MEIRIELLEN BORGES ALVES, Analista Jurídico da
Procuradoria-Geral do Distrito Federal;
GEÓRGIA COUTINHO DOS SANTOS, Assessora da
Procuradoria-Geral do Distrito Federal.

Responsabilidades do colegiado:

  • coordenar e acompanhar as atividades pertinentes à realização do Concurso Público de provas e títulos para preenchimento das vagas para os cargos de Procurador do Distrito Federal;
  • realizar estudos e promover os atos visando à contratação de pessoa jurídica para a realização do Concurso Público, em observância ao Projeto Básico aprovado; supervisionar a execução do contrato; fornecer as informações necessárias à realização do Concurso Público para a pessoa jurídica contratada, bem como para as autoridades competentes;
  • analisar e propor a aprovação de editais, comunicados, cronogramas e instrumentos correlatos;
  • garantir a participação da Ordem dos Advogados do Brasil em todas as fases do Concurso;
  • observar e cumprir a legislação vigente.

Concurso Procuradoria DF: Requisitos do cargo

Para ingressar na carreira de Procurador do Distrito Federal é necessário ter concluído o bacharelado em Direito e ser regularmente inscrito na OAB como advogado.

Diferentemente de muitos concursos para Procurador, o certame da PGDF não exige a comprovação de atividade jurídica.

Concurso Procurador PGDF Remuneração

Além do vencimento básico, os Procuradores do DF tem direito a rateio dos honorários de sucumbência. Confira abaixo a tabela de remuneração da carreira:

CARGO VENCIMENTO BÁSICO
Subprocurador Geral do DF R$ 25.030,01
Procurador do DF – Categoria II R$ 23.778,51
Procurador  do DF – Categoria I R$ 22.589,59

Benefícios

  • Férias: 60 dias.
  • Adicional de Substituição.
  • Licença-prêmio: 3 meses a cada quinquênio.
  • Salário-família.
  • Indenização de transporte.
  • Auxílio-creche e auxílio alimentação.

Concurso PGDF Procurador: cargos vagos e ocupados

 CARGO  CARGOS VAGOS   CARGOS OCUPADOS   TOTAL DE CARGOS 
PROCURADOR – CATEGORIA I 61 39 105
PROCURADOR – CATEGORIA II 1 85 86
SUBPROCURADOR 13 62 75
Total 80 186 266
PGDF: cargos vagos e ocupados de procurador em 06/2020.

O último concurso Procurador DF

O último concurso da PGDF para o cargo de Procurador foi realizado em 2013. Todos os 42 aprovados foram nomeados. Foram ofertadas 25 vagas. O certame contou com 4931 inscritos, o que representou uma concorrência de 197,24 candidatos por vaga.

Etapas do concurso

O concurso público da Procuradoria Geral do Distrito Federal para ingresso na carreira de Procurador contou com seis etapas:

1) Prova objetiva (eliminatória e classificatória);

2) Prova discursiva I (eliminatória e classificatória);

3) Prova discursiva II (eliminatória e classificatória);

4) Prova discursiva III (eliminatória e classificatória);

5) Prova Oral (eliminatória e classificatória);

6) Avaliação de títulos (classificatória).

Disciplinas cobradas

Grupo I:  Direito Constitucional; Direito Tributário; Direito Financeiro e Orçamentário.

Grupo II: Direito Administrativo; Direito Urbanístico; Direito Ambiental; Direito Penal; Direito Processual Penal.

Grupo III: Direito Processual Civil; Direito Civil; Direito Empresarial; Direito do Trabalho; Direito Processual do Trabalho.

Concurso Procurador DF: Prova objetiva

A primeira etapa do concurso Procurador DF consistiu em uma prova objetiva com 200 itens no esquema “certo ou errado”, no qual uma questão errada anularia uma certa. As deixadas em branco não pontuavam.

Confira abaixo a distribuição de questões por grupo de disciplinas:

Grupo Disciplinas Iitens Pontos Mínimos
1  Direito Constitucional; Direito Tributário; Direito Financeiro e Orçamentário. 70 35 14
2 Direito Administrativo; Direito Urbanístico; Direito Ambiental; Direito Penal; Direito Processual Penal. 65 32,5 13
3 Direito Processual Civil; Direito Civil; Direito Empresarial; Direito do Trabalho; Direito Processual do Trabalho. 65 32,5 13
Total  200     100 40

Notas mínimas:

Grupo I: 14

Grupo II: 13

Grupo III: 13

Classificação para convocação para a próxima etapa: 160ª para a lista geral e 40ª para a lista de candidatos com deficiência.

Nota de corte no concurso de 2013: 73,6% – 147 itens de 200.

Provas discursivas

Cada uma das três provas discursivas do concurso PGDF Procurador foi composta por três questões dissertativas e um parecer, dissertação ou peça jurídica.

As provas totalizavam, individualmente, 100 pontos. Cada questão tinham o valor de 15 pontos e o parecer, dissertação ou peça jurídica valeriam 55 pontos.

Para ser aprovado, o candidato deveria atingir 50 pontos por prova e 180 pontos no somatório das provas discursivas. Confira abaixo o programa e o formato de cada prova:

ProvaGrupo de disciplinasFormato
IGrupo IPeça jurídica + 3 questões
IIGrupo IIParecer + 3 questões
IIIGrupo IIIPeça Jurídica + Parecer

Concurso Procuradoria DF: Prova oral

Foram convocados para a prova oral os candidatos classificados no concurso Procuradoria DF até a 40ª posição na lista geral e até a 10ª na lista dos candidatos com deficiência.

Com valor total de 100 pontos, a prova oral se dividiu entre os três grupos de disciplinas. A arguição teve duração máxima de 45 minutos. Os candidatos deveriam responder a uma pergunta de cada grupo em até 15 minutos.

Confira abaixo a distribuição de pontos por disciplina:

Grupo I (35 pontos): Direito Constitucional (15 pontos), Direito Tributário (10 pontos), Direito Financeiro e Orçamentário (10 pontos);

Grupo II (35,00 pontos): Direito Administrativo (15,00 pontos), Direito Urbanístico (10,00 pontos) e Direito Ambiental (10,00 pontos);

Grupo III (30 pontos): Direito Processual Civil (15 pontos), Direito Civil (10 pontos) e Direito Empresarial (5 pontos).

Notas mínimas: 60 pontos na nota geral, 7 pontos nos grupos I e 2 e 6 pontos no grupo III.

Concurso Procurador DF: Prova de Títulos

Todos os candidatos aprovados na prova oral do concurso PGDF Procurador foram convocados para a última fase do certame, que atribuiu no máximo 12 pontos para atividades acadêmicas e profissionais.

Confira abaixo a lista completa:

AlíneaTítuloValor unitárioValor máximo
AExercício do magistério superior, em disciplina da área jurídica, desenvolvido em instituição de ensino superior pública e(ou) particular, reconhecida pelo MEC, durante um período mínimo de 1 ano.0,40 por ano completo sem sobreposição de tempo1,60
BExercício efetivo da advocacia, excetuados os títulos já pontuados na alínea “C”.0,50 por ano completo sem sobreposição de tempo2,0
CExercício de cargo/função pública em cargos de nível superior privativos de bacharel em Direito, excetuados os títulos já pontuados na alínea alíneas “A” e “B”.0,50 por ano completo sem sobreposição de tempo2,0
DAprovação em concurso público para Procurador de Estado, Município ou do Distrito Federal, Advogado da União, Procurador Federal ou da Fazenda Nacional, Defensor Público, Juiz e membros do Ministério Público, excetuados os títulos já pontuados na alínea “C”.0,300,90
EAprovação em concurso público para cargo privativo de bacharel em Direito, excetuados os títulos já pontuados nas alíneas “A”, “C” e “D”.0,150,30
FArtigos, pareceres, ensaios e trabalhos jurídicos veiculados em publicações com ISSN ou ISBN e que possuam conselho editorial.0,200,40
GLivros publicados com ISBN, de autoria individual, no âmbito da ciência jurídica, de, no mínimo, 100 páginas.0,400,80
HDiploma, devidamente registrado, de doutor em Direito ou certificado de defesa e aprovação de tese. Também será aceito certificado/declaração de conclusão de curso de doutorado, desde que acompanhado de histórico escolar.2,02,0

Concurso Procurador PGDF: Notas de corte

Class. P.Obj. P.D. P.Or. Tit. final
1 87.01 248.39 92.74 0.50 428.64
44 74.11 225.73 68.05 0.30 368.19

Cursos para PGDF:

CURSO PGDF PROCURADOR

Assinatura Jurídica

Estude com a maior assinatura jurídica! Cursos on‑line completíssimos em PDFs e videoaulas, com conteúdo teórico didático, legislação e jurisprudência analisados, resolução de inúmeras questões e resumos ao final de cada aula.

ACESSE: Assinatura Jurídica

Sistema de Questões

Estratégia Questões nasceu maior do que todos os concorrentes, com mais questões cadastradas e mais soluções por professores. Clique no link e aproveite os descontos e bônus imperdíveis!

ASSINE AGORA – Sistema de Questões

Fique por dentro de todos os concursos:

Concursos abertos

Concursos 2020

Concursos 2021

Concursos de Direito

Ficha técnica Concurso PG DF Procurador

Principais informações sobre o concurso PGDF Procurador

Data prevista: 2020
Vagas: 65
Cargos: Procurador do Distrito Federal
Lotações: Brasília (DF)
Banca: a definir
Escolaridade: Nível Superior

Último edital: Edital PGDF Procurador – 2013

Posts Relacionados

Veja os comentários:

Deixe seu comentário:

Deixe seu comentário:

Vídeos Relacionados